Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

Wilson Eduardo ao Mais Futebol

Pertence ao Sporting, já jogou por vários outros clubes e esteve no estrangeiro na última época. Quer continuar lá fora ou ser, finalmente, aposta no Sporting?
Vou apresentar-me para fazer parte do plantel. Já tive vários empréstimos, tenho contrato e quero fazer parte da equipa da próxima temporada. Até que me digam o contrário, irei apresentar-me para fazer parte do plantel que é esse o meu desejo.

Mas na época passada, queriam-no no clube, só que o Wilson Eduardo optou por sair… porquê?
Pensei que lá fora iria ser mais utilizado. Foi uma decisão minha, também para conhecer outras realidades. Se foi a decisão mais correta nunca se saberá. Agora com um treinador novo, ainda não sei o que ele pretende, mas, para já, irei apresentar-me para ficar e depois logo se vê.

O que correu mal no Dínamo de Zagreb? Tinha um ano de empréstimo e opção de compra, mas saiu em janeiro…
Nada correu mal. Saí para lá com opção de compra, mas o objetivo do clube era ser campeão e apostar nas competições europeias. Como não conseguimos o primeiro objetivo e o segundo, passar a fase de grupos da Liga Europa, acabaram por apostar em jogadores da formação deles. Por isso, disseram que se houvesse algum clube ou se o Sporting me quisesse de volta poderia sair. Como não iriam apostar em mim, saí para outro campeonato que acabou por ser bom para mim.

E agora acredita que este pode ser o seu ano, depois de tantos empréstimos?
Claro que sim. É com esse pensamento que me irei apresentar em todos os treinos. Espero ficar e conseguir afirmar-me.

Jorge Jesus quer ver todos os emprestados e o que é que o Wilson Eduardo quer mostrar?
Acredito que o mister já me conhece de alguma maneira. Nunca trabalhou comigo, mas já me viu na qualidade de adversário. Irei dar o meu melhor, e o que sei, e ele logo decidirá se fica comigo ou não. Vou dar tudo o que tenho, mas tudo depende do treinador e do que pretende para a época.

Montero, Slimani, Tanaka, Diego Rubio… já há muitos avançados, mas o mercado não está fechado. É demasiada concorrência?
Não vejo as coisas assim. Até porque como consigo fazer duas posições, jogar na frente e nas linhas, acaba por ser bom para mim. Mas ter concorrência é bom. É bom para evoluirmos, porque temos de trabalhar no máximo. E isso, claro, também depende de cada um. Neste caso, depende de mim e se o mister apostar em mim, cabe-me corresponder.

Quem acredita que pode sair do Sporting? Não se fala muito nos jogadores da frente, fala-se mais de Rui Patrício, William, Adrien…
Não sei. Especula-se sempre muito. Há várias épocas que se fala na saída de alguns jogadores e depois afinal acabam por ficar. Qualquer um dos que se fala são uma mais-valia, titularíssimos na última temporada, portanto claro que seria uma grande perda. Mas é preciso esperar até ao final de agosto.

E como está a ver o mercado até agora? 
Sinceramente, não ligo muito ao mercado. Não digo que me seja indiferente, porque quando se contrata para o Sporting contratam-se sempre os melhores, mas passa-me um pouco ao lado. Há quem trate disso, não é trabalho meu. A mim cabe-me responder em campo.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

imagem de perfil