Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

Tudo sobre a Gamebox 2018/19

Gamebox 2018-19.png

 

A Gamebox deste ano reflecte ainda aquilo que era a política idealizada pela anterior direcção, que resolveu manter o preço na maior parte dos sectores do estádio.

Importa relevar que estes preços não sofrerão qualquer alteração com a mudança de conselho directivo, visto que o período de renovação já se iniciou no passado dia 20, estendendo-se até dia 4 de julho. A partir de 7 de julho e após libertados os lugares dos sócios que não renovarem o seu lugar, seguirão as vendas para novos compradores.

A Gamebox deste ano inclui menos um jogo do que a da temporada passada mas tem a particularidade de poder dar acesso a mais dois (que poderão fazer com que acabe por ter mais um jogo do que em 2017/18). Refiro-me a jogos da Liga Europa, que estarão incluídos até aos oitavos-de-final, em caso de qualificação.

Os únicos sócios que terão de pagar mais em relação à temporada passada serão aqueles que tiverem os seus lugares na bancada B, nos sectores laterais ou superiores. A central (A e B), lateral A e Superior A mantêm exactamente o mesmo preço. Desta forma, ainda que hajam sócios de categoria A com lugar nestes sectores, julgo que a ideia seria que a maioria de sócios de categoria B suportassem esse aumento, visto que pagam uma quota inferior e só podem ocupar a bancada B do Estádio José Alvalade sendo, por isso, os principais interessados nesses lugares (as mais elevadas e afastadas do relvado).

 

Assim sendo, a Gamebox 2018/19 inclui:

- Jogo de Apresentação;
- Troféu “Cinco Violinos”;
- 17 Liga NOS;
- 2 Taça da Liga;
- Fase de Grupos Liga Europa;
- 16-Avos e Oitavos Liga Europa; *em caso de sucesso

 

Aos adeptos que apoiam incondicionalmente o Sporting não devem deixar de mostrar a sua vontade, comprando a Gamebox e mantendo assim as excelentes médias de assistência no nosso estádio nas últimas temporadas.

Quanto a mim, depois de dois anos em que o nascimento de mais um filho me impediu de ir a Alvalade com regularidade devido aos constrangimentos familiares que daí advêm, estarei de regresso esta temporada ao convívio dos nossos e ao apoio à nossa equipa.

 

Qualquer dúvida, não hesitem em consultar a página para o efeito, no site oficial do Sporting Clube de Portugal (link). Para o caso de quererem uma análise comparativa mais detalhada, relativamente à temporada passada, fica aqui o link do post respectivo.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

13 comentários

  • Imagem de perfil

    GAG 26.06.2018 09:34

    Porra, Moura, estás deprimido?
    Depois do que vocês correram atrás do Sporting e, acredito eu, apenas e só pelo Sporting, nada vos deve impedir de continuar.
    As coisas terminaram mal desportivamente e não só mas o Sporting é maior do que o A ou o B.
    O passado fica onde deve estar, lá atrás. O Sporting precisa de nós e nós dele. Esta é a realidade dos factos.
    E tu precisas de festejar os golos do Sporting. Era o que faltava...
    Abraço e SL
  • Sem imagem de perfil

    Moura 26.06.2018 10:05

    Não direi propriamente deprimido mas decepcionado muito.
    Claro que foi só pelo Sporting que corremos este ano e com muitos sacrifícios... e isto não tem nada a ver com resultados desportivos, pois isso nunca foi razão para alguma vez pensar sequer não renovar o lugar, visto que sempre o fiz desde à 14 anos.
    Mas como dizes o passado fica lá atrás, mas o presente é o que é e é tudo isto que nos faz pensar no futuro.

    Abraço e SL
  • Imagem de perfil

    GAG 26.06.2018 11:38

    Se foi só pelo Sporting e não tem nada a ver com resultados desportivos, não pode ser a saída de um presidente a determinar a tua lealdade ao Clube. Isto sem qualquer tipo de julgamento.
    Daqui a pouco mais de um mês, lá estaremos
    Abraço
  • Sem imagem de perfil

    Moura 26.06.2018 12:30

    A minha lealdade com o clube continua, até porque em nenhum momento ponderei sequer deixar alguma vez de ser sócio e só deixaria de o ser se não me fosse possível mesmo. O meu compromisso/disponibilidade para com o clube sim, mudou... O que se passou nos últimos tempos não foi só a saída de um presidente, isso foi só o culminar de tudo e esse todo é que me faz estar decepcionado. E esse todo inclui, jogadores, dirigentes e sócios. Mas vamos ver o que os próximos dias/meses nos aguardam.

    Abraço.
  • Imagem de perfil

    GAG 26.06.2018 12:58

    Mas não é afastando-te que mudamos isso. A união tem de partir de nós, também, que "temos" andado às turras uns com os outros só porque não concordamos em determinados pontos. Isso também não pode continuar.
  • Sem imagem de perfil

    Moura 27.06.2018 10:16

    Eu não me vou afastar do processo decisório, estou a afastar-me do apoio ao "relvado". Perdi o encanto pelo futebol e espero voltar a ganhá-lo. Mas hoje há coisas bem mais importantes.

    Tal como dizes sem a união não o vamos conseguir e o que me disseste fez-me pensar muito... Discordo de algumas coisas que dizes nos últimos tempos, mas sei que na mais importante concordamos e ambos sabemos qual é e nem preciso de dizer. Tanto tu como eu, nunca fomos desses de entrar em turras e sempre mantivemos o respeito e a amizade e por isso tenho muito em conta a tua opinião. Como já vimos e com base nas muitas pessoas que conhecemos nos últimos tempos e que hoje estão totalmente divididas, é muito difícil haver uma base de concordância naquilo que queremos, mas será assim tão difícil haver concordância no que não queremos? Achas que algum de nós quer voltar a ver o JM de volta? Tal como esta situação, de certeza que há muitas que sabemos que haverá concordância, porque não pegar nestas? O argumento de que pode ser carvão, para mim não pega, porque são preocupações que temos e mais importante é que este carvão nunca chegue sequer ao fogareiro... e se chegar que se saiba que a grande maioria é contra isso!
  • Imagem de perfil

    GAG 27.06.2018 11:04

    Moura, os Sportinguistas têm, acima de tudo, de voltar a respeitar-se mutuamente. O Sporting é mais importante do que o caminho que cada um acha melhor para o clube. É na pluralidade que o clube cresce. Mais importante do que escolher um líder que faça o queremos é escolher um líder que nos saiba ouvir a todos, acolhendo cada opinião como um contributo válido para o clube.
    É inegável que isso não acontecia e é um desejo meu que passe a acontecer.
    Ninguém quer de volta pessoas que desprezaram as modalidades ou que se serviram do Sporting para interesses próprios e/ou de terceiros.
    Ninguém quer de volta os empresários oportunistas mas também não podemos ignorá-los.
    Ninguém quer a situação dos jogadores que rescindiram resolvida com leviandade.
    Os interesses do Sporting têm de ser salvaguardados e para que isso aconteça não há apenas um caminho.
    Neste momento, fruto das nossas lutas internas, há muita contra-informação e é difícil filtrá-la. Nós temos receio e isso só acontece porque temos visto a nossa confiança consecutivamente traída pelos nossos líderes.
    Há muito para construir mas é muito mais o que nos une do que aquilo que nos separa. Nem todos entendem isto e eu tenho pena.
  • Sem imagem de perfil

    Moura 27.06.2018 11:34

    A escolha de um líder é para daqui a 4 meses... O nosso presente é hoje, e esse hoje é uma CG que não sabemos o que vai fazer e pelos visto tem legitimidade para fazer tudo o que quer.
    Neste momento, pouco ou nada me interessa candidatos, a única coisa que me interessa neles é que parem esta CG de fazer tudo o que lhes apetecer. Depois logo decidiremos qual o candidato em quem votar...
    E não é hoje calados e a deixar ver o que vai acontecer, que o vamos fazer.
  • Imagem de perfil

    GAG 27.06.2018 13:17

    São pouco mais de 2 meses, Moura. Não são 4.
    O anterior Presidente também fazia o que queria. E também tinha legitimidade para isso.
    Isso que sugeres não é razoável nem legal. Como disseste, a CG é legítima. Gostemos ou não.
  • Sem imagem de perfil

    Moura 27.06.2018 14:30

    Sim é pouco mais de 2 obviamente, depois de postar vi que tinha posto mal.

    O presidente destituído foi eleito pelos sócios tal como agora foi destituído, esta CG foi eleita por um PMAG demissionária. É legal mas com poderes para fazer tudo o quer? Isso não te preocupa? O presidente não pôde fazer o que queria, pois tal como sabemos foi destituído, agora a CG pode fazer o que quer? Como é que não é razoável ou legal fazer valer que os sócios não lhes deram esse poder para terem decisões criticas?

    E votar sim, foi votar sim a tudo que a CG quisesse fazer? Vamos esperar que façam e criticar depois? Não nos cabe a nós sócios demonstrar algo que não queremos e acima de tudo os candidatos precaverem-se e darem a sua opinião sobre decisões que podem ser altamente lesivas ou no mínimo limitativas daquilo que defendem quando forem eleitos?

    Não consigo perceber como quem andou a criticar este tempo todo, agora possa não criticar estas situações que podem vir a acontecer, fazendo dessa forma pressão como sempre fez e sabendo eu as suas posições criticas sobre o que está agora em cima da mesa.
  • Imagem de perfil

    GAG 27.06.2018 23:50

    Moura, como é evidente, a CG não deve tomar decisões de fundo. Essas devem ser tomadas pela futura direcção eleita. Naturalmente, preocupam-me as futuras decisões tomadas mas, até agora, não há muito a apontar. Percebo e partilho da preocupação mas não entendo o frenesim que por aí se vê.
    A verdade é que a fase do ano em que estamos obrigará à tomada de algumas decisões importantes e terão mesmo de ser eles a tomá-las.
    Eu não posso criticar uma coisa que não aconteceu nem sei se vai acontecer.
    Decisões de fundo, são para a direcção futuramente eleita. Já o aqui disse antes, até.
    Gestão corrente (e isso não implica apenas pagar salários) teremos de confiar na CG legítima, nomeada pela MAG demissionária mas legalmente em funções.
    Só uma pessoa podia ter evitado isto.
  • Sem imagem de perfil

    Moura 28.06.2018 09:05

    Não concordo com a parte de não se poder criticar antes de ser feita, principalmente neste caso desta CG que "temporariamente" está em funções em que têm de saber que não estamos a dormir e que não vamos aceitar certas situações.
    O só uma pessoa podia evitar isto já ia ser uma conversa muito longa e que já é passado neste momento. Mas terei todo o gosto de falar contigo sobre o meu ponto de vista de tudo isto numa qualquer oportunidade. :)
    Apesar de estar decepcionado com isto tudo, um dos prazeres de ir ver um jogo sempre foi o lado da bancada e certamente um dia destes havemos de nos encontrar num qualquer pavilhão ou estádio.
    Grande abraço.
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Mais sobre mim

    imagem de perfil

    Blogs Portugal