Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Pasquinhices

De forma praticamente unânime, João Mário foi (é) considerado um dos melhores jogadores da última temporada em Portugal.

Seriam esperadas umas quantas primeiras páginas de jornal a tecer loas ao jogador. "O mágico 'isto'", "João Mário 'aquilo'", "Sporting blinda uma das jóias da coroa", "No Euro, é João e mais 10"...

...nada disto aconteceu.

Num ano civíl completo, 365 dias, 12 meses exactos, apenas uma vez o jornal "A Bola" individualizou uma primeira página na pessoa do médio leonino. Uma vez, a 12 de maio de 2016. Tantas vezes como com o seu pai, a dizer que a cláusula é excessiva para o valor que aufere, valor esse acordado entre as partes em agosto de 2015 (há menos de um ano).

Com o Deus dos quistos, deixei de contar à 10ª primeira página...

É o que temos...

 

Sigam o GAG no facebook e no twitter.

Mitroglou é super, dizem eles

Super Mitroglou.png

 

"Só Higuaín e Benzema igualam a série de sete golos em cinco jogos", dizem eles.

De facto, têm razão.

Por precaução, fui ver se os senhores d'O Jogo apenas se referiam a jogos de uma competição em específico ou de todas, apenas para verificar se a minha memória não me atraiçoava.

Sim, até aqui eu nem precisei de auxiliares de memória para me lembrar que Slimani já havia SUPERADO este SUPER feito, só ao alcance de jogadores que não joguem no Sporting.

Desde dia 23, dia em que Slimani fechou uma série de 5 jogos com 8 golos marcados que o Jornal "O Jogo" não se preocupou em destacar o feito. Muito menos em compará-lo com outros por essa Europa fora, amplificando-o.

Ora, afinal, o que aconteceu foi que tiveram de ser contabilizados apenas os jogos das ligas internas...para poder incluir nesta lista Higuaín e o próprio do Mitroglou.

Sim, leram bem. Higuaín e Mitroglou é que tiveram pelo meio jogos de outras competições eu que não marcaram.

Apenas Benzema e Slimani o fizeram em 5 jogos consecutivos, todos para as ligas internas de Espanha e Portugal.

Mas esperem lá...será que os jogos têm de ser todos do ano civil de 2016.

Lá foi eu confirmar outra vez.

Sim, são. Mas...os de Slimani também são!

Acabei por dar uma vista de olhos rápida pelos melhores marcadores dos principais campeonatos para ver se se tinham esquecido de mais alguém.

Sim, esqueceram-se de vários mas, como todos cumpriram feitos semelhantes no ano civil de 2015 e não li o corpo da 'notícia', assumo que os números serão apenas do ano civil em curso.

Assim sendo, e só para esclarecer, em jogos consecutivos para as ligas internas:

SLIMANI: 5 jogos / 8 golos

Mitroglou; Higuaín; Benzema: 5 jogos / 7 golos

O Jornalixo  nacional continua a provar que vale tudo menos valorizar o Sporting. Vale tudo, sobretudo rebaixar e menosprezar o Sporting.

Curioso que o mesmo jornal destacou uma notícia da France Football em que referiu, embora sem qualquer destaque, os 8 golos de Slimani em 5 jogos, feito que valeu ao argelino o prémio de jogador africano do mês de janeiro para a publicação francesa.

Bom dia a todos!

Há que justificar as capas dos últimos dias

Como diria o outro: "A tragédia, o horror...!" ...a que se juntam uns pozinhos... Jesus está furioso e exige director desportivo. As possíveis saídas assustam o treinador do Sporting.

Calma, malta! Estão só a justificar as encomendas dos últimos dias. Fazia lá sentido dizer que eles iam todos para o Sporting e agora não justificarem mais um "roubo", mesmo depois do empresário de Marega dizer que o Sporting não fez qualquer proposta?!

Quanto ao negócio: 5 milhões por um suplente do Marítimo e uma incógnita?! Grande negócio que nós evitamos.

Talvez Bruno de Carvalho até tenha feito uma proposta...naquela onda da do Mitras.

Paga e não bufa, ó "Bufas".

Manobras de diversão

Fosse o Sporting o de antigamente e a estratégia funcionaria em pleno. Mas não é!

Sabendo da pressão do jogo de sábado, a máquina de propaganda ataca novamente, desta vez sob forma de tentativa de desestabilização do plantel, anunciando tudo o que é jogador como opção para o Clube.

Damião, Pato, Diagne, tudo com a premissa de que Teo Gutiérrez está de malas aviadas, ele que ainda agora acabou de aterrar.

Realismo, jornalismo, seriedade...ZERO!

Tudo manobras de diversão para fazer os possíveis para que haja um novo líder este fim-de-semana.

Felizmente, acredito que hajam poucos dentro do Sporting (fora ainda há muitos) que acreditem nestas palhaçadas com segundas intenções.

Já basta o adversário mais directo jogar primeiro para nos pressionar...

Não entremos na cantiga.

União, espírito de sacrifício e luta...dentro e fora do campo. Há uma liderança para segurar.

António Tadeia dixit

"O processo Sporting-Marco Silva tem de ser lido à luz das estratégias de comunicação. Não estou no activo, mas este caso parece igual a tantos outros: há uma (ou mais) fonte(s) com interesse no caso a soprar a notícia do desconforto entre presidente e treinador; essa (ou essas) fonte(s) não assume o odioso da revelação e mantêm-se anónima(s); o desconforto, porém, existe, pelo que a notícia é verdadeira. O caminho fácil é despejar em cima do leitor a pesporrencia da fonte, sem a nomear, fazendo-lhe o jogo sujo em troca de mais uma informação que no futuro dê jeito a ambos; o caminho certo é denunciar o desconforto existente e expor a estratégia da fonte.
O problema é que seguir o caminho certo pede um mundo certo, em que as empresas de comunicação social não cedam a lobismos, que são tão ou mais fortes no futebol do que na política. Ao contrário do que já vi escrito, o cavalgar da onda não tem a ver com pageviews. Tem a ver com sobrevivência, com a vontade de continuar no jogo.
O caminho certo enquanto consumidor de informação também não é assobiar para o lado e dizer que o jornalismo é a nova forma de populismo. Não é vestir a camisola e disparar que o jornalista quer desestabilizar o clube. É exigir que nos expliquem como é que, de um dia para o outro, as redes sociais estão cheias de alusões à associação de Marco Silva a um empresário que tem relações com a Doyen (como se as não tivesse já quando ele assinou contrato por quatro anos) ou como é que José Eduardo aparece a dizer o que disse acerca da agenda própria do treinador. Mas isso, mais uma vez, seria num mundo certo, em que as empresas de comunicação social não cedessem a lobismos como cedem e o consumidor tivesse a possibilidade de escolha educada entre o jornalismo e isto que se faz.
O problema é que o jornalismo está a tornar-se um vício muito caro. E como há por ai muitos sucedâneos grátis, ninguém quer pagar por ele."

Retirado da página do Facebook do Jornalista e Comentador Desportivo da RTP, António Tadeia

 

Sim, foi uma forma simpática de dizer que a sua classe é uma merda e que os Sportinguistas devem ser menos fatalistas.

Aguardemos pela resolução de tudo isto e depois tiremos as nossas conclusões.

Ah, e não comprem jornais nem façam cliques nos respectivos sites de notícias sem fonte, pois estarão a alimentar um 'jornalixo' sem escrúpulos que não dignifica a classe jornalística nacional.

E venha a convocatória para eu idealizar um 'onze'. Tenho saudades de falar de futebol!

Pensei que iam apostar na Taça da Liga

A sério1.png

Faz-se de tudo para evitar falar no total fracasso europeu.
O Benfica vai apostar tudo no campeonato? Pudera...não há mais nada em que apostar! Ou alguém pensa que  melhor é pôr as fichas todas nas Taças?!
O jornalixo português é isto!

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal

Posts mais comentados