Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

Sporting com Inter, Barcelona e Győr na fase final

O Sporting vai disputar a fase final da Taça UEFA Futsal com Inter, detentor do troféu, Barcelona, duas vezes vencedor da prova, e Győr, após a conclusão da Ronda de Elite. Já o Braga fica pelo caminho.

 

Duas vezes finalista vencido da competição, o Sporting CP vai disputar em Abril com o Inter FS, actual detentor do troféu, com o Barcelona, duas vezes vencedor da prova, e com o Győr, depois de as quatro formações terem vencido os respectivos grupos da ronda de elite. O outro representante português, o SC Braga/AAUM fica pelo caminho, mas depediu-se da prova com uma vitória.

Um dos quatro finalistas, será escolhido como anfitrião da fase final, a disputar no formato meias-finais / final a 19 ou 20 e 21 ou 22 de Abril; o sorteio dessa fase final terá lugar no início da Primavera.
 

 

Grupo A: Barcelona

 

  • O Barcelona, vencedor da prova em 2012 e 2014, ultrapassou a ronda de elite pela quinta vez em cinco presenças nesta etapa da competição ao derrotar os estreantes Knooppunt, o Ekonomac Kragujevac e o Pescara, semi-finalista em 2016.

 

Grupo B: Sporting CP

 

  • O Sporting, que na temporada passada se viu pela segunda vez na história derrotado na final, selou a sua sexta presença em meias-finais logo ao fim de dois jogos no Pavilhão João Rocha, em Lisboa, ao derrotar o Halle-Gooik por 3-2 e o Nacional Zagreb por 3-1. Na terceira e última jornada somou novo triunfo, ao bater por 4-0 o Dina Moskva. Com a eliminação da turma moscovita não haverá qualquer formação russa na fase final pela primeira vez desde 2011.

 

Grupo C: Győr

 

  • À entrada para a terceira e última jornada, disputada no sábado, o Luparense, semi-finalista da prova em 2010, somava mais três pontos do que o Győr, anfitrião do grupo. Mas o Győr, orientado pelo espanhol Javi Rodriguez, três vezes vencedor da Taça UEFA Futsal, e capitaneado por Juanra, vencedor da prova ao serviço do Inter em 2009, venceu por 6-4 a formação italiana graças a um "hat-trick" de Fábio Aguiar, antigo jogador do Sporting. O Győr tornou-se assim no primeiro clube húngaro a atingir a fase final da competição, ao ultrapassar pela primeira vez a ronda de elite, à sexta tentativa.

 

Grupo D: Inter FS (detentor do troféu)

 

  • No grupo do estreante SC Braga/AAUM, Inter e Kairat Almaty começaram, ambos, por bater a formação minhota e o Deva, deixando a decisão do primeiro lugar para a derradeira jornada, naquela que foi uma reedição de uma das meias-finais de 2017. Quatro vezes venceor da prova, registo que constitui um recorde, o Inter de Ricardinho acabou por levar a melhor ao vencer por 5-3 num jogo em que o Kairat, duas vezes vencedor da prova, conseguiu chegar por três vezes chegar ao empate. No outro encontro da última jornada o Braga despediu-se com nota positiva desta sua campannha de estreia na competição ao bater o Deva.

 

Espero que o Sporting não se cinja à Altice Arena, que Miguel Albuquerque já disse estar indisponível para as datas escaladas para a final-four, e procure uma alternativa com capacidade para cinco milhares de pessoas ou mais (o mínimo exigido para a competição). Onde quer que seja, os Sportinguistas encherão o recinto, até porque o Sporting é de Portugal e não apenas de Lisboa.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

imagem de perfil