Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Grande Artista e Goleador

Sporting B 0 União da Madeira 1

Há que ser honesto e não analisar o jogo apenas pelo resultado. Perdemos com um dos candidatos à subida, uma equipa muito experiente que para conseguir o objectivo contratou o treinador que mais garantias de sucesso dá, não fosse ele o rei das subidas ao escalão máximo português e, consequentemente um homem que conhece esta competição como ninguém.

A verdade é que o Sporting foi superior ao União da Madeira mas perdeu, fruto de uma segunda bola num lance de bola parada.

Depois de uma boa entrada em jogo em que duas ou três boas situações criadas não ofereceram a melhor hipótese de finalização, a União da Madeira pegou no jogo depois do primeiro quarto de hora e teve até ao golo, ascendente na partida. Até ao intervalo o jogo foi um pouco incaracterístico, fruto de mais uma infantilidade de Fabrice Fokobo (digo mais uma, pois a falta de inteligência que demonstra faz com que sejam frequentes) que se expulsou por imprudência e displicência.

A segunda parte foi de domínio total do Sporting, que desperdiçou a possibilidade de empatar a partida por Ricardo Esgaio que, na marcação de uma grande penalidade permitiu a defesa do guarda-redes madeirense (uma bela defesa, diga-se). O volume ofensivo do Sporting foi elevado, não permitindo oportunidades flagrantes apenas por alguma incapacidade de decidir bem no último passe.

O jogo foi durinho e com alguma impetuosidade (principalmente da nossa parte), não podendo nenhum jogador ser acusado de falta de atitude ou intensidade. Confesso que vi alguns bons pormenores no processo ofensivo, com jogadas bem delineadas em que apenas faltou definir melhor no último terço.

Apesar da boa exibição de Salim Cissé, considero importante resgatar Betinho do empréstimo ao Burnley, pois o português não tem tido oportunidades para jogar em Inglaterra e seria, certamente, um acréscimo de qualidade a esta equipa, sobretudo pelo que pode dar na capacidade de finalizar dentro e fora da área.

Wallyson e Gauld foram, na minha opinião os melhores em campo e seguraram sozinhos o nosso meio-campo na segunda parte, atacando e defendendo sempre bem articulados.

Foi pena a derrota, mas julgo que se podem tirar algumas notas positivas deste jogo.

Mais sobre mim

imagem de perfil