Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Grande Artista e Goleador

Hoje joga o Sporting

É sobretudo em casa que mais se manifestam as dificuldades do Sporting a atacar com qualidade e é por isso que são estes os jogos em que mais temo um resultado negativo. Muito mais nestes, com equipas "pequenas", do que com equipas que podem equilibrar as partidas em termos de domínio territorial e capacidade individual e colectiva.

 

"JJ" chamou Rúben Ribeiro e deixou de fora Iuri Medeiros, cada vez mais em final de linha e com a porta de saída escancarada. Mais ainda vendo que Bryan e Bruno César continuam a ser preferência para as alas, em detrimento do açoriano.

Rúben Ribeiro que pode ser muito importante em jogos como este, onde é necessária alguma capacidade individual para resolver os problemas, coisa que Acuña, Bryan e Bruno César não têm ou, pelo menos, não têm demonstrado.

 

Jesus não vai inventar nem muito menos surpreender. Irá a jogo o onze habitual e logo se vê se Rúben Ribeiro será chamado para se ambientar ao grupo e às dinâmicas da equipa ou para salvar o jogo.

Espero que seja a primeira situação, até porque já temos a nossa dose de jogos salvos e por salvar nos últimos anos. Mais ainda quando jogamos no Estádio José Alvalade.

 

A vitória de ontem do Benfica confirma que a máquina continua bem oleada. Todos sabem bem o que fazer e quando fazer. Estarão na luta até ao fim e podem mesmo ser os mais sérios candidatos ao título.

 

Da nossa parte, teremos de ser extremamente competentes daqui para a frente. Será mais fácil colocar o Porto sobre pressão, mais não seja pela maior instabilidade emocional de uma equipa que precisa deste título como de "pão para a boca" (à nossa semelhança), do que parar a onda vermelha, carregada de malas e favores por cobrar.

Sporting e Porto estão, neste momento, muito mais vulneráveis do que parecem.

Um erro da nossa parte pode ser "a morte do artista" e, em jogos como hoje, não podemos vacilar.

 

Vamos lá mostrar, batalha a batalha, que estamos aí para lutar pelo título até à última jornada.

Eu acredito, até porque me parece que o grupo de trabalho quer muito ser campeão.

Palavra aos artistas.

 

Nota final: sobre o futsal, talvez diga qualquer coisa amanhã, com mais tempo.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil