Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Grande Artista e Goleador

E se fossemos nós?

Quem me segue desde sempre sabe que, desde o início, se contam pelos dedos de uma mão as vezes que dediquei um post aos nossos rivais.

Este, não o sendo directamente, é-o.

Vou fugir à linha habitual para mostrar o porquê da indignação geral dos Sportinguistas com o favorecimento ao rival, Benfica, e para que os benfiquistas que por aqui passam possam entender o nosso descontentamento e possam, eles próprios, ter uma visão mais clara da realidade.

Este campeonato é uma falácia! Tal como disse há dias Rui Santos na SIC Notícias: "Não gosto de ver campeonatos forjados desta maneira...não gosto!"

Eu também não gosto!

E não gosto sobretudo porque o erro é sistemático e sempre em benefício dos mesmos, prejudicando por arrasto os rivais o que, no caso do Sporting, é ainda pior, pois já temos de viver diariamente com o prejuízo de quem nos arbitra.

Mas o título do post dá o mote para o que quero dizer...

E se o benefício fosse ao Sporting?!

Se assim fosse, sentiria-me envergonhado e revoltado e teria todo o prazer em liderar um qualquer movimento pela verdade desportiva.

Não gosto de ganhar com favores!

Gosto de ser um justo vencedor e de poder dar os parabéns ao adversário quando saio derrotado. É esta a essência do desporto. Nunca ganhará sempre o melhor mas deveria sempre sorrir a vitória de forma justa  a quem a conquista.

Haverão sempre erros de arbitragem. É normal. Anormal é acontecerem todas as semanas e invariavelmente em benefício dos mesmos, seja no campo onde jogam ou nos dos rivais.

Se alguma vez, em algum campeonato, vir o meu clube ser beneficiado em quase todos os jogos, manifestar-me-ei. Não quero ganhar assim!

Espero que, mais do que denunciar o roubo que tem sido este campeonato se consigam aprovar as propostas de Bruno de Carvalho que visam MELHORAR o futebol português, tornando-o mais limpo (não confundir com "limpinho, limpinho"), competitivo e justo.

Vivemos há décadas a falar de campeonatos forjados e não é isso que gostava de presenciar nas próximas.

Neste momento, os adeptos do Benfica dividem-se em três grupos:

- Os fanfarrões, que gostam de ganhar de qualquer forma e até sentem um prazer especial por ser assim.

- Os incrédulos, que se encontram ainda em fase de negação. Têm noção de que têm sido levados ao colo mas não ganharam ainda coragem de o admitir publicamente.

- Os envergonhados, que, por sua vez são pessoas bem formadas e educadas com base nos melhores valores, que reconhecem o evidente e se recusam a festejar vitórias mentirosas.

Se fosse o meu clube, incluiria-me no terceiro grupo e muito sinceramente vos digo: espero nunca ter de me ver em semelhante posição!

Mais sobre mim

imagem de perfil