Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

E agora, Marco?

Desde a adolescência que sou um fanático pelo Football Manager (na altura ainda era Championship Manager). Claro que não jogo hoje tanto tempo como jogava.

Eram directas antes de ir para a escola e fins-de-semana quase sem ver a luz do dia, sobretudo em dias de inverno. Todos os que já jogaram em alguma altura passaram demasiado tempo à frente do computador.

A verdade é que o FM é um simulador bastante real e é precisamente por isso que nos rouba tantas horas, muitas elas de sono.

Quem nunca fez uma época num ou dois dias? Quase todos já o fizeram. E, normalmente, essa época nunca corre bem.

Porquê?

Porque é jogada demasiado depressa, sem grandes estratégias tácticas, sem treinar bolas paradas e jogando quase sempre com os mesmos jogadores. Às vezes começamos bem, ganhamos vários jogos consecutivos e acreditamos que aquela equipa vai dar conta do recado. Não mudamos nada. Até que perdemos alguns pontos importantes e quando damos por ela, o objectivo já não está ao nosso alcance. A partir daqui, só queremos que a época termine. Que venha o período de transferências e que tudo recomece de novo.

Só assim é possível a alguém cumprir toda uma temporada em 24 horas, mais coisa, menos coisa.

Alguns já deixaram de ler o post, outros estão à espera que faça sentido. Já vão começar a perceber.

Felizmente, Marco Silva não tentou despachar toda a época num fim-de-semana e espero que, apesar do mau período actual não esteja já a pensar no ano que vem.

Mas, não consigo deixar de encontrar paralelismos entre o que falei e o estado actual da equipa principal de futebol do Sporting. Jogam sempre os mesmos, os cantos e livres ofensivos parece que nunca são treinados vejo o treinador tão apático no banco que parece só estar à espera que tudo isto termine.

Só que ainda há coisas para ganhar e objectivos para cumprir. A equipa precisa de um abanão. Há jogadores fora de forma a jogar sempre e jogadores em forma que só jogam na equipa B. Há jogadores que nunca são substituídos e outros que, invariavelmente, só jogam os últimos dez minutos. Temos inúmeros cantos num jogo e a bola nunca passa do primeiro poste. No mesmo jogo, chegam a marcar um canto quatro ou cinco jogadores diferentes, sinal claro de que não são treinos e que qualquer um vai lá mandar a bola para a molhada, regra geral, sem qualquer tipo de critério. Isto tem de ser alterado. Já devia ter sido. E, ou é agora ou pode nunca vir a ser, com resultados totalmente imprevisíveis.

Não estou com isto a pôr em causa a continuidade do treinador. Acredito nele e em quem o escolheu para o cargo. Acredito nos jogadores que lhe foram colocados à disposição, mas cabe-lhe a ele tirar o máximo partido do plantel que lhe foi confiado, fazendo o melhor para o Sporting. E, neste momento, não está a ser feito o melhor para o Sporting. Prova disso são os últimos resultados e a qualidade exibicional apresentada.

Como podem Adrien e Nani continuar a ser titulares se nada têm oferecido à equipa?

Se, inteligentemente, Marco Silva soube perceber o momento de sentar Jefferson, com os resultados que se conhecem, porque não fazer o mesmo com outros?

Ele é o líder e, independentemente do estatuto de cada um dentro do grupo, ninguém está acima do líder. Todos querem jogar e devem fazer por merecê-lo.

Se no início da temporada tínhamos problemas defensivos, agora temos dificuldades no processo ofensivo. Se os problemas defensivos parecem ter sido resolvidos com mudanças nos intervenientes porque não se faz o mesmo com a estrutura ofensiva?

É que para mim, a falta de Slimani não explica tudo. Nenhum ponta de lança do mundo tinha feito golos nos últimos três jogos pois, praticamente, não criamos oportunidades de golo. Se Montero é um jogador de apoio ao ponta-de-lança par quê insistir em colocá-lo numa posição que não é a sua?! Se Tanaka também não é um avançado, que se tente Mané que fez toda a formação nessa posição. Ou Rubio, que tão boa conta de si tem dado na equipa B. Se Gauld parece poder ajudar a equipa a criar mais oportunidades de golo, porquê tanto medo de o lançar?!

Não podemos é continuar à espera que tudo melhore sem fazer nada, sob pena de não cumprirmos nenhum dos objectivos a que nos propusemos. Espero que Marco Silva regresse, que esqueça o passado, ignore o futuro e se concentre no presente.

Já ganhámos jogos graças à sua perspicácia a ler o jogo e, ultimamente, acho que temos perdido pontos porque invariavelmente decide mal o 'onze' e as substituições.

Marco, acredito em ti! Não te resignes! Faz como nós, ergue-te e luta!

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal