Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Grande Artista e Goleador

Depois de uma noite bem dormida

Depois da revolta e da desilusão que me causou a saída forçada de Eric Dier e de uma noite bem dormida...

Eric e o papá Jeremy, foram ingratos e desonestos para com o Sporting. Vieram para Portugal, gozaram do sol do Algarve e tiveram a sorte ver o filho formado jogador de futebol na melhor escola do Mundo. Agora que se sentem com o futuro nas mãos, cospem no prato onde comeram e vão gozar da 'reforma' para terras de sua majestade.

Que façam boa viagem e que o futuro grande defesa central que eu adivinhava se transforme no maior 'perna de pau' à face da Terra. Foi maior a desilusão com Dier do que com Bruma, Ilori ou Pedro Mendes, pois parecia ser aquilo que não era e fez tudo 'pela calada'.

É claro que três direções do Sporting têm culpa em todo o processo:

- Bettencourt deixou incluir a estúpida cláusula no contrato

- Godinho Lopes nem se preocupou e rever o contrato antes de lançar o jogador às feras

- Bruno de Carvalho assim que chegou devia ter revisto o contrato e, se o jogador não queria renovar e muito menos retirar do contrato a referda cláusula, devia ser encostado.

Sim, encostado! Se à uns anos me fazia confusão ver jogadores a treinar sozinhos e impedidos de jogar, hoje penso o contrário. Se o jogador é ingrato, mau profissional e cospe no prato que lhe deu de comer durante anos deve ter tratamento semelhante. Não podemos andar 10 anos a dar formação futebolística a um jogador para, assim que se sente preparado, este nos virar as costas sem retribuir o esforço e sem o mínimo agradecimento.

Agora, depois de ter dormido sobre o assunto...5 milhões de euros por um suplente, ingrato e mau carácter, que não queria estar no Sporting, parece-me muito bem!
Ao scouting do Sporting peço que consigam detetar potencial humano ao mesmo nível que detetam o potencial futebolístico. Só assim teremos melhores profissionais no futuro!

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal