Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

A comissão de gestão e o mercado

Praticamente terminada que está a tarefa da Comissão de Gestão, é tempo de fazer um balanço.

Na minha opinião, Torres Pereira e Sousa Cintra, líderes temporários do Clube e da SAD, fizeram um trabalho globalmente positivo. Não vou escalpelizar todos os actos de gestão por considerar que apesar de não concordar com a totalidade, nenhum passou os limites do razoável ou da gestão corrente.

Naturalmente que a ida para a tribuna no estádio do Benfica é reprovável mas não é algo que possamos associar à gestão pura e dura do Clube nem relacionar com quaisquer outros acontecimentos, como uma das listas candidatas às eleições já quis fazer ver (com insinuações despropositadas à mistura).

 

Posto isto, vou analisar mais a fundo aquilo que foi o mercado de transferências e o resultado final de um plantel que inicialmente se apresentava desfalcado de alguns dos seus maiores activos, fruto das conhecidas e mais que faladas rescisões unilaterais de contrato levadas a cabo por nove dos jogadores do plantel do ano passado.

O Sporting foi para estágio na Suíça com 29 jogadores. A esses acresciam Acuña e Coates, em período de férias devido à presença no Campeonato do Mundo.

Dos 29 jogadores presentes no estágio, apenas 19 viriam efectivamente a fazer parte do plantel:
- Cristiano Piccini e Seydou Doumbia saíram em definitivo;
- Jonathan Silva, Domingos Duarte, Merih Demiral, Matheus Pereira, Francisco Geraldes, Ryan Gauld, João Palhinha e Mattheus Oliveira saíram por empréstimo.

Aos 21 jogadores que restaram no plantel foram acrescidos os regressos de Bruno Fernandes, Bas Dost e Rodrigo Battaglia, em condições financeiras ainda a confirmar mas que se espera (e fazendo fé nas palavras de Sousa Cintra) que não tenham implicado esforços financeiros incomportáveis ou irresponsáveis.

Nani (ex-Valência) regressou a casa e, como ele, em definitivo, veio Abdoulay Diaby (ex-Club Brugge). Renan Ribeiro (ex-Estoril) e Nemanja Gudelj (ex-Guangzhou Evergrande) vieram por empréstimo e, nas mesmas condições, chegará Stefano Sturaro (ex-Juventus), ainda a recuperar de uma lesão em Itália. Com este estará assim completo o plantel que actualmente contempla 29 jogadores.

Emiliano Viviano (ex-Sampdoria), Marcelo (ex-Rio Ave), Raphinha (ex-Vitória SC) e Bruno Gaspar (Fiorentina) estavam já contratados pela anterior direcção e integraram o plantel desde o primeiro dia.

 

Parece-me inegável que a comissão de gestão não se prestou a grandes loucuras no mercado, como eu acho que lhes competia. Dessa forma, conseguiram dotar a equipa de mais valor do que aquele que o plantel tinha no início da temporada. Na minha opinião, não se poderia pedir muito mais. Todos queríamos que tivessem chegado a Alvalade mais craques da craveira de Nani mas a nossa situação financeira não permitiria captar outros valores, até porque nem todos viriam por amor e/ou gratidão, como acho que veio o nosso "Nanaca" (apesar de naturalmente bem e justamente pago).

Há ainda os casos das dispensas (por empréstimo) dos jogadores da formação mas aí já acho que se limitaram a satisfazer os desejos de José Peseiro, que terá notado em alguns jogadores falta de compromisso e entrega. Se assim foi, embora não concordando com a dispensa de tamanho potencial futebolístico, terei de aceitar a decisão de quem gere os recursos que nos terão de defender em campo e lutar pela conquista de pontos e títulos.

 

Por fim, abordo a situação dos jogadores que rescindiram. Os regressos de Bas Dost e Bruno Fernandes eram, a par de Rui Patrício, para mim, os mais importantes. A comissão de gestão conseguiu garantir a integração de Fernandes e Dost, juntando-se depois Battaglia. 

William Carvalho foi o único dos nove que rescindiram que a comissão de gestão vendeu. As condições acordadas com o Betis não foram ao encontro daquilo que, em condições normais, William valeria mas acho que se fez o negócio possível, dadas as circunstâncias.

Rui Patrício, Daniel Podence, Rafael Leão, Gelson Martins saíram para Wolves, Olympiacos, Lille e Atlético de Madrid respectivamente, enquanto que Rúben Ribeiro continua sem clube.

Todos estes casos seguiram os trâmites legais para que o Sporting possa ser ressarcido pelas suas perdas. Em todos eles estou convicto que ganharemos, embora isso possa não resultar numa compensação financeira justa.

 

Em traços gerais, sem desvarios e loucuras, a comissão de gestão dotou o Sporting de um plantel bem mais competitivo do que aquele que encontrou e, em conjunto com José Peseiro, elaborou o grupo que todos desejamos que levante o troféu da Liga NOS no final da temporada.

Concordo com Dias Ferreira (foi a sua lista que se pronunciou nos últimos dias); a política de gestão e aquisição de jogadores deve mudar, independentemente da candidatura que vença as eleições de sábado, acrescento eu. Concordo que os atletas da formação (desde que motivados e comprometidos - e esta é uma ressalva importante) deverão ser parte integrante e fundamental do futuro do Sporting, desenvolvendo todo o seu potencial e o colocando-o em prol dos objectivos do Clube. Não concordo que a comissão de gestão seja colocada no mesmo saco da anterior direcção, no que concerne à política de contratações adoptada, como facilmente se percebe nas linhas que atrás escrevi.

Posto isto, que o próximo presidente pegue naquilo hoje existe e o torne ainda melhor. Que o Sporting possa finalmente ter alguma estabilidade e glória na modalidade em que esta nos tem faltado e na qual todos ansiamos voltar a ser felizes.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

SPORTING CP 1-0 Feirense: Estes dão tudo e não escrevem nada

 

Começo pelo fim de forma propositada. A conferência de imprensa de José Peseiro é esclarecedora. Por muito que eu tenha barafustado durante 45 minutos, aceito que não tenhamos juntado dois avançados na frente.

Aceito as contrariedades da nossa preparação, entendo-as, e concordo com Peseiro quando disse que nem sempre jogámos bem. Aliás, foi maior o período de tempo em que não jogámos bem do que o contrário e esta tendência terá de inverter-se num futuro próximo. É certo que não é fácil atacar durante a maior parte do tempo e fazê-lo sempre com qualidade, mais ainda com equipas muito fechadas, mas espero mais desta equipa no futuro.

No final, objectivo cumprido! Três pontos averbados e pausa no campeonato garantidamente na liderança.

 

Sendo, para mim, difícil evidenciar um jogador que se destacasse dos restantes pela positiva, ressalvo a fraca exibição de Acuña. Se normalmente já se dispensa um dos três médios-centro nos jogos em casa, mais se torna dispensável se um deles nada acrescenta a qualquer dos momentos do jogo. Há algo que Peseiro tem de começar a valorizar menos; os estatutos. Se a mensagem que passa é que só se admite total comprometimento, não pode ser diferente com a competência e, no sábado, Acuña foi incompetente na maior parte das suas acções.

Bruno Fernandes vive um momento de menor inspiração, que se espera que passe nestes dias em que o foco se vira para as selecções nacionais.

Continuamos a jogar para Montero como se fosse outro jogador a estar lá. Gostei dos minutos iniciais, onde se respeitaram as movimentações e linhas de passe criadas pelo colombiano. Quando isso deixou de se fazer, Montero desapareceu do jogo (sem surpresa).

 

Palavra de apreço novamente para Jovane, que nem é o único com méritos no golo da vitória. Mostra, de facto, comprometimento total, independentemente do tempo que é chamado a "actuar". Dá tudo e parece entender e fazer aquilo que lhe é pedido. Não é, na minha opinião, um grande talento mas tem-se revelado bastante útil, num momento complicado e fundamental da temporada. Veremos se dá continuidade ao longo da época mas não tenho dúvidas que é deste carácter que têm de ser feitos os nossos jogadores, sejam ou não da nossa formação.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Agenda Leonina (com links para transmissões online)

Agenda 1.png

Agenda 2.png

Agenda 3.png

Agenda 4.png

 

FUTEBOL (Sub-23 / Liga Revelação) - Link

TIRO (Seeniores e Juniores / Mundial ISSF) - Link

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

De Bragança a Lisboa...

...são apenas uns minutos de distância.

Basta partir de Alcochete com Daniel Bragança e deixá-lo a brilhar no Estádio José Alvalade.

 

Image result for daniel bragança

 

Visto que a next big thing preparada para esta época resolveu "dar à sola" (acertei no talento, pelo menos), para mim, Bragança é o homem que se segue.

Desde os iniciados que o sigo com atenção e nunca me saiu da mira. Inacreditável como tanto talento, inteligência e maturidade tiveram tão poucas internacionalizações e como passou por todos os escalões de formação sem queimar etapas. Já devia ter feito toda a época passada na equipa B, apenas para eliminar algum tipo de desconfiança.

 

Bragança é talento puro mas, mais do que isso, é inteligência em movimento. Exímio a ocupar os espaços defensivamente, lesto no desarme, inteligente a criar linhas de passe e seguro na execução. Falta-lhe crescer fisicamente e ganhar a tal intensidade que só a jogar com os melhores se ganha. Falta decidir melhor dentro da área adversária (onde chega com qualidade e critério), visto que não tem a melhor meia-distância. 

 

Num momento em que está difícil encontrar um "6" que faça esquecer William Carvalho, a promoção de Daniel Bragança seria para mim a solução óbvia e imediata, como já havia referido na publicação do início da pré-temporada.

Petrovic e Misic não me convencem, Wendel não me parece ser um "6", Battaglia tem características diferentes e Gudelj levará umas semanas a estar nas melhores condições físicas.

Bem sei que Miguel Luís já trabalha actualmente com a equipa principal e possa, por isso, partir à frente de Bragança mas são jogadores muito diferentes (bastante complementares, até).

É um "6" que nós precisamos agora e acho que este devia ser o momento de ter coragem e lançar um jovem cheio de qualidade, maturidade e espírito de liderança.

Bragança tem tudo para dar certo e basta olhar para outros clubes do nosso campeonato para perceber que a idade não conta, quando se trata de lançar os melhores.

 

Nota final: naturalmente, não quero com isto dizer que o Daniel seria titular de caras e para o resto da época mas parece-me claramente uma opção a considerar, sem qualquer tipo de reservas (ainda anteontem o provou mais uma vez, sendo que pode e sabe fazer ainda muito melhor).

Scout Report (janeiro 2017)

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

O que andam eles a fazer?

RAFAEL BARBOSA (Portimonense) - 1996-03-29 (22 anos) - Médio Ofensivo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

25/08/2018 (Liga NOS) - PORTIMONENSE 2-2 Santa Clara
Irreverente e irrequieto, Rafael Barbosa não se atemorizou com os escassos oito minutos que tinha pela frente quando entrou em campo. Entrou bem, naquele que foi o forcing final para conquistar os três pontos. Ainda não foi desta, para os de Portimão.
(Record) Nota 1/5
(ABola) Nota 5/10
(OJogo) Nota 4/10
(MaisFutebol) Nota -/5
(GoalPoint) Nota -/10
(WhoScored) Nota 6.25/10
(SofaScore) Nota 6.8/10
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 4 - 75%

Minutos - 48 / 360 - 13%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  18º na Liga NOS / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GELSON DALA (Rio Ave) - 1996-07-13 (22 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

26/08/2018 (Liga NOS) - Tondela 1-1 RIO AVE
Gelson Dala voltou a ser titular nas costas de Bruno Moreira e a muito da boa meia hora inicial foi da sua responsabilidade. Todo o jogo ofensivo dos vila-condenses passou por ele, decidiu quase sempre rápido e bem, assistiu Galeno de forma primorosa para o golo e ainda festejou outro, anulado posteriormente pelo VAR. Mostrou técnica, velocidade, criatividade, visão de jogo e foi um dos melhores em campo. Saiu aos 81 minutos.
(Record) Nota 4/5
(ABola) Nota 6/10
(OJogo) Nota 7/10 *MVP*
(MaisFutebol) Nota 4/5
(GoalPoint) Nota 5.5/10
(WhoScored) Nota 7.33/10
(SofaScore) Nota 7.4/10
Resumo do Jogo

Jogos - 6 / 6 - 100%

Minutos - 513 / 540 - 95%

Golos - 2 / 10 - 20%

Assistências - 3 / 6 - 50%

Classificação -  9º na Liga NOS / Eliminado da Liga Europa / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

MAMA BALDÉ (Desp. Aves) - 1995-11-06 (22 anos) - Defesa / Extremo Direiro

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

26/08/2018 (Liga NOS) - Sp. Braga 3-1 DESP. AVES
Mama Baldé foi titular e actuou como lateral direito. Para um defesa com propensão ofensiva, atacou pouco, embora o adversário merecesse respeito e cautelas. Teve alguns lapsos defensivos e perdeu o duelo aéreo com Dyego Sousa, no lance do 3-1. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(ABola) Nota 4/10
(OJogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(GoalPoint) Nota 3.6/10
(WhoScored) Nota 5.93/10
(SofaScore) Nota 6.3/10
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 5 - 60%

Minutos - 163 / 450 - 36%

Golos - 0 / 6 - 0%

Assistências - 0 / 5 - 0%

Classificação -  17º na Liga NOS / Derrotado na Supertaça / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

IVANILDO FERNANDES (Moreirense) - 1996-03-26 (22 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

27/08/2018 (Liga NOS) - MOREIRENSE 1-1 Belenenses SAD
Ivanildo manteve a titularidade no centro da defesa e fez uma exibição defensiva sólida, sustentada em sete acções defensivas efectivas, destacando-se mais uma vez no jogo aéreo, ganhando cinco duelos nas alturas. Além disto, foi protagonista da primeira oportunidade do jogo, obrigando Muriel a uma defesa difícil, num cabeceamento após um pontapé de canto. Jogou os 90 minutos e esteve em bom plano.
(Record) Nota 3/5
(ABola) Nota 5/10
(OJogo) Nota 6/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(GoalPoint) Nota 5.9/10
(WhoScored) Nota 6.99/10
(SofaScore) Nota 7.1/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 4 - 50%

Minutos - 180 / 360 - 50%

Golos - 0 / 4 - 0%

Assistências - 0 / 4 - 0%

Classificação -  8º na Liga NOS / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

JOÃO PALHINHA (Sp. Braga) - 1995-07-09 (23 anos) - Médio Defensivo

Contrato (Junho 2023) Cl. Rescisão 60M€

26/08/2018 (Liga NOS) - SP. BRAGA 3-1 Desp. Aves
João Palhinha estreou-se como titular e dominou o meio-campo dos bracarenses. Melhor ainda; estreou-se com um golo de cabeça que virou o resultado, depois de já antes ter enviado uma bola ao poste de pé esquerdo, num grande lance individual. Fez acima de tudo uma grande primeira parte, sendo decisivo na segunda. Saiu aos 74 minutos.
(Record) Nota 4/5 *MVP*
(ABola) Nota 7/10
(OJogo) Nota 7/10
(MaisFutebol) Nota 4/5 *MVP*
(GoalPoint) Nota 7.3/10
(WhoScored) Nota 8.76/10
(SofaScore) Nota 7.9/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 4 - 50%

Minutos - 100 / 360 - 28%

Golos - 1 / 12 - 8%

Assistências - 0 / 10 - 0%

Classificação -  3º na Liga NOS / Eliminado da Liga Europa / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

IURI MEDEIROS (Genoa) - 1994-07-10 (24 anos) - Médio Ofensivo / Extremo

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

26/08/2018 (La Liga) - GENOA 2-1 Empoli
Neste que foi o primeiro jogo do Genoa na Serie A, Iuri Medeiros não saiu do banco de suplentes.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 6 - 0%

Assistências - 0 / 6 - 0%

Classificação -  8º na Serie A / Na 4ª Eliminatória da Taça de Itália

 

* * *

FRANCISCO GERALDES (Eintracht Frankfurt) - 1995-04-18 (23 anos) - Médio Centro / Ofensivo

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

25/08/2018 (Bundesliga) - Freiburg 0-2 EINTRACHT FRANKFURT
Francisco Geraldes voltou a não fazer parte dos convocados. Um golo e uma assistência de Haller, que eu já teria trazido para o Sporting há uns dois/três anos.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 3 - 0%

Minutos - 0 / 270 - 0%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  4º na Bundesliga / Na fase de grupos da Liga Europa / Eliminado da DFB Pokal / Ainda não participou na Taça da Liga / Derrotado na Supertaça

* * *

JONATHAN SILVA (Leganés) - 1994-06-29 (24 anos) - Defesa Esquerdo

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

24/08/2018 (La Liga) - LEGANÉS 2-2 Real Sociedad
Mais recuado no terreno (desta vez actuou como lateral esquerdo puro), Jonathan voltou a ser titular. Depois de uma primeira parte em que ambos os golos do adversário surgem pela sua ala, acabou por fazer uma exibição globalmente positiva, sobretudo pelo que deu ofensivamente à equipa. Assumiu-se como um dos principais protagonistas nas bolas paradas (livres laterais e cantos) e iniciou muitas das principais jogadas de perigo da sua equipa (cinco passes para ocasião de golo), sobretudo no segundo tempo, onde actuou como ala esquerdo, num sistema que poucas vezes contemplou a habitual linha de quatro defesas verificada na primeira parte. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 7.24/10
(SofaScore) Nota 7.9/10 *MVP*
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 2 - 100%

Minutos - 180 / 180 - 100%

Golos - 1 / 3 - 100%

Assistências - 0 / 2 - 0%

Classificação -  12º na La Liga / Ainda não participou na Taça de Espanha

* * *

ALAN RUIZ (Colón) - 1993-08-19 (24 anos) - Médio Ofensivo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

25/08/2018 (Primera División) - Atlético Tucumán 2-1 COLÓN
Alan Ruiz regressou à titularidade mas não fez um jogo ofensivamente produtivo. Num jogador que, como ele, não defende, três remates desenquadrados, zero passes para ocasião de golo e zero cruzamentos acertados não são suficientes. Jogou os 90 minutos mas não teve uma noite feliz.
(WhoScored) Nota 6.63/10
(SofaScore) Nota 6.4/10
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 3 - 100%

Minutos - 209 / 270 - 77%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 1 / 2 - 50%

Classificação -  20º na Primera División / Ainda não participou na Taça da Argentina

* * *

MERIH DEMIRAL (Alanyaspor) - 1998-03-05 (20 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

27/08/2018 (Spor Toto Super League) - Galatasaray 6-0 ALANYASPOR
Merih Demiral voltou a ser suplente não utilizado.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  18º na Spor Toto Super League / Ainda não participou na Taça da Turquia

* * *

LEONARDO RUIZ (Zorya) - 1996-04-18 (22 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

23/08/2018 (Liga Europa) - ZORYA 0-0 RB Leipzig
Leonardo Ruiz não foi convocado, provavelmente pela chegada recente ao clube.
Resumo do Jogo

26/08/2018 (Premyer-Liha) - ZORYA 0-2 Desna
Leonardo Ruiz voltou a não fazer parte dos escolhidos de Yuriy Vernydub.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  5º na Premyer-Liha / No playoff da Liga Europa / Ainda não participou na Taça da Ucrânia

* * *

WALLYSON MALLMANN (Estoril) - 1994-02-16 (24 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

26/08/2018 (Ledman LigaPro) - ESTORIL 1-2 Leixões
Wallyson estreou-se nos convocados e entrou aos 65 minutos, sem que tenha dado muito nas vistas. Os da casa viriam mesmo a perder o jogo nos descontos.
(Record) Nota 1/5
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 2 - 50%

Minutos - 25 / 180 - 14%

Golos - 0 / 2 - 0%

Assistências - 0 / 2 - 0%

Classificação -  6º na Ledman LigaPro / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

RONALDO TAVARES (Cova da Piedade) - 1997-07-22 (21 anos) - Ponta de Lança

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão (Desconhecida)

26/08/2018 (Ledman LigaPro) - UD Oliveirense 1-1 COVA DA PIEDADE
Ronaldo Tavares foi titular na frente de ataque e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 3 - 100%

Minutos - 237 / 270 - 88%

Golos - 1 / 4 - 25%

Assistências - 0 / 4 - 0%

Classificação -  10º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GUIMA (Académica) - 1995-11-14 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

26/08/2018 (Ledman LigaPro) - Vitória SC B 0-0 ACADÉMICA
Guima foi titular no meio-campo e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5

Jogos - 4 / 4 - 100%

Minutos - 272 / 360 - 76%

Golos - 0 / 1 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  14º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GUILHERME RAMOS (Mafra) - 1997-08-11 (20 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2019 + 2) Cl. Rescisão (Desconhecida)

26/08/2018 (Ledman LigaPro) - Benfica B 1-0 MAFRA
Guilherme Ramos foi titular no centro da defesa e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 3/5
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 4 - 75%

Minutos - 270 / 360 - 75%

Golos - 1 / 3 - 33%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  5º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

PEDRO FERREIRA (Mafra) - 1998-01-05 (20 anos) - Médio Centro

Contrato e Cl. Rescisão Desconhecidos

26/08/2018 (Ledman LigaPro) - Benfica B 1-0 MAFRA
Pedro Ferreira entrou aos 70 minutos para o meio-campo mafrense.
(Record) Nota 2/5
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 4 - 75%

Minutos - 50 / 360 - 14%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  5º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

BUDAG NASIROV (FK Zira) - 1996-07-15 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 60M€

25/08/2018 (Topaz Premyer Liqasi) - FK ZIRA 0-2 FK Sabah
Budag Nasirov foi titular no meio-campo dos da casa, tendo sido substituído aos 66 minutos.
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 2 - 100%

Minutos - 94 / 180 - 52%

Golos - 0 / 2 - 0%

Assistências - 0 / 2 - 0%

Classificação -  8º na Topaz Premyer Liqasi

* * *

DOMINGOS DUARTE (Deportivo) - 1995-03-10 (23 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

24/08/2018 (La Liga 2) - Extremadura 0-1 DEPORTIVO
Domingos Duarte manteve a titularidade no centro da defesa mas saiu magoado aos 59 minutos, período até ao qual se exibiu a bom nível. Posteriormente, numa publicação nas redes sociais, o próprio Domingos tranquilizou os adeptos, dizendo que tudo não passou de um susto.
(SofaScore) Nota 7/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 2 - 100%

Minutos - 149 / 180 - 83%

Golos - 1 / 2 - 50%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  6º na La Liga 2 / Ainda não participou na Copa del Rey

* * *

ANDRÉ GERALDES (Sporting de Gijón) - 1991-05-02 (27 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

26/08/2018 (La Liga 2) - SPORTING DE GIJÓN 2-0 Gimnàstic
André Geraldes foi titular na lateral direita e fez um jogo sem sobressaltos. Acima de tudo, como habitualmente, foi seguro na defesa, sem se aventurar muito ofensivamente. Jogou os 90 minutos.
(SofaScore) Nota 7.1/10
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 2 - 50%

Minutos - 90 / 180 - 0%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  4º na La Liga 2 / Ainda não participou na Copa del Rey

* * *

EDU PINHEIRO (Cesarense) - 1997-11-08 (20 anos) - Médio Defensivo / Centro

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

26/08/2018 (Campeonato de Portugal - B) - CESARENSE 1-2 Paredes
Edu Pinheiro foi suplente não utilizado.
Jogo Completo

Jogos - 0 / 3 - 0%

Minutos - 0 / 270 - 0%

Golos - 0 / 7 - 0%

Assistências - 0 / 4 - 0%

Classificação -  5º no Campeonato de Portugal (B) / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

BRUNO FERNANDES (GD Gafanha) - 1997-06-30 (21 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão (Desconhecida)

26/08/2018 (Campeonato de Portugal - B) - GD GAFANHA 2-1 Cinfães
Bruno Fernandes voltou novamente a ser feliz, após um longo calvário de lesões que o têm perseguido nas últimas duas temporadas. Foi titular no ataque do Gafanha e surpreendeu pela capacidade de construir jogo. Foi comum vê-lo baixar para pegar no jogo, ao qual deu continuidade com qualidade. Forçou o lance ofensivo que daria o primeiro golo da sua equipa e converteu em golo o penalti que daria a vitória. Jogou os 90 minutos.
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 3 - 33%

Minutos - 90 / 270 - 33%

Golos - 1 / 5 - 20%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  10º no Campeonato de Portugal (B) / Ainda não participou na Taça de Portugal

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Benfica 1-1 SPORTING CP: Salin garantiu um ponto

 

Se à partida me dissessem que, nas circunstâncias actuais, empatávamos em casa do Benfica, nunca diria que não a essa possibilidade. Claro que o objectivo do Sporting é e terá sempre de ser a vitória mas garantir a possibilidade de, em casa, ganhar vantagem no confronto directo nunca é um mau resultado.

Peseiro optou por Acuña no meio-campo e ganhou essa aposta. O argentino deu muito mais à equipa naquela posição do que nos pode dar na ala mas, mais do que isso, tem valências que Misic ainda não apresentou.

Foi um Sporting a dar a bola ao adversário e a jogar nas transições. A procurar não se "esticar" em demasia para não se deposicionar na hora de defender.

Não é um tipo de futebol que me agrade mas é algo que admito nesta fase da temporada e num jogo desta importância. Peseiro estará ainda à procura de ganhar a confiança do plantel. Um plantel habituado a outro treinador e a outro estilo de liderança. Não há melhor forma de ganhar a confiança de um grupo de trabalho do que com pontos e um em casa de um rival directo nunca será mau.

 

Claro que o Sporting terá de jogar mais e melhor no futuro. Terá de ter capacidade para jogar em organização ofensiva, com qualidade e sem esperar um momento de uma individualidade. Terá de potenciar mais as individualidades do que o faz actualmente e é um colectivo forte que faz sobressair os nossos melhores jogadores. Espero que Peseiro tenha preparado um plano para implementar nesse sentido.

De resto, foi um jogo de sofrimento em que Salin sobressaiu, ao defender tudo o que pôde.

A fragilidade dos nossos laterais é evidente e aquele juntar de linhas que Peseiro pediu após o golo de Nani era catalisador de problemas para a nossa linha mais recuada, sobretudo para Ristovski e Jefferson. O perigo era iminente, tal como o golo do Benfica, que haveria mesmo de acontecer, já perto do final da partida.

Não é, no entanto, esse golo de João Félix que muda a minha análise ao jogo. Peseiro não resistiu à tentação de mudar após a vantagem e devia tê-lo feito não alterando o meio-campo. Mesmo com Bruno Fernandes em sub-rendimento. Ainda assim, nada nos garante que o golo não apareceria, pois os minutos finais seriam sempre de grande pressão.

 

Como disse no início, um empate em casa de um rival nunca será um mau resultado mas só valerá de alguma coisa se o cimentarmos com mais vitórias. Segue-se uma recepção ao Feirense, que tem hoje uma oportunidade de ir a Alvalade na liderança isolada do campeonato.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Agenda Leonina

Agenda 1.png

Agenda 2.png

Agenda 3.png

Agenda 4.png

 

 LIVE STREAMING

 

Campeonato da Europa de Atletismo IPC - Paralympic Games Youtube
Campeonato do Mundo de Canoagem de Velocidade - Planet Canoe

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

O que andam eles a fazer?

RAFAEL BARBOSA (Portimonense) - 1996-03-29 (22 anos) - Médio Ofensivo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

18/08/2018 (Liga NOS) - Desp. Chaves 2-0 PORTIMONENSE
Início de época difícil para o Portimonense, que poderá acabar por beneficiar Rafael Barbosa, que foi opção nos dois jogos da Liga NOS mas sempre a partir do banco de suplentes. As três derrotas oficiais, todas elas por 2-0 deverão abrir em breve as portas do onze a Barbosa, que desta vez entrou aos 69 minutos, para o lugar de Dener. Não acrescentou muito ao jogo paupérrimo dos algarvios e falhou quase metade dos passes que tentou (apenas acertou um dos sete cruzamentos tentados). Ou arrepiam caminho ou Folha será a primeira "chicotada" da temporada.
(Record) Nota 2/5
(ABola) Nota 4/10
(OJogo) Nota 4/10
(MaisFutebol) Nota 2/5
(GoalPoint) Nota 4.7/10
(WhoScored) Nota 5.96/10
(SofaScore) Nota 6.5/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 3 - 66%

Minutos - 40 / 270 - 15%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 /0 - 0%

Classificação -  18º na Liga NOS / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GELSON DALA (Rio Ave) - 1996-07-13 (22 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

19/08/2018 (Liga NOS) - RIO AVE 3-1 Marítimo
Gelson Dala tem sido peça preponderante neste início de época do Rio Ave. É um dos mais utilizados e leva já dois golos e duas assistências nos cinco jogos oficiais disputados pelos vila-condenses. Apesar da eliminação europeia, a equipa segue em frente na taça da Liga. No jogo deste fim-de-semana, foi titular como segundo avançado e, juntamente com Bruno Moreira, foi o melhor elemento em campo. Irrequieto na procura do espaço, explorou bem a sua velocidade, embora nem sempre tenha tido o melhor esclarecimento com bola, talvez por pisar terrenos mais recuados que o habitual. Marcou o segundo golo após boa combinação com o seu colega de sector e saiu aos 74 minutos, logo após o Marítimo reduzir para 2-1.
(FacebookRioAve) *MVP*
(Record) Nota 3/5
(ABola) Nota 6/10
(OJogo) Nota 6/10
(MaisFutebol) Nota 4/5
(GoalPoint) Nota 5.7/10
(WhoScored) Nota 7.17/10
(SofaScore) Nota 7.5/10
Resumo do Jogo

Jogos - 5 / 5 - 100%

Minutos - 432 / 450 - 96%

Golos - 2 / 9 - 22%

Assistências - 2 / 5 - 40%

Classificação -  6º na Liga NOS / Eliminado da Liga Europa / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

MAMA BALDÉ (Desp. Aves) - 1995-11-06 (22 anos) - Defesa / Extremo Direiro

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

17/08/2018 (Liga NOS) - DESP. AVES 2-2 Tondela
De não convocado a titular em apenas quatro jogos. É assim que tem decorrido a época de Mama Baldé. Preterido no primeiro jogo oficial, a contar para a taça da Liga, foi suplente nos restantes três encontros de uma época que se iniciou de forma atípica, com a disputa da Supertaça, perdida para o Porto. Baldé chegou ao passado fim-de-semana com apenas cinco minutos jogados (precisamente na Supertaça) mas a lesão de Rodrigo Soares fez com que saltasse do banco para fazer setenta minutos de bom nível onde, curiosamente, sendo um jogador de cariz ofensivo, se destacou mais na segurança defensiva que deu ao até aí intranquilo flanco direito. Provavelmente será titular no próximo jogo, em Braga.
(Record) Nota 3/5
(ABola) Nota 6/10
(OJogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(GoalPoint) Nota 5.8/10
(WhoScored) Nota 6.7/10
(SofaScore) Nota 6.8/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 4 - 50%

Minutos - 73 / 360 - 20%

Golos - 0 / 5 - 0%

Assistências - 0 / 4 - 0%

Classificação -  14º na Liga NOS / Derrotado na Supertaça / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

IVANILDO FERNANDES (Moreirense) - 1996-03-26 (22 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

19/08/2018 (Liga NOS) - Nacional 1-2 MOREIRENSE
A época do Moreirense não começou da melhor forma, com derrotas para a taça da Liga (Ivanildo foi suplente não utilizado) e na estreia da Liga NOS, frente ao Sporting, onde Ivanildo não pôde ser utilizado, por estar emprestado. Este fim-de-semana, na Madeira, Ivo Vieira deu a titularidade no centro da defesa ao jovem leão e este por pouco que não ficou ligado a outro desfecho da partida. Cometeu uma falta para grande penalidade nos descontos da segunda parte, que depois o Nacional se encarregou de desperdiçar e a avaliação global da sua exibição acaba condicionada por isso mas a verdade é que não fez um mau jogo. Seguro no passe, dominou no jogo aéreo e fez pelo menos uma intercepção determinante. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(ABola) Nota 4/10
(OJogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(GoalPoint) Nota 4.5/10
(WhoScored) Nota 6.16/10
(SofaScore) Nota 6.4/10
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 3 - 33%

Minutos - 90 / 270 - 33%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  10º na Liga NOS / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

JOÃO PALHINHA (Sp. Braga) - 1995-07-09 (23 anos) - Médio Defensivo

Contrato (Junho 2023) Cl. Rescisão 60M€

19/08/2018 (Liga NOS) - Santa Clara 3-3 SP. BRAGA
Chegado a Braga a dois dias da primeira jornada da Liga, Palhinha só este fim-de-semana se estreou, não tendo participado na eliminação das competições europeias. O jogador emprestado pelo Sporting entrou aos 64 minutos, para estancar o crescimento do Santa Clara, que havia reduzido um 0-3 para um 2-3, apenas nos primeiros 15 minutos da segunda parte mas, no primeiro lance em que interveio, os açorianos empataram a partida. Foi uma estreia discreta, ainda que tenha tido alguma preponderância na pouca capacidade que o Braga teve para segurar a bola nos minutos finais do encontro, em que os da casa foram mais fortes.
(Record) Nota 2/5
(ABola) Nota 5/10
(OJogo) Nota 4/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(GoalPoint) Nota 4.9/10
(WhoScored) Nota 6.23/10
(SofaScore) Nota 6.7/10
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 3 - 33%

Minutos - 26 / 270 - 10%

Golos - 0 / 9 - 0%

Assistências - 0 / 7 - 0%

Classificação -  5º na Liga NOS / Eliminado da Liga Europa / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

IURI MEDEIROS (Genoa) - 1994-07-10 (24 anos) - Médio Ofensivo / Extremo

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

A época começou com a passagem à 4ª eliminatória da taça de Itália, onde Iuri Medeiros não foi opção, ficando de fora dos convocados. O jogo inaugural da Serie A acabou por não se realizar (foi adiado), devido à tragédia na ponte Morandi, em Génova.

Jogos - 0 / 1 - 0%

Minutos - 0 / 90 - 0%

Golos - 0 / 4 - 0%

Assistências - 0 / 4 - 0%

Classificação -  9º na Serie A / Na 4ª Eliminatória da Taça de Itália

 

* * *

FRANCISCO GERALDES (Eintracht Frankfurt) - 1995-04-18 (23 anos) - Médio Centro / Ofensivo

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

18/08/2018 (DFB Pokal) - SSV Ulm 1846 2-1 EINTRACHT FRANKFURT
Depois da derrota (0-5) frente ao Bayern Munique na Supertaça alemã, o Frankfurt, detentor da DFB Pokal (a taça da Alemanha) foi desta vez eliminado logo na primeira eliminatória. Francisco Geraldes voltou a não ser convocado, tal como já não havia sido para a disputa do primeiro troféu da temporada. O nosso Chico parece longe da importância com que o cativaram para rumar à Alemanha. Veremos se o cenário muda.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 1 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  Ainda não participou na Bundesliga / Na fase de grupos da Liga Europa / Eliminado da DFB Pokal / Ainda não participou na Taça da Liga / Derrotado na Supertaça

* * *

JONATHAN SILVA (Leganés) - 1994-06-29 (24 anos) - Defesa Esquerdo

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

20/08/2018 (La Liga) - Athletic Bilbao 2-1 LEGANÉS
Estreia auspiciosa de Jonathan na liga espanhola, actuando como médio/extremo esquerdo. Marcou o golo da sua equipa, com alguma sorte no ressalto, no único remate que tentou e ainda fez dois passes para ocasião de golo, um deles podia inclusive ter originado outro resultado no San Mamés. Ainda que tenha sido o elemento em maior destaque na sua equipa, apresentou a inconsistência que já lhe é habitual, desta vez manifestada na incapacidade ao nível do passe (apenas 47% de eficácia), mesmo que tenha acertado dois dos três cruzamentos tentados. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 7.51/10 *MVP Leganés*
(SofaScore) Nota 7.6/10 *MVP Leganés*
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 1 - 100%

Minutos - 90 / 90 - 100%

Golos - 1 / 1 - 100%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  15º na La Liga / Ainda não participou na Taça de Espanha

* * *

ALAN RUIZ (Colón) - 1993-08-19 (24 anos) - Médio Ofensivo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

20/08/2018 (Primera División) - COLÓN 2-2 Tigre
Ao contrário da primeira jornada do campeonato argentino, onde foi titular, Alan Ruiz começou no banco o primeiro jogo em casa do Colón. Chamado aos 61 minutos, demorou apenas cinco a servir Clemente Rodriguez para o 1-1. Podia ter feito o 3-2, num remate cruzado, mas não conseguiu desviar a bola o suficiente do guarda-redes forasteiro.
(WhoScored) Nota 6.85/10
(SofaScore) Nota 6.9/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 2 - 100%

Minutos - 119 / 180 - 66%

Golos - 0 / 2 - 0%

Assistências - 1 / 1 - 100%

Classificação -  17º na Primera División / Ainda não participou na Taça da Argentina

* * *

MERIH DEMIRAL (Alanyaspor) - 1998-03-05 (20 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

19/08/2018 (Spor Toto Super League) - ALANYASPOR 0-2 Ankaragücü
Com apenas três dias de treinos, Merih Demiral foi convocado por Mesut Bakkal para o encontro a contar para a segunda jornada da liga turca mas não saiu do banco de suplentes.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 1 - 0%

Minutos - 0 / 90 - 0%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  17º na Spor Toto Super League / Ainda não participou na Taça da Turquia

* * *

LEONARDO RUIZ (Zorya) - 1996-04-18 (22 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

Leonardo Ruiz foi recentemente apresentado como reforço da equipa ucraniana que eliminou o Braga da Liga Europa. Hoje há jogo a contar para o playoff da prova europeia.

Jogos - 0 / 0 - 0%

Minutos - 0 / 0 - 0%

Golos - 0 / 0 - 0%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  5º na Premyer-Liha / No playoff da Liga Europa / Ainda não participou na Taça da Ucrânia

* * *

WALLYSON MALLMANN (Estoril) - 1994-02-16 (24 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

18/08/2018 (Ledman LigaPro) - Sp. Braga B 0-1 ESTORIL
Oficializado o empréstimo no passado dia 15, Wallyson não foi ainda opção para Luís Freire.
Jogo Completo

Jogos - 0 / 1 - 0%

Minutos - 0 / 90 - 0%

Golos - 0 / 1 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  1º na Ledman LigaPro / Na fase de grupos da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

RONALDO TAVARES (Cova da Piedade) - 1997-07-22 (21 anos) - Ponta de Lança

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão (Desconhecida)

18/08/2018 (Ledman LigaPro) - COVA DA PIEDADE 2-4 Sp. Covilhã
Ronaldo Tavares só chegou ao Cova da Piedade depois da primeira eliminatória da taça da Liga, competição da qual foram eliminados. Foi opção como titular em ambos os jogos da Ledman LigaPro e esta semana estreou-se a marcar no campeonato. Reduziu em cima do intervalo para 1-3 mas não foi suficiente para os da casa operarem a reviravolta. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 3/5
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 2 - 100%

Minutos - 147 / 180 - 82%

Golos - 1 / 3 - 33%

Assistências - 0 / 3 - 100%

Classificação -  11º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GUIMA (Académica) - 1995-11-14 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

18/08/2018 (Ledman LigaPro) - ACADÉMICA 0-1 P. Ferreira
Início de época complicado para a Briosa, sem vitórias em qualquer dos três jogos já disputados e a eliminação na taça da Liga. Carlos Pinto deu a titularidade a Guima em ambos os jogos da segunda Liga e, este fim-de-semana, o jogador emprestado pelo Sporting foi utilizado, como habitualmente, no centro do terreno. Saiu aos 64 minutos, quando o treinador da casa optou por "meter a carne toda no assador".
(Record) Nota 2/5
Resumo do Jogo

Jogos - 3 / 3 - 100%

Minutos - 182 / 270 - 67%

Golos - 0 / 1 - 0%

Assistências - 0 / 1 - 0%

Classificação -  12º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

GUILHERME RAMOS (Mafra) - 1997-08-11 (20 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2019 + 2) Cl. Rescisão (Desconhecida)

18/08/2018 (Ledman LigaPro) - MAFRA 2-0 Vitória SC B
Bom início de época, após a eliminação natural na taça da Liga, frente ao Marítimo. Os mafrenses levam já duas vitórias em dois jogos na Ledman LigaPro e, este fim-de-semana, Guilherme Ramos ajudou a consolidar a vitória dos da casa, marcando o segundo golo, que fixou o resultado final. Foi um dos melhores em campo e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 4/5
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 3 - 66%

Minutos - 180 / 270 - 66%

Golos - 1 / 3 - 33%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  4º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

PEDRO FERREIRA (Mafra) - 1998-01-05 (20 anos) - Médio Centro

Contrato e Cl. Rescisão Desconhecidos

18/08/2018 (Ledman LigaPro) - MAFRA 2-0 Vitória SC B
Chegado em vésperas do encontro da taça da Liga, com o Marítimo, Pedro Ferreira só foi opção nos jogos da Ledman LigaPro. Foi opção em ambos a partir do banco de suplentes e este fim-de-semana entrou aos 75 minutos para o lugar de Sérgio Ministro. Actuou os minutos finais no meio-campo.
(Record) Nota 2/5
Resumo do Jogo

Jogos - 2 / 3 - 66%

Minutos - 30 / 270 - 11%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  4º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça da Liga / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

BUDAG NASIROV (FK Zira) - 1996-07-15 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 60M€

18/08/2018 (Topaz Premyer Liqasi) - FK ZIRA 2-2 FK Keshla
Budag Nasirov foi suplente utilizado. Entrou aos 62 minutos com o resultado em 2-1, para jogar no meio-campo e estreou-se assim esta temporada.
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 1 - 100%

Minutos - 28 / 90 - 23%

Golos - 0 / 2 - 0%

Assistências - 0 / 2 - 0%

Classificação -  6º na Topaz Premyer Liqasi

* * *

DOMINGOS DUARTE (Deportivo) - 1995-03-10 (23 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

17/08/2018 (La Liga 2) - Albacete 1-1 DEPORTIVO
Domingos Duarte estreou-se como titular pelo Deportivo e entrou da melhor forma no segundo escalão espanhol. Marcou de pé esquerdo o único golo da sua equipa, no único remate que tentou e fez uma exibição defensiva muito segura, com sete acções defensivas efectivas. Foi um dos melhores jogadores em campo e certamente deixou satisfeitos os adeptos do Depor. Jogou os 90 minutos.
(SofaScore) Nota 7.4/10 *MVP*
Resumo do Jogo

Jogos - 1 / 1 - 100%

Minutos - 90 / 90 - 100%

Golos - 1 / 1 - 100%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  8º na La Liga 2 / Ainda não participou na Copa del Rey

* * *

ANDRÉ GERALDES (Sporting de Gijón) - 1991-05-02 (27 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

18/08/2018 (La Liga 2) - Alcorcón 1-1 SPORTING DE GIJÓN
No primeiro jogo oficial da temporada, André Geraldes foi suplente não utilizado. Destaque para o golo fabuloso do ex-Belenenses, André Sousa.
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 1 - 0%

Minutos - 0 / 90 - 0%

Golos - 0 / 1 - 0%

Assistências - 0 / 0 - 0%

Classificação -  10º na La Liga 2 / Ainda não participou na Copa del Rey

* * *

EDU PINHEIRO (Cesarense) - 1997-11-08 (20 anos) - Médio Defensivo / Centro

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

19/08/2018 (Campeonato de Portugal (B)) - Leça 0-3 CESARENSE
Depois de ter ficado de fora da convocatória no jogo inaugural do Campeonato de Portugal, Edu Pinheiro não saiu do banco de suplentes na deslocação a Matosinhos.
Resumo do Jogo

22/08/2018 (Jogo de Preparação) - U. Lamas 1-2 CESARENSE
Edu Pinheiro actuou ontem no meio-campo, naquele que foi o jogo de apresentação aos adeptos do União de Lamas.

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 6 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  1º no Campeonato de Portugal (B) / Ainda não participou na Taça de Portugal

* * *

BRUNO FERNANDES (GD Gafanha) - 1997-06-30 (21 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão (Desconhecida)

19/08/2018 (Campeonato de Portugal (B)) - Marítimo B 3-2 GD GAFANHA
Talvez ainda condicionado pela grave lesão da temporada passada, Bruno Fernandes não foi convocado em nenhum dos dois encontros oficiais do Gafanha. Tomara que esteja afastado o "mau-olhado".
Resumo do Jogo

Jogos - 0 / 2 - 0%

Minutos - 0 / 180 - 0%

Golos - 0 / 3 - 0%

Assistências - 0 / 3 - 0%

Classificação -  14º no Campeonato de Portugal (B) / Ainda não participou na Taça de Portugal

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

SPORTING CP 2-1 Vitória FC: Follow the leader

Valeu Nani que, com dois grandes golos, deu ao Sporting a vitória e os respectivos e importantes três pontos.

Um líder é aquele que dá o exemplo, que carrega a equipa em campo quando necessário e que resolve no momento certo. Nani não fez um jogo perfeito mas mostrou que é de outro nível ao sobressair nos momentos-chave. É nisso que se destacam os grandes jogadores e Nani provou que, no nosso campeonato, continua a ser um fora-de-série.

Poucos merecem como ele envergar o leão ao peito. Poucos beijarão o símbolo com a sinceridade dele.

 

O Sporting até entrou bem no jogo, com alguma dinâmica e não foi com surpresa que o golo chegou cedo, numa jogada inventada pelo génio de Nani. Numa incursão da esquerda para o meio, o extremo leonino surpreendeu com um remate potente e bem chegado ao poste direito da baliza do guarda-redes sadino. O mais difícil estava feito.

Durou menos de vinte minutos, o bom momento do Sporting. Salin resolveu comprometer e ofereceu ao Vitória um empate que os de Setúbal não haviam ainda feito por merecer.

 

O Sporting intranquilizou-se e já só voltou a mostrar bons momentos avulso. A incapacidade de sair em ataque organizado voltou a manifestar-se de forma indelével, sobretudo consubstanciado naquilo que Battaglia e Misic não são capazes de dar neste momento do jogo. Ver Coates a assumir a primeira fase de construção numa equipa que tem obrigação de sair a jogar apoiado e com qualidade é preocupante.

A distância entre o bloco defensivo e os jogadores mais ofensivos aumentou drasticamente e a equipa passou a "esticar" o jogo precipitadamente e sem necessidade. Facilmente se identificavam uns vinte metros entre o meio campo defensivo e os quatro jogadores mais avançados. Bruno Fernandes (não fez um único passe para ocasião) pareceu cansado e poucas vezes desceu no terreno para pegar no jogo mas, apesar disso, parece ser a ideia de jogo da equipa que não precipita uma saída mais apoiada para o ataque.

É evidente que os jogadores não se sentem confortáveis e parece-me urgente que Peseiro faça alguma coisa para estabilizar o jogo da equipa e lhe conferir mais segurança com bola.

 

Para piorar, os laterais não ofereceram, no geral, segurança defensiva e os médios-defensivos não podem ter quase única e exclusivamente responsabilidades de cobertura a Ristovski e Jefferson. No entanto, se o macedónio tem algumas valências, o mesmo não se pode dizer do brasileiro, que apresenta lacunas graves ao nível do posicionamento defensivo e concentração, tal como ao nível do passe (aqui Ristovski acompanha-o).

Por falar em passe, é talvez a maior das lacunas em Battaglia e Misic (Petrovic não é muito melhor mas, por norma, joga mais simples, assumindo menos riscos). Torna-se quase impossível jogar com qualidade quando ambos os médios mais recuados se mostram desconfortáveis com bola e incapazes de jogar de forma segura. Cada passe arriscado é falhado e, por vezes, o mais simples dos passes é entregue ao adversário. Este cenário intranquiliza os colegas de equipa, que acabam por se afastar e não forçar o jogo apoiado, com receio do erro.

 

Importa realçar alguns sinais positivos na segunda parte, onde a entrada de Montero se revelou determinante para ligar algum do jogo ofensivo. A insuficiência física de Dost lançou o colombiano para o jogo e este não só tentou chamar os companheiros ao jogo como ainda esteve perto de marcar.

A entrada de Jovane para o lugar de Misic não só deu mais fulgor ao lado direito, onde Acuña não se adapta minimamente, como retirou do meio-campo um jogador que até ali se tinha revelado um equívoco. Ristovski subiu de produção e Acuña revelou-se mais útil como médio interior esquerdo, onde acabou por causar alguns desequilíbrios. 

Um desses desequilíbrios resultou numa excelente triangulação entre Montero, Jovane e Bruno Fernandes, que viria a lançar o jovem extremo no flanco direito. Ristovski deu profundidade na direita, Jovane temporizou e cruzou tenso onde Nani apareceu de forma fulgurante a finalizar de cabeça uma boa jogada colectiva que prova que há potencial na equipa para fazer mais e melhor.

 

 

No fim de contas, o mais importante foi alcançado mas, a uma semana do embate com o Benfica, o momento exibicional não é claramente o melhor e parece que será na raça, entrega e união que poderá estar a base para um bom resultado no Estádio da Luz.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Hoje joga o Sporting

Primeiro jogo oficial em casa, numa época que começou com uma vitória importante mas sem brilho em Moreira de Cónegos.

José Peseiro estará ainda à procura da melhor forma de implementar o seu futebol, acreditando eu que ele não abdicará de jogar com qualidade na hora de atacar.

Depois da birra e do castigo a Matheus Pereira, parece que se abriu a janela de oportunidade para Jovane Cabral. O que sobra em talento a um, compensa o outro com atitude e a cabeça no lugar. Jovane não é grande jogador mas ainda há Raphinha e acredito que o Sporting tem talento suficiente nas alas ofensivas.

O mesmo já não se pode dizer das laterais defensivas. Ristovski não dá a mesma segurança que Piccini dava a defender e Jefferson é o buraco que sempre foi. Urge resolver este problema e não são os médios mais defensivos que o vão fazer.

 

O adversário de hoje é o Vitória Futebol Clube, que venceu na primeira jornada o Aves por 2-0. A equipa de Lito Vidigal quererá aproveitar para surpreender os leões, que terão de mostrar muito mais futebol do que na semana passada para convencer os adeptos, embora o importante sejam os três pontos (pelo menos nesta fase, e num encontro que antecede a visita ao eterno rival).

 

Farei sozinho os mais de 100 quilómetros que me separam de Alvalade, estarei com amigos que há muito não vejo e espero voltar feliz e contente.

Vamos a eles, Sporting!

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

SPORTING CP 1-1 Marseille: um bom teste

Foi bom voltar a casa e foi bom ver, finalmente, um "cheirinho" daquilo que pode ser o Sporting desta época.

Deu para ver algumas coisas interessantes e para identificar algumas carências. Viram-se movimentações e apontamentos técnicos de relevo mas também falhas técnicas e de concentração.

Há, naturalmente, trabalho a fazer. Facilmente se identificam os pontos mais fortes e mais fracos. O regresso de Battaglia suprirá algumas das necessidades do meio-campo mas está longe de resolver os nossos problemas naquilo que é o coração de uma equipa e onde temos ainda de encontrar melhores soluções.

Mérito para José Peseiro, que viu em Acuña características interessantes para actuar no centro do terreno. Poderá ser uma aposta ganha num jogador de qualidade mas que me parece curto como extremo numa equipa com as ambições do Sporting. Creio que o futuro do argentino passará pelo meio ou pela lateral defensiva, em vez da ofensiva, onde temos este ano mais e melhores opções.

 

Foi sobretudo no plano ofensivo que identifiquei alguns comportamentos interessantes, tendo faltado apenas algum acerto no último passe. 

O envolvimento ofensivo dos laterais foi interessante, com especial destaque para a profundidade dada por Bruno Gaspar, na segunda parte, onde mostrou argumentos que, na minha opinião, faltam a Ristovski, sobretudo na hora de servir os companheiros de ataque.

Achei Nani e Matheus ainda abaixo daquilo que podem fazer e não gostei de os ver presos aos corredores onde iniciaram o jogo. Foram várias as vezes que se percebeu que estávamos e encontrar as melhores soluções mas que estas pediam um destro à direita e um canhoto à esquerda. Bastava que tivessem trocado uma ou duas vezes de lugar e as coisas podiam ter corrido melhor, até porque Montero foi um bom elemento de ligação ofensiva mas não teve ocasiões para finalizar, muitas vezes por precipitação na hora de servir quem estava na área.

Acima de tudo, o Sporting fez uma primeira meia-hora bastante consistente, bem como a parte final do segundo tempo.

 

Faltou-nos alguma concentração ao nível do passe no início do jogo, aquando da iniciação do processo ofensivo. Não sei se por convicção ou por falta de uma solução que permita sair a jogar pelo médio defensivo (Petrovic não é o tipo de jogador que garanta qualidade nessa fase do jogo), Peseiro optou por uma saida a dois, pelos defesas-centrais, que estiveram algo nervosos e inseguros com bola.

Ao contrário da opinião geral, não gostei muito de Wendel. Continuo sem perceber quais as suas melhores características e aquilo que nos pode oferecer mas confesso que, com Petrovic, não funciona e acho que mais por aquilo que o brasileiro ainda não dá a construir do que por aquilo que possamos esperar do sérvio, que é claramente um jogador de equilíbrios e simplicidade no passe. Acho que Petro pode ser útil no plantel mas precisamos de um jogador de características diferentes, já que vejo Battaglia para a outra posição do meio-campo.

 

Bruno Fernandes foi o melhor em campo e mostrou que está de corpo e alma no clube, como havia reiterado aquando do regresso. É o nosso melhor jogador e saúda-se o seu empenho e profissionalismo evidentes.

 

Ficam evidentes, na minha opinião, as limitações da lateral esquerda, a falta de um médio-defensivo com capacidade para construir desde trás e um ponta-de-lança distinto de Bas Dost e Montero (vendia Doumbia e Castaignos).

A questão do guarda-redes é para ir vendo. Confesso que continua a ser assunto tabu para mim, até porque poucos me deixariam descansado após a saída de Rui Patrício. Estou reticente em relação a Viviano mas não vou fazer juízos precipitados.

 

No próximo fim-de-semana há novo teste, com o Empoli, a contar para o Troféu 5 Violinos, que o Sporting venceu em todas as edições.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Hoje joga o Sporting e é dia de matar saudades de casa

As habituais esperanças renovadas, independentemente do passado recente.

O habitual friozinho na barriga. A vontade de voltar a casa.

A ansiedade de ver os reforços, de esperar novidades, de ver golos e bom futebol.

A esperança por uma vitória, a alegria de rever os amigos de bancada.

Tudo isto e muito mais, sempre que começa uma nova época, mais o sentimento sempre especial que é voltar a casa.

Hoje ainda é a "brincar" mas, haja o que houver, eu vou lá estar.

Até já!

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Os problemas de afirmação e amadorismo do hóquei em patins

Apesar da evolução táctica e técnica do hóquei em patins, protagonizada pelos seus treinadores e intérpretes, a modalidade continua a perder espaço mediático e com dificuldades em recuperar um lugar que já foi seu, em Portugal e na Europa.

Foi possível ver a falta de público no recente campeonato da Europa, disputado em Espanha.

Em Portugal o hóquei em patins ainda enche pavilhões mas, institucionalmente, trata-se uma estrutura amadora.

 

Ouvi ontem o secretário técnico do Sporting referir que os clubes tinham aprovado a alteração do quadro competitivo português, com a intenção de disputar a 1ª divisão em duas fases, com duas voltas cada uma. Tal alteração previa um aumento do volume competitivo e da própria competitividade (já, de si, enorme) daquela que é hoje considerada por quase todos como a mais forte liga mundial.

Acontece que a federação portuguesa da patinagem resolveu não levar avante essa alteração, abolindo apenas o sorteio condicionado, que obrigava os primeiros quatro classificados da época anterior a defrontarem-se nas jornadas finais da época seguinte. Assim, exceptuando o término desta condicionante, o campeonato disputar-se-á nos mesmos moldes, ignorando o investimento das equipas, a fazer conta com um calendário mais "apertado".

 

Portugal e Espanha, como duas potências mundiais da modalidade, têm uma responsabilidade acrescida na promoção e evolução do hóquei em patins a nível global.

São os principais criadores e potenciadores de talento mas teimam em não preconizar o avanço tecnológico que a modalidade precisa bem como a monopolizar o conhecimento.

O interesse de outros países já é reduzido e, se continuamos a viver o hóquei apenas para nós, sem disponibilizar recursos que potenciem o crescimento de outros países, continuaremos a viver apenas em quatro ou cinco países uma modalidade que se queria olímpica e que não o é precisamente porque a sua introdução nas olimpíadas foi um tremendo falhanço.

 

Salvo uma ou outra possível alteração, as regras potenciam o espectáculo. Falta que as instâncias internacionais, onde Portugal tem responsabilidades, parem de ignorar o problema e façam do hóquei uma modalidade de massas, com transmissões televisivas de qualidade, sobretudo nas mais importantes competições (o campeonato português é uma delas) e partilha de conhecimento que possibilite o alastrar da qualidade e quantidade de praticantes (que em Portugal, pese embora a predominância, está prestes a sair do top 15 das mais praticadas em termos federados).

Fica, mais uma vez, para reflexão.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

A preparação do ataque à Europa

 

A estrutura do futebol feminino identificou a falta de experiência como factor principal do insucesso da época passada na fase de grupos da Champions League.

A contratação de Nevena Damjanović vai ao encontro do reforço dessa experiência. A sérvia vem do Fortuna Hjørring, que reparte a hegemonia no campeonato dinamarquês com o Brondby e foi campeã em dois dos três anos passados num campeonato bem mais competitivo que o português. Junta isso à tão necessária experiência de Champions, em fases mais adiantadas da prova. Embora não actue numa das selecções de primeira linha do futebol feminino europeu, é inegável que acresce experiência ao nosso sector mais recuado (Nevena é defesa central).

Carolina Mendes vem, por assim dizer, colmatar a saída de Ana Leite, que infelizmente se revelou uma contratação completamente falhada na temporada anterior. Mendes é internacional portuguesa e joga no estrangeiro há vários anos, acumulando experiência em campeonatos mais competitivos. Foi talvez a jogadora nacional em maior destaque na histórica presença portuguesa no Europeu, no ano passado, marcando dois dos três golos que Portugal apontou na prova.

 

Voltando à questão do falhanço (assumido) do ano passado na Champions, a minha opinião é que não foi apenas experiência que nos faltou. Faltou-nos ritmo competitivo, fruto de um planeamento com pouca competição. Este ano voltámos a assumir esse risco, desta vez calculado e temo que a nossa preparação possa voltar a não ser suficiente para marcar presença entre as 32 melhores equipas europeias.

Não se trata de apontar o dedo ou desconfiar das decisões da equipa técnica liderada por Nuno Cristóvão mas parece-me que finalmente o Sporting podia ter tido uma pré-época que aproximasse mais a equipa dos adeptos e até que proporcionasse a todos nós uma apresentação condigna aos sócios em Alvalade, com um adversário de Champions, que nos colocasse à prova.

Em vez disso, a equipa tem-se preparado no recato da Academia enquanto que, a quinze dias do primeiro embate na Champions, os nossos adversários directos se preparam a doer.

 

A equipa norueguesa do Avaldsnes IL tem duas passagens tranquilas aos 16avos-de-final nas duas épocas transactas na Champions League. São uma equipa com experiência e sucesso nesta fase da prova.

Partem como naturais favoritas à passagem à fase a eliminar, embora venham a fazer uma época bastante fraca. Estão em 9º no campeonato norueguês, tendo vencido apenas quatro dos treze encontros até agora disputados. Embora o campeonato esteja em plena pausa de verão, regressará uns dias antes do primeiro jogo europeu, pelo que serão também, provavelmente, a equipa mais bem preparada fisicamente, dada a fase mais adiantada da temporada. Quem não regressará é a internacional brasileira Francielle Alberto (Fran). A médio centro canarinha, uma das várias brasileiras da equipa, informou que não regressaria das férias no Brasil, deixando as norueguesas "na mão" e com uma baixa para o que aí vem.

 

As croatas do ZNK Osijek são presença assídua na fase de grupos da Champions, de onde não passam desde 2014. Parecem-me uma equipa ao nosso alcance mas que está a caprichar na preparação, com uma sequência de três particulares com equipas que estarão na fase de grupos da Liga dos Campeões feminina.

Começaram por bater Olimpija Ljubljana por 4-0 para depois saírem derrotadas pelo Spartak Subotica, pelo mesmo resultado. Hoje defrontarão o MTK, da Hungria, nosso adversário da fase de grupos do ano passado.

Para além disto, terão do seu lado o factor casa, visto que serão anfitriãs do grupo 10 de qualificação.

 

Por fim temos as macedónias do ZFK Dragon 2014 que, em princípio, são a equipa mais fraca do grupo. Apesar de se terem reforçado para esta temporada, fizeram-no sobretudo com jovens jogadoras e duvido que estejam ao nosso nível. Iniciaram a preparação no dia 1 deste mês e prometem chegar em forma à competição.

 

Tal como no ano passado, o Sporting inicia a competição com a equipa mais forte (7 de agosto), seguindo-se a equipa da casa (10 de agosto), para terminar com a menos favorita das quatro integrantes do grupo 10 (13 de agosto).

Espero que as novas jogadoras estejam a integrar-se bem e possam ser determinantes para esta época, que se quer ainda mais bem sucedida que as anteriores. Tomara que a preparação se revele a mais adequada e não venha a confirmar os meus receios.

Confio a 100% na qualidade do nosso grupo, colectiva e individualmente. Se as pernas responderem à altura, faremos história.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Tempo de aglutinar ideias e convergir. Pelo Sporting!

Não li nada do que por aí se disse acerca da convenção "Sporting Talks". Falta-me ouvir o último painel mas, do que ouvi, fiquei agradavelmente surpreendido pela capacidade de discutir o clube nas suas várias vertentes, partilhando ideias de forma altruísta com um único fim; ajudar, com a visão de cada um, o Sporting Clube de Portugal.

Espero que os candidatos, alguns deles presentes na convenção, saibam reflectir ou ponderar esta e outras congregações de ideias e possamos assim, finalmente, ter um Sporting plural, unido e ainda maior do que é hoje.

Obrigado aos intervenientes presentes, concordando ou não com as ideias ou opiniões de cada um deles. Tirando uma excepção, todos se comportaram à altura do debate.

Aqui fica, para os interessados:

 

PAINEL 1: MODELOS DE GOVERNO

 

 

PAINEL 2: FUTEBOL

 

 

PAINEL 3: ECLETISMO

 

 

PAINEL 4: NOVAS FORMAS DE FINANCIAMENTO E SUSTENTABILIDADE, COMUNICAÇÃO, MARCA, MARKETING

 

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

As primeiras notas da pré-época leonina

Utilização Pré Época.png

 

Dos trinta jogadores presentes no estágio a decorrer na Suiça, sete deles têm tido uma utilização residual. Bem sei que nem só em jogo os jogadores são observados mas julgo não ter ainda percebido as intenções de Peseiro.

Vejo as coisas equilibradas no sector defensivo, onde tudo parece definido. O quarteto de defesas-centrais estará fechado, com Coates a juntar-se aos três mais utilizados e, nas laterais, um ou dois dos seis disponíveis acabarão por sair.

 

No meio-campo parece-me haver uma grande indefinição, com a parca utilização de parte das opções e a insistência noutras. Não entendo se a utilização mais acentuada de Petrovic, Misic e Wendel pretende criar rotinas ou definir dispensas, evidenciando carências. Sabendo que Chico Geraldes não foi utilizado no primeiro encontro por gestão de esforço, fica a expectativa por ver mais dele. Para Gauld, parece que ainda não é este ano...

 

Nas posições mais avançadas, são Raphinha, Matheus Pereira e Montero os mais utilizados, sendo que sobretudo os dois extremos têm confirmado as expectativas sobre eles criadas. Jovane tem deixado alguns sinais positivos mas parece-me que Peseiro continua à espera de mais alguma coisa para além de Nani.

Para já, ficam latentes as carências de qualidade e/ou profundidade do meio-campo (inclusive) para a frente. É cedo para tirar conclusões acerca de uma possível constituição final do plantel mas podem bastar duas ou três mexidas para resolver o problema.

 

Por fim, algo que tem de ser invertido e me preocupa. Os clubes com equipa B são obrigadas a inscrever dez jogadores formados localmente (entendem-se desta forma jogadores com três épocas desportivas completas ou 36 meses, entre os 15 e os 21 anos de idade, inclusive, bem como o jogador com idade entre os 15 e os 18 anos, inclusive, que nunca tenha sido inscrito por outra federação nacional). O Sporting tem neste momento treze jogadores na equipa principal nessa condição, sendo que quatro deles são estrangeiros. Não é preocupante mas é revelador das mudanças na política desportiva adoptadas desde há duas épocas para cá e dos efeitos que o final da época passada tiveram neste capítulo.

O plantel tem apenas nove jogadores portugueses (a segunda nacionalidade mais representada é o Brasil, com sete) em trinta e três e apenas oito com passagem pelos nossos escalões de formação.

As rescisões tiveram forte influência nestes números e era importante recuperar Rafael Leão para menorizar os estragos e recuperar alguma esperança na formação, depois da saída de cinco dos seus maiores valores.

Todos os candidatos à presidência do Sporting têm dado ênfase à aposta na formação e parece-me que temos um caminho longo a percorrer para que a influência desta no plantel e, sobretudo no onze, se manifeste novamente de forma indelével.

 

O jogo de preparação de hoje com o Fenerbahçe foi cancelado e deu lugar a um encontro à porta fechada com uma equipa menos cotada. Teremos de esperar para voltar a ver os leões em acção. Quanto aos emigrantes, acho que mereciam uma última oportunidade para ver ao vivo o nosso grande amor.

 

Edit: Afinal parece que há esperança quanto à transmissão televisiva do jogo de hoje. O mesmo não se pode dizer relativamente à possível presença de adeptos do Sporting.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Agenda Leonina

Agenda 1.png

Agenda 2.png

Agenda 3.png

Agenda 4.png

Agenda 5.png

 

CICLISMO (Troféu Joaquim Agostinho) - TV Ciclismo (Resumos às 23h na SportTV 5)

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal