Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Cova da Piedade 1-2 SPORTING CP: Dost in the wind

Tensão inesperada num jogo de Taça que tinha tudo para ser tranquilo.

Foi necessário recorrer à artilharia pesada porque se voltou a montar um onze com demasiados jogadores acomodados, sem "rasgo" e fora de forma.

Bas Dost, que tão bem disposto estava no primeiro tempo (ficou no banco de suplentes) acabou o jogo a pedir explicações aos colegas. Ele precisava de descansar. Não era jogo para ter de ser ele a decidir. Em vez disso, foi obrigado a arregaçar as mangas e resolver o problema que, em campo, outros criaram, frente a um adversário que defendeu em bloco muito baixo, explorando apenas o contra-ataque (estratégia que, por pouco, não lhes deu dois golos ainda antes do intervalo).

O matador holandês trouxe poeira onde, até então, apenas tinha havido vento.

A verdade é que Bruno Fernandes e Bas Dost, apenas dois jogadores, mostraram a toda uma equipa que a atitude não era aquela e que era preciso mais empenho e dedicação para se seguir o caminho da felicidade.

No final, apesar das dificuldades, seguimos em frente e esperamos agora pelo resultado do jogo entre o Moreirense e o Porto para conhecer o adversário das meias-finais.  

Muito tinha eu a dizer sobre o jogo e sobre alguns jogadores e o treinador mas vou optar por digerir isto de outra forma. Pelo menos desta vez, vou deixar assentar a poeira.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil