Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

SPORTING CP 6-0 U. Madeira: A goleada que se impunha

Eu já assinaria de cruz um 4-0, se mo apresentassem antes do jogo. 6-0 deverá colocar a questão do goal average definitivamente arrumada, bastando vencer em Belém para carimbar a passagem à final-four, marcada para Braga, daqui a pouco mais de um mês.

 

A vantagem magra ao intervalo obrigou Jesus a agitar as águas para a segunda parte. 

Mathieu marcou o segundo, na sequência de uma bola parada e, ainda antes dos 10 minutos da etapa complementar, Bryan Ruiz e Bruno César deram lugar a Bruno Fernandes e Bas Dost. A partida mudou radicalmente de rumo.

O União passou a estar constantemente sobre pressão e o sufoco foi tal que num quarto de hora o resultado avolumou-se para um tranquilo 4-0, com mais um par de oportunidades desperdiçadas.

 

As situações de finalização sucediam-se em catadupa e foi já com Iuri Medeiros em campo, no lugar de Doumbia (que marcou dois golos à Teo Gutiérrez), que o resultado ganhou outra expressão.

Coates apareceu a finalizar como se de um médio ofensivo se tratasse e o próprio Medeiros fechou a contagem com um golo à sua imagem. Não deixa de ser impressionante como é que, mesmo sabendo aquilo que Iuri vai fazer, se torna tão difícil impedir que o remate saia. No fim de sair, há fortes possibilidades de acabar como acabou; no fundo das redes.

Tenho pena que o golo e os festejos tenham soado a "adeus" em vez de "estou aqui". Veremos o que acontece emjaneiro mas tenho a certeza que, com mais oportunidades,Iuri seria muito importante esta época, sobretudo com tantas competições para disputar.

Objectivo cumprido, é tempo agora para umas mini-férias natalícias, sem tempo para grandes loucuras, já que a fase de grupos desta Taça CTT se decide antes do final do ano.

 

A publicidade neste blog destina-se apenas a fins solidários.
Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil