Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Agenda Leonina

Agenda 1.png

Agenda 2.png

Agenda 3.png

Agenda 4.png

A partir de segunda-feira disputa-se o Mundial de Judo, em Budapeste e o Sporting estará representado com 6 atletas: Maria Siderot e Taciana Lima 48kg , Joana Ramos 52kg , Sergiu Oleinic 66kg , Anri Egutidze 81kg e Jorge Fonseca 100kg.

 

Dia 31 de Agosto, quinta-feira, Luís Costa entra em acção nos Mundiais de paraciclismo, disputando neste dia o contra-relógio da classe H5.

 

De ambos os eventos, darei as informações mais relevantes ao longo da semana.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Ainda há história para escrever, leoas

Apesar de nos termos atrasado, ao perder no primeiro jogo desta qualificação (resumo) para a fase a eliminar da Champions League feminina, ainda há história por escrever.

Hoje, às 16 horas, o Sporting procura a primeira vitória de sempre na competição e, se Diana Silva foi a primeira jogadora a marcar pelas leoas na maior prova de clubes da Europa, falta saber quem marcará os golos que nos darão os primeiros pontos na prova, de preferência três, que alimentarão as nossas diminutas esperanças de apuramento para os 16-avos de final da Liga dos Campeões.

 

O adversário de hoje é a equipa da casa, o MTK Budapeste.

As húngaras venceram o primeiro jogo e estão em posição de partir para a última jornada dependendo apenas de si para se qualificarem para a fase seguinte da prova.

Uma vitória da nossa parte levará para a última jornada três equipas com reais hipóteses de se apurar para a fase a eliminar (assim, teríamos de vencer o último jogo e esperar que o MTK derrotasse BIIK Kazygurt, decidindo-se tudo no goal average nos jogos entre as três equipas).

 

Contas à parte, há a verde-e-branca para honrar e os três pontos para conquistar e tenho a certeza que nenhuma das nossas jogadoras deixará de "comer a relva".

Boa sorte e vamos a elas!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Agora sim, temos adversários ao nosso nível

O sorteio da Liga dos Campeões realizou-se ontem e, como se esperava, o Sporting foi a fava do pote 4. Nenhuma equipa dos potes anteriores quereria calhar connosco e, assim, entre Juventus, Barcelona ou Olympiacos, um irá para casa e outro para a Liga Europa.

 

Fora de brincadeiras, tal como seria previsível, só com muita sorte (algo que não nos costuma sorrir) o Sporting evitaria a presença de dois dos chamados "tubarões" no grupo.

Calhou-nos a Juventus, finalista em duas das últimas três edições da prova, uma delas na temporada passada e o Barcelona, crónico candidato ao título e vencedor de duas Champions desde 2010, período no qual foi por cinco vezes semi-finalista em oito edições da prova.

 

O Olympiacos está perfeitamente ao nosso alcance mas...o Legia também estava.

É aqui que incide a maior parte das minha preocupações nos embates do nosso grupo. É onde jogaremos a continuidade nas provas europeias, para depois tentarmos fazer algo mais em jogos onde a "responsabilidade" não está do nosso lado.

No ano passado, os gregos foram surpreendentemente eliminados na 3ª pré-eliminatória pelos israelitas o Be'er Sheva mas é comum vê-los a discutir o apuramento para os oitavos-de-final com equipas como o Arsenal, a Juventus, o Borussia Dortmund ou o Marselha, tendo mesmo passado à fase seguinte em 2013/14, num grupo com Paris SG, Benfica e Anderlecht.

A verdade é que é raro ver o campeão grego falhar a continuidade nas provas europeias, assegurando sempre 8/9 pontos na fase de grupos da Champions, garantindo o terceiro lugar.

 

Pede-se humildade nos jogos com os gregos e superação nos restantes encontros. Se tudo isto acontecer, podemos até estar a falar numa surpresa no início de Dezembro, de preferência com a Liga Europa garantida a uma jornada do final.

Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil