Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Hoje joga o Sporting

Noite fria e 40 mil leões esperados no José Alvalade para apoiar e festejar com a equipa uma vitória e mais três pontos, fundamentais para manter a distância para o líder e encurtar o espaço para o segundo classificado.

Jesus chamou Palhinha e o jovem médio está convocado. Rui Patrício e Rúben Semedo continuam lesionados e não fazem parte dos planos para hoje. Voltando a Palhinha, acho que Jorge Jesus, sabendo que dificilmente encontrará o parceiro para Bas Dost, poderá estar a pensar num meio-campo a três e Palhinha, para além de dar mais liberdade a William e Adrien, poderá ser determinante na resolução dos problemas das laterais. Defender, ganhar duelos aéreos e dobrar os laterais são os pontos fortes de Palhinha e, apenas com o seu regresso, podemos resolver a maior parte dos nossos problemas defensivos. Mesmo sendo apenas alternativa a William, o seu regresso será sempre uma mais-valia.

Markovic não está convocado e parece-me óbvio que, sendo possível, o seu regresso ao clube de origem nos seria benéfico.

 

Hoje, frente ao Feirense, temos obrigatoriamente que vencer e uma vitória clara e inequívoca pode ser importante para dar à equipa a confiança que tem faltado.

Continuamos em busca de uma série de vitórias que suba a auto-estima e o rendimento dos jogadores, ao ponto de voltarmos a ser verdadeiramente temíveis, como fomos no ano passado.

 

Com Zeegelaar de fora dos convocados, será novamente Jefferson a assumir a lateral esquerda. É verdade que a equipa vem sofrendo menos golos desde que regressou mas continua a ser inexistente a efectividade do seu apoio ao ataque, evidenciando as mesmas debilidades na hora de defender. Do lado oposto, Esgaio voltará a merecer confiança, pelo menos até Schelotto estar recuperado. A Esgaio, que é mais competente que Jefferson nos equilíbrios defensivos, falta-lhe alguma confiança para fazer no ataque aquilo que fazia com naturalidade quando jogava mais adiantado no terreno. Assim que se der esse click no nazareno, podemos encontrar o dono da lateral direita. Caso não aconteça, Jorge Jesus poderá ceder à tentação de ir ao mercado, com todas as incertezas que uma nova abordagem pode trazer.

 

Seja como for, espero uma equipa ligada e intensa na hora de atacar e provocar o erro ao Feirense. Não há como negar que jogaremos frente a uma das equipas mais fracas da Liga e temos mais do que obrigação de vencer.

Como resultado disso, espero o regresso de Bas Dost aos golos e acredito que fará mais do que um. 

Vêm aí um duplo duelo com o Chaves é será determinante ir a trás-os-montes com mais três pontos na contagem.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

HÓQUEI / SPORTING CP 3-1 Oliveirense: Vitória fundamental

Há 3 épocas o hóquei do Sporting era uma modalidade autónoma e lutava pela manutenção. Em 2013/14 fomos 9º e só no ano seguinte a modalidade passou de forma oficial para o Clube. Na época 2014/15 vencemos a Taça CERS e fomos 5º no campeonato, muito perto da qualificação para a Liga Europeia. No ano passado (2015/16) conseguimos finalmente dar entrada na elite do hóquei europeu e qualificámo-nos para a prova máxima, após o 4º lugar, tendo disputado também a final-four da Taça CERS.

Este ano a aposta no título é mais séria mas não fomos apenas nós a investir. Todos os rivais directos o fizeram e têm objectivos sérios internamente e nas competições europeias.

 

O erro naquele jogo que nos tirou três pontos na secretaria atrasou-nos de tal forma que dificilmente teremos capacidade para discutir o título. O Benfica tem uma equipa fortíssima e, mesmo com dois jogos por realizar com o eterno rival, continuamos a precisar que eles escorreguem mais do que nós iremos escorregar. E vamos escorregar algumas vezes, podem acreditar.

 

Hoje, a recepção à Oliveirense era fundamental para manter viva a esperança do título mas, mais do que isso, coloca-nos em posição de discutir o segundo lugar que, não sendo um título, nos coloca numa posição dominante na mais forte liga do Mundo. 

Na minha opinião, melhorar esta época a classificação do ano passado, tornará a temporada positiva. Deve ser esse o foco...dar o melhor para ganhar cada jogo e, no final, fazer melhor que no ano passado, em pontos e no seu reflexo na tabela classificativa.

Mas há mais títulos para disputar esta temporada e é aí que devemos ir com tudo. A Liga Europeia começou mal e estamos obrigados a vencer os três jogos que faltam, sob pena de não nos qualificarmos para a fase a eliminar. Averbar três vitórias nesses jogos fará de nós um sério candidato ao título europeu. Porque temos uma grande equipa e porque numa competição por eliminatórias, tudo pode acontecer, como verificámos em 2014/15. Depois, há ainda a Taça de Portugal.

 

Quanto ao jogo de hoje, foi um duelo de grande intensidade. Nem sempre bem jogado mas com duas equipas que se respeitaram e lutaram pelos três pontos. O Sporting esteve a perder 1-0 já no decorrer da segunda parte e teve de correr atrás do prejuízo. Tuco empatou o jogo numa excelente execução, após um lance em que atacámos o último reduto oliveirense em superioridade numérica. De grande-penalidade, Tuco bisou e colocou-nos em vantagem e daí para a frente a equipa soube recorrer aos seus jogadores mais experiente para, não só segurar a vantagem, como dilatá-la. Foi o inevitável Pedro Gil que deitou por terra as esperanças da Oliveirense e colocou em polvorosa os fervorosos adeptos leoninos, que encheram o pavilhão do Futebol Clube Alverca.

Neste momento estamos a oito pontos da liderança mas a apenas três do segundo lugar, posição que dependemos apenas de nós para alcançar.

Para a semana temos uma determinante deslocação a Itália, para defrontar o Forte dei Marmi, na quarta jornada da Liga Europeia. Um resultado que não seja a vitória poderá arrumar por completo com as nossas esperanças de seguir em frente na prova. Será mais um jogo de tudo ou nada, numa série de jogos de elevado grau de dificuldade até ao final da primeira volta do campeonato.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil