Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Os leões do ano

FUTEBOL

JOGADOR DO ANO

JOGADOR REVELAÇÃO DO ANO

MODALIDADES

ATLETA DO ANO

ATLETA REVELAÇÃO DO ANO

EQUIPA DO ANO

TREINADOR DO ANO

Sigam-me no facebook e no twitter.

SPORTING CP 1-0 Varzim: Faltaram mais golos

Jorge Jesus disse que foi uma exibição razoável. Eu diria que foi boa e teria mesmo sido muito boa com uma eficácia a condizer com a qualidade com que soubemos construir. Falhou o último passe e, quando este entrou, foi a finalização que falhou.

 

O Sporting fez um jogo, como se esperava, de domínio absoluto, com momentos de bom futebol e algumas oportunidades para concretizar mais do que um golo, sobretudo na segunda parte, onde conseguimos desorganizar mais vezes a defensiva do Varzim, sobretudo devido às investidas de Gelson Martins.

 

Por falar em Gelson, se é certo que nem sempre acerta no momento de fazer o último passe, é inegável que vêm dele os momentos de melhor futebol da equipa, sobretudo pela sua capacidade de, individualmente, resolver aquilo que muitas vezes não conseguimos em equipa. Os colegas sentem isso e, num momento que continua a não ser de grande confiança, é vê-los a entregar de forma consecutiva a bola ao miúdo à espera que tire um coelho da cartola. Foi o que fez ao marcar o único golo do jogo, um grande golo que me pareceu fortuito, dado que a intenção parece ser a de cruzar. Voltando às vezes que Gelson é solicitado durante os 90 minutos, é impossível que o jovem extremo não acabe por errar muito, dado que passa o jogo em constantes acelerações e subidas e descidas pelo corredor. Há alguns jogos que é evidente que Gelson faz a última meia hora cansado e isso é culpa da equipa, que o tem "massacrado" por não conseguir resolver as coisas colectivamente. Todos sabemos que o cansaço tira discernimento e a calma que Gelson revelou no primeiro terço da época tem sido atrapalhada nos últimos jogos pelo frenesim com que os colegas o procuram. Foi o melhor em campo e tenho a certeza que voltará a decidir melhor assim que o rendimento colectivo melhore e se torne constante.

 

O resultado escasso não resolve o apuramento, como por exemplo um 3-0 faria. Assim, uma derrota por dois golos em Setúbal coloca-nos fora da competição e, sabendo como são as coisas, não vai dar para facilitar no Bonfim. Se um resultado dilatado nos permitiria rodar quase a totalidade da equipa, o que obtivemos coloca-nos em posição favorável mas ainda em estado de alerta. Teremos de apresentar uma equipa forte em Setúbal, pois ainda há pouco tempo vimos como é difícil vencer lá. Felizmente Ryan Gauld e André Geraldes não poderão jogar e isso tornará os sadinos menos fortes (que regra estúpida que teve de ser criada para combater o chico-espertismo dos encarnados).

 

Termino aludindo às dificuldades que se aproximam. Teremos oito jogos em pouco mais de um mês e seis deles serão fora de casa, onde decidiremos a passagem às meias-finais de ambas as taças e jogaremos a continuidade da luta pela Liga. Precisaremos da segurança defensiva que temos apresentado nos últimos jogos (um golo sofrido nos últimos quatro) e será necessário melhorar ligeiramente a eficácia ofensiva. 1-0 chega mas temos de ganhar margem para vencer mais tranquilamente, afim de evitar dissabores. Ultrapassar esta fase com oito vitórias manterá certamente vivas as esperanças de vencer as três competições que disputamos.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Hoje joga o Sporting

Antes das passas, das badaladas, da festa e das bebedeiras é dia de Sporting.

E equipa B deslocou-se a Coimbra para acertar calendário e perdeu 1-0, com um golo de grande penalidade em cima do intervalo. Assim, os comandados de João de Deus terminam o ano em 13º lugar.

 

Em Odivelas, a equipa de futsal, comandada por Nuno Dias, despede-se de 2016 frente ao Rio Ave, num jogo em que o acordo de venda dos direitos televisivos à TVI vai impedir-nos de acompanhar pela TV. Espero que o acordo seja mesmo bom financeiramente pois, neste momento, e apesar da melhoria dos conteúdos da Sporting TV, a verdade é que o nosso canal pouco serve para aquilo que os adeptos esperam dele; ver jogos das principais equipas das modalidades. As transmissões são cada vez em menor número e é impossível esconder a desilusão.

 

Em Lisboa, os adeptos despedem-se da equipa sénior de futebol no José Alvalade, num jogo para a Taça da Liga que pode definir praticamente a nossa passagem à final four. Um vitória expressiva praticamente selará a qualificação, ainda com um jogo para jogar em Setúbal.

Jorge Jesus não facilitou e apresentou aquela que me parece a melhor convocatória possível:

Com Rui Patrício e Rúben Semedo ainda condicionados é natural que Beto e Douglas ou Paulo Oliveira ocupem os lugares disponíveis no onze. Caso Paulo Oliveira esteja mesmo na porta de saída, acredito que seja ele o titular. Coates jogará quase de certeza, até porque jogaremos com dois laterais que não têm jogado muito nos últimos meses: Esgaio e Jefferson.

William e Adrien vão jogar e serão depois poupados em Setúbal, caso tudo corra de feição hoje. Markovic terá uma oportunidade e deve formar a frente atacante com Gelson, Campbell e Bas Dost (isto é a minha previsão, como é óbvio).

Valendo o que vale a Taça da Liga, neste momento é importante marcar presença na final-four, pelo título e pelo aporte competitivo que dois jogos de elevado grau de dificuldade podem acrescentar à entrada para a fase decisiva da época.

 

Que acabemos 2016 em grande e que um bom resultado nos dê o embalo necessário para fazer um grande final de temporada.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Presidente e candidato

Bruno de Carvalho confirmou ontem que se candidataria a um novo mandato como Presidente do Sporting Clube de Portugal.

"Muito há ainda por fazer. E, neste tempo de reflexão, fui capaz de identificar não apenas o que correu bem, mas também aquilo que fizemos menos bem e que carece, naturalmente, de ser melhorado", disse Bruno de Carvalho.

Muito foi feito, acrescento eu e, mais do que continuar a olhar para o passado e a comparar o antes e pós Bruno de Carvalho é tempo de olhar em frente e construir obra desportiva.

 

O segundo mandato que, acredito, será uma realidade terá o importante aliciante de cimentar os projectos desportivos de todas as modalidades, com vista ao efectivo enriquecimento do nosso palmarés.

É isso que falta ao Sporting pós-Bruno de Carvalho, mais títulos no Museu que permitam a reafirmação do Sporting como um dos maiores da Europa, algo que efectivamente somos em algumas modalidades.

Deste modo, como apoiante de Bruno de Carvalho e da sua continuidade, mais do que saber quais são as propostas da oposição e do que podem aportar ao debate pré-eleições, é o programa do próprio Bruno de Carvalho que mais curiosidade me suscita. Sabendo da sua ambição e da sua constante insatisfação, é nas suas medidas para o novo mandato que deposito toda a minha curiosidade, sabendo que temos alguns objectivos a atingir do mandato em curso.

 

Não esqueço a reestruturação financeira, a reposição do orgulho, o regresso aos títulos no futebol, o aumento exponencial do número de sócios, o Pavilhão João Rocha, entre muitas outras coisas positivas mas, como adeptos atentos, participativos, exigentes e focados que devemos ser (nas palavras do próprio Bruno de Carvalho), é no presente e no futuro que estão o meu foco e as minhas expectativas.

Espero sinceramente que as arestas a limar o sejam e que, no futuro, haja ainda mais ambição, mais trabalho e mais alegrias para todos nós.

Força, Presidente Bruno de Carvalho!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

O nosso ADN

Devem ser poucos os Sportinguistas que menosprezam os resultados e os valores emergentes da nossa formação. Somos formadores por natureza e temos gosto em aproveitar o que ajudamos a criar. É-o assim, mais visivelmente, no futebol mas o nosso ADN formativo é transversal a todas as modalidades, amadoras e profissionais.

Num ano em que Portugal foi campeão europeu com quase metade da sua equipa formada no Sporting Clube de Portugal, parece-me interessante olhar com atenção àquilo que tem sido a época dos nossos escalões de formação, projectando (se é que isso é possível) aquilo que poderá ser o futuro de alguns jovens na nossa equipa principal.

Vou, por hoje, cingir-me ao futebol, a modalidade que mais apaixona e move em Portugal e no Mundo.

 

JUNIORES

Campeonato: 1º lugar (+11 pontos),12 vitórias, 1 empate, 0 derrotas, 67 golos marcados, 10 golos sofridos
Youth League: 3º lugar (-2 pontos do último apurado), 1 vitória, 3 empates, 2 derrotas, 6 golos marcados, 9 golos sofridos

A única mancha na temporada da nossa equipa júnior é mesmo a desilusão que foi o não apuramento para uma das fases seguintes da Youth League, sobretudo quando partimos para a última jornada em posição favorável para aceder ao playoff e perdemos em casa do último classificado do grupo.

A derrota em Varsóvia não deixou marcas no campeonato e a equipa vai com uma série de quatro vitórias consecutivas (nove no campeonato) e já assegurou a passagem à fase final em primeiro lugar. Tiago Fernandes dirige uma equipa recheada de talento em que será uma pena que alguns tenham obrigatoriamente de se perder ou fazer um caminho mais longo, fora do Sporting.

O primeiro destaque vai para um jogador que até nem foi formado no Sporting mas que se vem revelando como um nome a seguir. Pedro Marques, recrutado esta temporada ao Belenenses, onde passou a maior parte da sua formação, leva um impressionante registo de 23 golos em 23 jogos (20 golos em 16 jogos, se contarmos só a prestação ao serviço dos juniores) e mostra que pode trabalhar-se bem na prospecção.

Quanto aos valores formados por nós, esta equipa tem muitos bons exemplos.

A minha aposta pessoal vai para Rafael Leão, aquele que me parece juntar mais características para singrar no futuro. É alto, ágil, hábil e pode fazer qualquer das posições da frente de ataque, onde demonstra uma capacidade interessante (mas que pode e deve ser trabalhada) para fazer golos. Faz parte do lote de segundos melhores marcadores deste escalão e é talvez o jogador que mais mexe com os jogos, sobretudo os de maior grau de dificuldade, factor interessante para um júnior de primeiro ano.

A estes nomes junto os de Luís Maximiano (guarda-redes), João Ricciulli, Gonçalo Vieira e Abdu Conté (defesas), Pedro Ferreira, Bruno Paz, Miguel Luís e Daniel Bragança (médios) e Elves Baldé, Nuno Moreira e Rúben Teixeira (avançados).

São treze nomes a seguir com atenção, doze deles com um percurso longo na nossa formação, muitos dos quais com mais um ano de juniores pela frente.

 

JUVENIS

Equipa A: 1º lugar (=),14 vitórias, 1 empate, 0 derrotas, 66 golos marcados, 7 golos sofridos
Equipa B: 3º lugar (-8 pontos), 7 vitórias, 2 empates, 2 derrotas, 36 golos marcados, 12 golos sofridos

A equipa principal de juvenis (sub-17) fez uma primeira fase brilhante, com onze vitórias em outros tantos jogos. Na segunda fase acabámos de ceder os primeiros três pontos da época, em Belém, e encontramo-nos em igualdade pontual com o Benfica, numa série onde passarão duas equipas à fase final.

Também a equipa de João Couto tem ao seu dispor um conjunto de jovens talentos que poderão vir a ter futuro como profissionais o serviço do Sporting.

Não conhecendo tão bem os jogadores, do que vi, destaco Gonçalo Costa (defesa), Bavikson Biai, Rodrigo Vaza e Bernardo Sousa (médios), Diogo Brás e Tiago Rodrigues (avançados). Há mais jogadores interessantes mas foram estes os que mais me impressionaram nos poucos jogos que vi. De todos, talvez Bernardo Sousa e Diogo Brás sejam os de maior potencial.

A equipa B (sub-16) tem a maioria dos jogadores que, no ano passado não tiveram capacidade para lutar pelo título de iniciados, tendo terminado em 3º na fase final. Este ano, as duas derrotas com os dois primeiros da divisão de honra da AFL (Benfica B e Belenenses B) deixam-nos a oito pontos do líder Benfica, que tem aqui uma geração que dominou toda a temporada passada e se sagrou campeã nacional de iniciados sem derrotas e com 33 vitórias em 34 jogos.

Claro que mesmo numa equipa que, como colectivo, não tem atingido os objectivos, há jogadores de qualidade, como os avançados Rui Reis e Tiago Gouveia, os que melhor conheço de todo o plantel.

 

INICIADOS

Equipa A: 1º lugar (+2 pontos),14 vitórias, 1 empate, 0 derrotas, 70 golos marcados, 2 golos sofridos
Equipa B: 2º lugar (-6 pontos), 9 vitórias, 0 empates, 2 derrotas, 35 golos marcados, 4 golos sofridos
Equipa C: 1º lugar (+4 pontos), 9 vitórias, 0 empates, 2 derrotas, 30 golos marcados, 7 golos sofridos
Equipa D: 1º lugar (=), 10 vitórias, 0 empates, 2 derrotas, 55 golos marcados, 5 golos sofridos

A equipa de iniciados (sub-15) tem feito um percurso quase imaculado. O empate frente ao Elvas em casa mais não foi que um acidente de percurso, num jogo atípico em que o guarda-redes alentejano fez a exibição da sua vida. Na segunda fase são 4 vitórias em 4 jogos, com 17 golos marcados e nenhum sofrido.

Pedro Coelho, o treinador dos mais jovens a entrar na competitividade mais a sério (na minha opinião, o futebol é sobretudo lúdico até aos sub-14), tem também ao seu serviço alguns jovens de qualidade. Embora a idade precoce faça com que qualquer aposta tenha uma margem de erro mais elevada, não posso deixar de destacar Rodrigo Rêgo (defesa), Gonçalo Batalha (médio), Tiago Tomás e Joelson Fernandes (avançados).

A equipa B (sub-14), onde Joelson Fernandes (13 anos) ainda podia jogar perdeu apenas para o eterno rival pela margem mínima e escorregou mais uma vez frente a um adversário que devia ter vencido. Os seis pontos não são irrecuperáveis na luta pelo título distrital mas afiguram-se difíceis de reduzir. Vencer o Benfica na segunda volta é obrigatório. Nas equipas a competir nos distritais não conheço os jogadores e poderemos acompanhar melhor o seu percurso a partir da próxima época, no campeonato nacional.

 

INFANTIS

Futebol 11: 1º lugar (+5 pontos), 8 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 51 golos marcados, 0 golos sofridos
Futebol 9: 2º lugar (-3 pontos), 8 vitórias, 0 empates, 1 derrota, 54 golos marcados, 8 golos sofridos
Futebol 9 "B": 1º lugar (+5 pontos), 7 vitórias, 1 empate, 0 derrotas, 52 golos marcados, 2 golos sofridos
Futebol 7: 1º lugar (+3 pontos), 8 vitórias, 0 empates, 1 derrota, 56 golos marcados, 14 golos sofridos

 

BENJAMINS

Equipa A: 1º lugar (=), 9 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 135 golos marcados, 2 golos sofridos
Equipa B: 1º lugar (=), 10 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 199 golos marcados, 3 golos sofridos

 

ESCOLAS

Equipa A: 3º lugar (-5 pontos), 1 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 83 golos marcados, 17 golos sofridos
Equipa B: 1º lugar (=), 9 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 139 golos marcados, 5 golos sofridos
Equipa C: 1º lugar (+6 pontos), 10 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 75 golos marcados, 8 golos sofridos

 

TRAQUINAS

Equipa A: 1º lugar (+3 pontos), 7 vitórias, 0 empates, 0 derrotas, 57 golos marcados, 7 golos sofridos
Equipa B: 1º lugar (+1 pontos), 5 vitórias, 2 empates, 0 derrotas, 59 golos marcados, 17 golos sofridos

 

Em 18 competições, o Sporting lidera a sua série em 14, um excelente sinal e um indicador claro de uma das melhores formações do Mundo.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Agenda Leonina de fim de ano

Agenda 2.png

Sigam-me no facebook e no twitter.

Sobre as eleições e a candidatura de PMR

Bruno de Carvalho esteve excelente ao colocar o Sporting à disposição de todos os que venham a candidatar-se às próximas eleições.

Pedro Madeira Rodrigues apresentou ontem a sua candidatura e o que posso dizer é que não foi minimamente entusiasmante.

Garantiu elevação mas baseou a sua intervenção em ataques à gestão da actual presidência cometendo o erro de, imagine-se, a colar aos sucessos do rival.

Com esta intervenção, Pedro Madeira Rodrigues fez diminuir em mim a curiosidade sobre o seu programa eleitoral.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

O que andam eles a fazer?

JUNYA TANAKA (Kashiwa Reysol) - 1987-07-15 (29 anos) - Avançado / Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 60M€

Época terminada no Japão.

Jogos - 24

Minutos - 1305

Golos - 5

Assistências - 1

Classificação - 7º na 1ª fase e 5º na 2ª fase da J-League / Eliminados da Taça Nabisco / Eliminados da Emperor's Cup

* * *

JONATHAN SILVA (Boca Juniors) - 1994-06-29 (22 anos) - Lateral Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

O jogo de dia 24 foi adiado e assim os líderes do campeonato argentino tiveram uma pausa para férias.

Jogos - 8

Minutos - 550

Golos - 0

Assistências - 2

Classificação - 1º na Primera División / Eliminado da Taça da Argentina

* * *

TOBIAS FIGUEIREDO (CD Nacional) - 1994-02-02 (22 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

22/12/2016 (Liga NOS) - NACIONAL 0-2 Boavista
Tobias regressou à titularidade e sofreu o que têm sofrido habitualmente os elementos do sector defensivo dos insulares. O meio-campo não tem capacidade para deixar a defesa tranquila e é comum ver a defensiva desequilibrada, entre dobras e movimentações algo desesperadas. Tobias voltou a sofrer e não se deu bem no papel de bombeiro. Mesmo assim nem foi dos piores e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 4/10
(Jornal da Madeira) Nota 3/4
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.57/10
(GoalPoint) Nota 5.6/10
Resumo do Jogo

Jogos - 12

Minutos - 1000

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 17º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

FRANCISCO GERALDES (Moreirense) - 1995-04-18 (21 anos) - Médio Ofensivo / Médio Ala

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

22/12/2016 (Liga NOS) - Braga 2-1 MOREIRENSE
Geraldes foi o pivot ofensivo do meio-campo de Augusto Inácio e, para além de ser o maestro de toda a manobra ofensiva, fechou sempre bem no apoio defensivo aos médio mais recuados. Saiu cansado aos 77 minutos, depois de ter sido, a par de Wilson Eduardo, o elemento mais criativo em campo. Ambos com "selo" Made in Alcochete.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.88/10
(GoalPoint) Nota 6.4/10
Resumo do Jogo

Jogos - 14

Minutos - 1075

Golos - 1

Assistências - 2

Classificação - 16º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

DANIEL PODENCE (Moreirense) - 1995-10-21 (21 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 60M€

22/12/2016 (Liga NOS) - Braga 2-1 MOREIRENSE
Podence formou com Boateng e Dramé um trio de ataque muito perigoso. O extremo cedido pelo Sporting foi o elemento mais vertical dos três e tentou desequilibrar sobretudo em velocidade, demonstrando mais uma vez bom entendimento com Geraldes em jogadas ofensivas. Jogou os 90 minutos onde o maior destaque vai para o golão de Dramé, de quem o Sporting ainda é detentor de metade dos direitos económicos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 6/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.48/10
(GoalPoint) Nota 5.1/10
Resumo do Jogo

Jogos - 12

Minutos - 970

Golos - 3

Assistências - 2

Classificação - 16º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

RAFAEL BARBOSA (União da Madeira) - 1996-03-29 (20 anos) - Médio Ofensivo / Extremo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

Depois da derrota em Barcelos, a União despediu o treinador e José Viterbo passará a comandar a equipa madeirense.

Jogos - 13

Minutos - 538

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 17º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

HELDON (Rio Ave) - 1988-11-14 (28 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

21/12/2016 (Liga NOS) - Benfica 2-0 RIO AVE
A exibição de Heldon não foi nada por aí além mas correu muito e deu algum trabalho a Nélson Semedo e Luisão- Veloz e ágil pecou nos momentos de definição dos lances, onde falhou, tanto no último passe como na hora de rematar à baliza. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 1/5
(O Jogo) Nota 5/10
(Correio da Manhã) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 2/5
(WhoScored) Nota 5.94/10
(GoalPoint) Nota 3.8/10
Resumo do Jogo

Jogos - 16

Minutos - 1171

Golos - 1

Assistências - 2

Classificação - 6º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga / Eliminado da Liga Europa

* * *

DOMINGOS DUARTE (Belenenses) - 1995-03-10 (21 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

22/12/2016 (Liga NOS) - BELENENSES 0-1 Sporting CP
Domingos ficou de fora por não poder defrontar o clube detentor do seu passe.
Resumo do Jogo

Jogos - 15

Minutos - 1257

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 11º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 1º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

ORIOL ROSELL (Belenenses) - 1992-07-07 (24 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

22/12/2016 (Liga NOS) - BELENENSES 0-1 Sporting CP
Rosell não foi opção para Quim Machado, fruto da sua ligação contratual ao Sporting.
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 716

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 11º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

JOÃO PALHINHA (Belenenses) - 1995-07-09 (21 anos) - Médio Defensivo

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

22/12/2016 (Liga NOS) - BELENENSES 0-1 Sporting CP
Joaõ Palhinha descansou e, não podendo defrontar o Sporting, talvez seja utilizado em Moreira de Conegos para a taça da Liga, num regresso ao clube que o acolheu na época passada.
Resumo do Jogo

Jogos - 15

Minutos - 1305

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 11º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 1º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

RYAN GAULD (Vitória FC) - 1995-12-16 (20 anos) - Médio Ofensivo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

23/12/2016 (Liga NOS) - VITÓRIA FC 3-0 Tondela
Grande exibição de Ryan Gauld! À semelhança de Chico Geraldes no Moreirense, é Gauld quem pensa e cria o jogo ofensivo do Vitória. Alia a velocidade do pensamento à capacidade de executar rápido as acções pensadas. Encontrou quase sempre a melhor solução, acertou 91.3% dos passes, assistiu para o golo de João Amaral e acertou com a bola no poste após uma excelente iniciativa individual. 90 minutos de luxo.
(Record) Nota 4/5
(O Jogo) Nota 8/10
(Correio da Manhã) Nota 8/10
(Mais Futebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 7.78/10
(GoalPoint) Nota 6.1/10
Resumo do Jogo

Jogos - 10

Minutos - 681

Golos - 0

Assistências - 1

Classificação - 9º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 4º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

ANDRÉ GERALDES (Vitória FC) - 1991-05-02 (25 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

23/12/2016 (Liga NOS) - VITÓRIA FC 3-0 Tondela
Mais defensivo que Nuno Pinto (o defesa da lateral oposta), Geraldes mostrou capacidades para parar o flanco esquerdo do Tondela, bem mais perigoso que o direito. Talvez por isso pouco tenha subido no terreno mas foi sempre seguro a defender. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 6/10
(Correio da Manhã) Nota 6/10
(Mais Futebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.81/10
(GoalPoint) Nota 4.9/10
Resumo do Jogo

Jogos - 17

Minutos - 1560

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 9º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 4º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

MIGUEL LOPES (Akhisar Belediye) - 1986-12-19 (29 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2018) Cl. Rescisão 20M€

25/12/2016 (Spor Toto Super Lig) - AKHISAR BELEDIYE 1-0 Konyaspor
Miguel Lopes demonstrou mais uma vez estar num bom momento de forma. Extremamente ofensivo, aproveitou o facto de não ter um jogador para marcar directamente para ser um dos principais municiadores do ataque. Faltou apenas um pouco mais de acerto nos cruzamentos mas foi importante numa grande vitória com mais um golo de Ricardo Vaz Tê. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 7.53/10
Resumo do Jogo

Jogos - 13

Minutos - 1164

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 14º na Spor Toto Super Lig / 1ª na Fase de Grupos da Taça da Turquia

* * *

CRISTIAN PONDE (Sp. Covilhã) - 1995-01-26 (21 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

21/12/2016 (Ledman LigaPro) - Santa Clara 1-1 SP. COVILHÃ
Cristian Ponde não foi convocado.

Jogos - 10

Minutos - 651

Golos - 2

Assistências - 0

Classificação - 10º na Ledman LigaPro / Nos 1/4 de final da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

FILIPE CHABY (Sp. Covilhã) - 1994-01-22 (22 anos) - Médio Ofensivo / Médio Ala Direito

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

21/12/2016 (Ledman LigaPro) - Santa Clara 1-1 SP. COVILHÃ
Chaby jogou os 90 minutos de um jogo em que os serranos "sacaram" um importante ponto em casa de um dos candidatos à subida (actual 3º classificado) e, num jogo menos exuberante mas sem que tenha sido menos útil, importa relembrar que o médio leonino senta no banco o experiente Pintassilgo, jogador com muitas épocas de 1ª Liga e que vinha com "rótulo" de importante para esta época.

Jogos - 20

Minutos - 1385

Golos - 3

Assistências - 2

Classificação - 12º na Ledman LigaPro / Nos 1/4 de final da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

TEO GUTIERREZ (Rosario Central) - 1985-05-17 (31 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2018) Cl. Rescisão 40M€

Com a jornada de Natal adiada, discute-se a continuidade de Teo no Central. Parece que vai continuar...

Jogos - 8

Minutos - 539

Golos - 1

Assistências - 1

Classificação - 22º no Campeonato Argentino / Na final da Taça da Argentina

* * *

HADI SACKO (Leeds United) - 1994-03-24 (22 anos) - Extremo Direito / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

26/12/2016 (Championship) - Preston 1-4 LEEDS UNITED
Sacko esteve em foco no boxing day. Os recorrentes problemas na definição dos lances são claramente ultrapassados pelo ritmo que imprime ao jogo. Tenta uma e outra vez. Parece nunca se cansar. Desta vez disse "não" à ineficácia e marcou um belo golo no único remate tentado nos 54 minutos em campo. A decisão de Garry Monk em fazê-lo descansar com o jogo resolvido diz bem da sua importância para o United. Carlos Carvalhal derrotou o líder Newcastle e tanto Leeds como Sheffield seguem em posição de acesso ao playoff de subida.
(WhoScored) Nota 6.45/10
(YEP) Nota 8/10
Resumo do Jogo

Jogos - 25

Minutos - 1704

Golos - 2

Assistências - 6

Classificação - 5º no Championship / Eliminado da EFL Cup

* * *

HERNÁN BARCOS (Vélez Sarsfield) - 1984-04-11 (32 anos) - Ponta de Lança

Contrato (Junho 2017) Cl. Rescisão 60M€

Durante a paragem de Natal, fala-se na ida de Barcos para o Brasil.

Jogos - 11

Minutos - 613

Golos - 2

Assistências - 0

Classificação - 24º no Campeonato Argentino / Eliminado da Taça da Argentina

* * *

SIMEON SLAVCHEV (Lechia Gdansk) - 1993-09-25 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

Na Polónia, o campeonato só regressa em Fevereiro.

Jogos - 9

Minutos - 797

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 2º na Ekstraklasa / Eliminado da Taça da Polónia (Puchar Polski)

* * *

FEDERICO RUIZ (Sintrense) - 1989-05-15 (27 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

O Campeonato de Portugal também parou para as festas de fim-de-ano.

Jogos - 3

Minutos - 105

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 3º na Série G do Campeonato de Portugal Prio / Eliminado da Taça de Portugal

* * *

EWERTON (Kaiserslautern) - 1989-03-23 (27 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

À semelhança de outros países com um inverno rigoroso, na Alemanha o campeonato estará parado até ao último fim-de-semana de Janeiro.

Jogos - 8

Minutos - 692

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 13º na 2. Bundesliga / Eliminado da Taça da Alemanha

* * *

CARLOS MANÉ (Estugarda) - 1994-03-11 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

Até final de Janeiro, Mané e o Estugarda não competirão, fruto da pausa de inverno.

Jogos - 11

Minutos - 962

Golos - 4

Assistências - 4

Classificação - 3º na 2. Bundesliga / Eliminado da DFB Pokal

* * *

WALLYSON (Standard Liège) - 1994-02-16 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

21/12/2016 (Jupiler Pro League) - STANDARD LIÈGE 1-1 Lokeren
Wallyson não foi convocado.
Resumo do Jogo

Jogos - 2

Minutos - 93

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 8º na Jupiler Pro League / Eliminado da Cofidis Cup / Eliminado da Liga Europa / Derrotado na Supertaça

* * *

GUILHERME OLIVEIRA (Cova da Piedade) - 1995-04-12 (21 anos) - Guarda-Redes

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

O Cova da Piedade só volta a jogar após o ano novo.

Jogos - 2

Golos Sofridos - 0

Classificação - 4º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

IURI MEDEIROS (Boavista) - 1994-07-10 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

22/12/2016 (Liga NOS) - Nacional 0-2 BOAVISTA
Iuri foi titular na ala direita e, como sempre, foi o chamado "abre-latas" dos axadrezados. Foi o maior desequilibrador da equipa de Miguel Leal e acabou por ser decisivo ao participar activamente na génese do primeiro golo do jogo. Exibição ao seu nível em mais 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 4/10
(Jornal da Madeira) Nota 3/4
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.57/10
(GoalPoint) Nota 5.6/10
Resumo do Jogo

Jogos - 13

Minutos - 1079

Golos - 1

Assistências - 3

Classificação - 10º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

#ONatalÉVerde

Numa quadra sempre dedicada à família não podia esquecer a família leonina, com quem partilho todos os dias este espaço e não só. A todos os que aqui vêm, aos que passam nas redes sociais, aos que partilham comigo a nossa casa e o amor a este Grande Clube, um feliz Natal, com votos de boas festas.

Em especial aos meus amigos e amigas Sportinguistas, muitos deles descobertos por esta blogosfera fora, um muito obrigado por tudo! Pelos momentos de partilha, nos bons momentos e naqueles mais angustiantes. Vocês estiveram em todos e vão continuar a estar.

Hoje, a minha consoada será passada com os de sangue mas os sinceros votos de uma boa consoada são também para todos vós.

FELIZ E VERDE NATAL PARA TODOS!

Feliz Natal.png

Sigam-me no facebook e no twitter.

O "Senador" Sá Pinto

"...nós jogávamos muito bem, tínhamos excelentes resultados mas depois havia ali jogos em que éramos muito penalizados pela arbitragem. Fomos muito penalizados pela arbitragem (...) mas fomos mesmo...e nós sabíamos, só que não havia nada a fazer."

Há coisas que nunca mudam, Ricardo "Coração de Leão". Mas estamos aqui fortes e unidos para continuar a lutar.

Acompanhem os restantes vídeos no meu canal de youtube, entre outras coisas (LINK)

Sigam-me no facebook e no twitter.

Belenenses 0-1 SPORTING CP: Assim sabe melhor

Era impossível desejar uma equipa que se apresentasse no Restelo tranquila, confiante e assertiva. O nervosismo e ansiedade, embora indesejáveis, eram condicionantes normais num jogo daquela importância. Porque vínhamos de três derrotas nos últimos quatro jogos, uma delas com um rival e outra que nos afastou da Europa. Era isto e mais a revolta perante alguns factos que ajudaram a que essas derrotas se concretizassem. Factores a mais que acabam por resultar num normal jogo em que a lucidez foi quase sempre sobreposta pelo crer, a vontade de fazer depressa e bem.

 

Não foi um bom jogo mas não há nada a apontar aos jogadores. Houve vontade e intensidade, aliada a muita ansiedade.

Melhor a segunda parte que a primeira, onde tentámos resolver mais as coisas individualmente. Mesmo assim, só pode elogiar-se a atitude de Alan Ruiz e Gelson Martins, aqueles que menos se esconderam e mais chamaram a si a responsabilidade durante os primeiros 45 minutos.

Na segunda parte, embora agindo mais como equipa, continuou a faltar acertar o passe no último terço, sobretudo o malvado último passe. 

O número é absurdo mas, acreditem, real. Trinta e cinco (35). Foi este o número total de cruzamentos tentados. Apenas três encontraram como destinatário um jogador do Sporting e isto diz muito da descaracterização actual do nosso jogo, em que os nervos se sobrepõem àquilo que deveria ser o nosso normal comportamento em campo, individual e colectivamente. Todavia, os sete passes para ocasião acabaram com uma eficácia baixa mas suficiente para atingir o objectivo.

 

Porque gostei da atitude de todos, não vou apontar erros nem individualizar negativamente. Todos os erros foram claramente na tentativa de fazer o melhor, o mais depressa possível.

Destaco, isso sim, positivamente, alguns dos jogadores determinantes para que o nosso Natal seja mais alegre. 

Beto mostrou mais uma vez que, não estando Patrício, podemos contar com ele. Foi o melhor em campo e evitou aquele triste fado do leão.

Bas Dost, pelo golo, naturalmente, mas também por não ter desistido após um jogo ingrato.

Esgaio, que num contexto complicado soube pegar no jogo (e foi dos que mais teve a bola) e assumir-se, sem se esconder. Teve uma exibição bem conseguida que merece continuidade.

Alan Ruiz e Gelson, porque foram sempre os maiores factores de imprevisibilidade no jogo (Campbell também, nem tanto pelos mesmos motivos).

William e Adrien, mesmo desinspirados, com erros pouco comuns ou até cansados são sempre garante de qualidade e entrega em todos os momentos do jogo. 

Depois, e para terminar a análise mais individualizada, os três que entraram acrescentaram todos algo ao jogo. Campbell acaba por ser decisivo e é inacreditável como a sua imprevisibilidade desespera, ao mesmo tempo que entusiasma. Nunca se sabe o que vai fazer, se três cruzamentos para a bancada ou três passes para golo, se três fintas ou três perdas de bola. Traz uma anarquia ao jogo que faz dele quase sempre um melhor suplente que um bom titular. Assistiu primorosamente para o único golo do jogo.

 

Termino com o momento do jogo, a maior demonstração de que nada está perdido. Num jogo em que faltou alguma criatividade táctica e técnica, sobretudo no último terço, em que os nervos tornaram o destino dos passes mais incerto e em que parecia que acabaríamos o jogo no tão pouco característico "chuveirinho", é um raro momento de lucidez e boas decisões que termina com Bas Dost a empurrar para o fundo das redes e a festejar com a imensa onda verde que nunca se calou no Estádio do Restelo. Tudo o que tão mal havíamos decidido no último terço, durante todo o jogo, foi bem feito já após o minuto 90. Um momento de alegria que prova que os nossos rapazes sabem o que fazer em campo e nos indica que uma boa série de vitórias trará de volta aquela equipa confiante, desinibida, tranquila e assertiva.

 

Foi difícil mas assim soube melhor. São estas as que eu mais gosto, com sofrimento, à Sporting!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Hoje joga o Sporting

Depois de hoje à tarde os juniores atingirem a 17ª vitória em 18 jogos, chega a vez da equipa liderada por Jorge Jesus salvar o Natal leonino.

Com um bis de Pedro Marques (impressionantes 21 golos em 22 jogos, com um golo a cada 73 minutos de competição) e Rafael Leão a abrir o activo, os jovens leões mantêm os onze pontos de vantagem sobre o Benfica, numa altura em que restam doze pontos por disputar e estão praticamente definidos os clubes presentes na fase que apurará o campeão nacional. Sporting, Benfica, Porto e Braga têm presença garantida. Belenenses, Académica e Vitória SC só por milagre não estarão presentes e resta um lugar a disputar entre Rio Ave, Chaves, Feirense e Leixões.

 

No Restelo não há a folga de que gozam os pupilos de Tiago Fernandes. O atraso é de onze pontos e não vencer hoje será pregar o último prego no caixão que levará os nossos objectivos por terra.

Embora o histórico recente no Restelo nos seja favorável (4 vitórias nos últimos 5 jogos), olhando aos números globais em jogos para a Liga é evidente que ir a Belém não é um passeio para nós. 30 vitórias e 24 derrotas em 75 jogos e apenas 6 vitórias nos 13 jogos deste milénio.

 

Em todo o caso, a história, sendo um indicador, nada define no presente ou futuro dos encontros entre ambas as equipas. Contrariando os últimos anos, não é normal que hajam muitos golos entre as duas equipas.

Com muitos ou poucos golos, é fundamental sair do Restelo com três pontos que mantenham viva a esperança dos mais crentes e alimente o interesse dos mais cépticos.

Certo é o apoio massivo dos Sportinguistas. A ganhar ou a perder, é sempre Sporting até morrer e nada afasta os devotos do leão do apoio aos rapazes de verde-e-branco.

A nossa exigência prende-se apenas com o resultado que pode bem ser tangencial, por forma a garantir o essencial balão de oxigénio.

 

Sem Rúben Semedo e Rui Patrício lesionados serão Douglas e Beto os previsíveis substitutos a juntar ao onze habitual, que venceu em Setúbal mas não conseguir derrotar o Braga em casa.

Esperemos que a noite fria acabe por aquecer o nosso coração de leão.

 

SPOOOOOOOOOOOOOORTING!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

O que andam eles a fazer?

JUNYA TANAKA (Kashiwa Reysol) - 1987-07-15 (29 anos) - Avançado / Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 60M€

Época terminada no Japão.

Jogos - 24

Minutos - 1305

Golos - 5

Assistências - 1

Classificação - 7º na 1ª fase e 5º na 2ª fase da J-League / Eliminados da Taça Nabisco / Eliminados da Emperor's Cup

* * *

JONATHAN SILVA (Boca Juniors) - 1994-06-29 (22 anos) - Lateral Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

18/12/2016 (Primera División) - BOCA JUNIORS 4-1 Colón
Jonathan Silva não saiu do banco de suplentes.
Resumo do Jogo

Jogos - 8

Minutos - 550

Golos - 0

Assistências - 2

Classificação - 1º na Primera División / Eliminado da Taça da Argentina

* * *

TOBIAS FIGUEIREDO (CD Nacional) - 1994-02-02 (22 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

18/12/2016 (Liga NOS) - Rio Ave 2-1 NACIONAL
Manuel Machado não quis mexer na equipa que virou o resultado de 0-2 para 3-2 na jornada anterior. Ainda por cima o substituto de Tobias havia marcado um dos golos e, assim, o jovem central do Sporting não saiu do banco de suplentes.
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 910

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 16º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

FRANCISCO GERALDES (Moreirense) - 1995-04-18 (21 anos) - Médio Ofensivo / Médio Ala

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

17/12/2016 (Liga NOS) - MOREIRENSE 1-4 Arouca
Geraldes foi o mais esclarecido do Moreirense, com qualidade de passe acima da média no passe a dar critério às decisões no sector intermediário, o que faltou muitas vezes aos colegas. Aos 3 minutos já tinha isolado Boateng (que falhou) mas, na resposta, o Arouca marcou. De seguida descobriu Rebocho que serviu Boateng para novo falhanço. Uns minutos volvidos e o Arouca faz o 2-0, antes do médio leonino tentar finalizar de fora da área. Por cada vez que o Moreirense tentava a finalização, o Arouca ia lá abaixo e marcava. Chico desapareceu da partida quando Inácio o colocou na esquerda e saiu aos 67 minutos.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.07/10
(GoalPoint) Nota 5.5/10
Resumo do Jogo

Jogos - 13

Minutos - 998

Golos - 1

Assistências - 2

Classificação - 15º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

DANIEL PODENCE (Moreirense) - 1995-10-21 (21 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 60M€

17/12/2016 (Liga NOS) - MOREIRENSE 1-4 Arouca
Podence travou um duelo interessante com Nelsinho mas poucas vezes levou a melhor. Jogo apagado, relativamente àquilo que vinha sendo habitual. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.71/10
(GoalPoint) Nota 5.8/10
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 880

Golos - 3

Assistências - 2

Classificação - 15º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

RAFAEL BARBOSA (União da Madeira) - 1996-03-29 (20 anos) - Médio Ofensivo / Extremo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

21/12/2016 (Ledman LigaPro) - Gil Vicente 2-1 U. MADEIRA
Rafa entrou aos 74 minutos mas os poucos minutos em campo não foram suficientes para que deixasse marca.

Jogos - 13

Minutos - 538

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 17º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

HELDON (Rio Ave) - 1988-11-14 (28 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

18/12/2016 (Liga NOS) - RIO AVE 2-1 Nacional
Heldon foi o melhor do Rio Ave. Do ataque e da equipa. Bem mais activo do que Gil Dias, no flanco oposto, o cabo-verdiano deu muito que fazer ao Nacional e ainda foi determinante no golo de Krovinovic. Saiu aos 77', quando Luís Castro sentiu que era necessário ter mais tempo a bola, com Rúben Ribeiro.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 7/10
(MaisFutebol) Nota 4/5
(WhoScored) Nota 6.65/10
(GoalPoint) Nota 5.5/10
Resumo do Jogo

Jogos - 15

Minutos - 1081

Golos - 1

Assistências - 2

Classificação - 6º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga / Eliminado da Liga Europa

* * *

DOMINGOS DUARTE (Belenenses) - 1995-03-10 (21 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

16/12/2016 (Liga NOS) - P. Ferreira 1-0 BELENENSES
Junto com o lateral Florent, foi o mais competente do sector defensivo. O melhor no capítulo do passe e dos que mais lances de ataque parou.Jogou os 90 minutos. 
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.53/10
(GoalPoint) Nota 5.7/10
Resumo do Jogo

Jogos - 15

Minutos - 1257

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 10º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 1º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

ORIOL ROSELL (Belenenses) - 1992-07-07 (24 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

16/12/2016 (Liga NOS) - P. Ferreira 1-0 BELENENSES
Rosell não foi convocado.
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 716

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 10º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

JOÃO PALHINHA (Belenenses) - 1995-07-09 (21 anos) - Médio Defensivo

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

16/12/2016 (Liga NOS) - P. Ferreira 1-0 BELENENSES
Boa exibição de João Palhinha. Mais produtivo nas funções defensivas, a secar Welthon durante grande parte do encontro, mas também deu um ar da sua graça no ataque e, de livre, ainda conseguiu criar perigo para a baliza de Defendi. Jogou os 90 minutos.
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 7.22/10
(GoalPoint) Nota 6.1/10
Resumo do Jogo

Jogos - 15

Minutos - 1305

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 10º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 1º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

RYAN GAULD (Vitória FC) - 1995-12-16 (20 anos) - Médio Ofensivo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

14/12/2016 (Taça de Portugal) - VITÓRIA FC 0-1 Sporting CP
O mais esclarecido, enquanto teve pilhas e os sadinos mantiveram a dúvida sobre o desfecho do jogo. Foi forçado a sair por problemas físicos (72'), tal o esforço despendido. Agressivo na procura da bola, exibiu boa visão de jogo e brilhantes execuções nos passes de rutura. Falhou um mano a mano com Rui Patrício, aos 30’. Mostrou serviço diante de Jorge Jesus.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 7/10
Resumo do Jogo

18/12/2016 (Liga NOS) - Vitória SC 3-1 VITÓRIA FC
Gauld esteve bem no capítulo do passe mas faltou rasgo ao seu jogo. Pareceu menos combativo na luta defensiva, talvez um pouco limitado pelos recentes problemas físicos e acabou por sair aos 71 minutos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 4/10
(WhoScored) Nota 6.18/10
(GoalPoint) Nota 5.5/10
Resumo do Jogo

Jogos - 9

Minutos - 591

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 12º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 4º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

ANDRÉ GERALDES (Vitória FC) - 1991-05-02 (25 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

14/12/2016 (Taça de Portugal) - VITÓRIA FC 0-1 Sporting CP
O lateral direito emprestado pelo Sporting até estava a fazer um bom jogo até ser ultrapassado em velocidade duas vezes por Marvin. Na primeira deu golo e na segunda esteve perto o segundo. Mesmo assim, esteve em plano aceitável e jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 5/10
Resumo do Jogo

18/12/2016 (Liga NOS) - Vitória SC 3-1 VITÓRIA FC
Geraldes controlou bem as operações na lateral direita. Travou duelos interessantes com o irreverente Raphinha, sobre o qual levou a melhor em muitas ocasiões mas faltou apoiar mais o ataque. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 3/5
(O Jogo) Nota 5/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.48/10
(GoalPoint) Nota 5.6/10
Resumo do Jogo

Jogos - 16

Minutos - 1470

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 12º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / 4º na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

MIGUEL LOPES (Akhisar Belediye) - 1986-12-19 (29 anos) - Defesa Direito / Esquerdo

Contrato (Junho 2018) Cl. Rescisão 20M€

14/12/2016 (Taça da Turquia) - Aydinspor 2-2 AKHISAR BELEDIYE
Num jogo em que Ricardo Vaz Tê fez um bis, Miguel Lopes não foi convocado.

18/12/2016 (Spor Toto Super Lig) - Alanyaspor 0-0 AKHISAR BELEDIYE
Miguel Lopes regressou à equipa e foi um dos melhores em campo. Eficaz a defender, nunca poupou esforços no apoio ao ataque, onde inclusive rematou com perigo para um grande defesa do guarda-redes adversário. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 7.89/10
Resumo do Jogo

21/12/2016 (Taça da Turquia) - Umraniyespor 1-2 AKHISAR BELEDIYE
Miguel Lopes não foi convocado e Vaz Tê voltou a marcar.

Jogos - 13

Minutos - 1164

Golos - 1

Assistências - 0

Classificação - 14º na Spor Toto Super Lig / 1ª na Fase de Grupos da Taça da Turquia

* * *

CRISTIAN PONDE (Sp. Covilhã) - 1995-01-26 (21 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

14/12/2016 (Taça de Portugal) - Braga 1-2 SP. COVILHÃ
Cristian Ponde não foi convocado.

18/12/2016 (Ledman LigaPro) - SP. COVILHÃ 1-0 Leixões
Cristian Ponde não foi convocado.

Jogos - 10

Minutos - 651

Golos - 2

Assistências - 0

Classificação - 10º na Ledman LigaPro / Nos 1/4 de final da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

FILIPE CHABY (Sp. Covilhã) - 1994-01-22 (22 anos) - Médio Ofensivo / Médio Ala Direito

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

14/12/2016 (Taça de Portugal) - Braga 1-2 SP. COVILHÃ
Chaby continua a assumir um papel preponderante na fantástica caminhada do Covilhã na Taça de Portugal. Deu criatividade ao jogo dos serranos e voltou a ficar perto do golo na cobrança de mais um livre directo, que começa a ser imagem de marca. Saiu aos 80 minutos.

18/12/2016 (Ledman LigaPro) - SP. COVILHÃ 1-0 Leixões
Filipe Gouveia não prescindiu de Chaby e num jogo dividido em que nem as expulsões dos de Matosinhos desnivelaram consideravelmente o domínio do jogo, foi uma bola parada a resolver o encontro. Assim que se viu em vantagem, o técnico do Covilhã apressou-se a gerir o esforço de Chaby, que saiu aos 76 minutos.
(Record) Nota 3/5

Jogos - 19

Minutos - 1295

Golos - 3

Assistências - 2

Classificação - 10º na Ledman LigaPro / Nos 1/4 de final da Taça de Portugal / Na Fase de Grupos da Taça da Liga

* * *

TEO GUTIERREZ (Rosario Central) - 1985-05-17 (31 anos) - Avançado / Ponta de Lança

Contrato (Junho 2018) Cl. Rescisão 40M€

18/12/2016 (Primera División) - Belgrano 0-2 ROSARIO CENTRAL
Teo Gutiérrez não foi convocado.
Resumo do Jogo

Jogos - 8

Minutos - 539

Golos - 1

Assistências - 1

Classificação - 22º no Campeonato Argentino / Na final da Taça da Argentina

* * *

HADI SACKO (Leeds United) - 1994-03-24 (22 anos) - Extremo Direito / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

13/12/2016 (Championship) - LEEDS UNITED 2-0 Reading
Foi um daqueles jogos em que qualquer adepto do Leeds acha Sacko um verdadeiro achado. Deixou a cabeça em água ao lateral adversário e assistiu para o primeiro golo do jogo. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 6.67/10
(YEP) Nota 8/10
Resumo do Jogo

17/12/2016 (Championship) - LEEDS UNITED 1-0 Brentford
Sacko correu, tentou e acabou por ser dos que mais perigo causou. Foi após uma sequência de lances de perigo por si protagonizados que surge o canto que acaba por dar o golo da vitória. Jogou os 90 minutos.
(WhoScored) Nota 6.85/10
(YEP) Nota 7/10
Resumo do Jogo

Jogos - 24

Minutos - 1650

Golos - 1

Assistências - 6

Classificação - 5º no Championship / Eliminado da EFL Cup

* * *

HERNÁN BARCOS (Vélez Sarsfield) - 1984-04-11 (32 anos) - Ponta de Lança

Contrato (Junho 2017) Cl. Rescisão 60M€

18/12/2016 (Primera División) - Arsenal de Sarandí 2-1 VÉLEZ SARSFIELD
Face ao resultado negativo ao intervalo, Barcos entrou para os segundos 45 minutos e viria a reduzir o marcador, após conversão de uma grande penalidade.
(WhoScored) Nota 6.38/10
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 613

Golos - 2

Assistências - 0

Classificação - 24º no Campeonato Argentino / Eliminado da Taça da Argentina

* * *

SIMEON SLAVCHEV (Lechia Gdansk) - 1993-09-25 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

17/12/2016 (Ekstraklasa) - Korona Kielce 2-0 LECHIA GDANSK
Slavchev não foi convocado e o Lechia perdeu uma boa oportunidade de ir para a pausa de inverno como líder isolado.
Resumo do Jogo

Jogos - 9

Minutos - 797

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 2º na Ekstraklasa / Eliminado da Taça da Polónia (Puchar Polski)

* * *

FEDERICO RUIZ (Sintrense) - 1989-05-15 (27 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

18/12/2016 (Campeonato de Portugal Prio) - Sacavenense 2-1 SINTRENSE
Lesionado, Federico Ruiz não fez parte da lista de convocados.

Jogos - 3

Minutos - 105

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 3º na Série G do Campeonato de Portugal Prio / Eliminado da Taça de Portugal

* * *

EWERTON (Kaiserslautern) - 1989-03-23 (27 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

19/12/2016 (2. Bundesliga) - Nürnberg 2-1 KAISERSLAUTERN
Após ter ficado de fora no último jogo devido a problemas físicos, Ewerton voltou à titularidade. Aos 62 minutos ressentiu-se dos problemas físicos e foi substituído. Parece que a "sina" continua...
Resumo do Jogo

Jogos - 8

Minutos - 692

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 13º na 2. Bundesliga / Eliminado da Taça da Alemanha

* * *

CARLOS MANÉ (Estugarda) - 1994-03-11 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

18/12/2016 (2. Bundesliga) - Wurzburger Kickers 3-0 ESTUGARDA
Jogo para esquecer da equipa do Estugarda. Mané não fugiu à regra. 90 minutos muito apagados.
(Kicker) Nota 5/6 (1>6)
Resumo do Jogo

Jogos - 11

Minutos - 962

Golos - 4

Assistências - 4

Classificação - 3º na 2. Bundesliga / Eliminado da DFB Pokal

* * *

WALLYSON (Standard Liège) - 1994-02-16 (22 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021) Cl. Rescisão 45M€

18/12/2016 (Jupiler Pro League) - Genk 2-2 STANDARD LIÈGE
Wallyson continua a não fazer parte dos planos do treinador do Standard num jogo em que Orlando Sá voltou a marcar.
Resumo do Jogo

Jogos - 2

Minutos - 93

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 8º na Jupiler Pro League / Eliminado da Cofidis Cup / Eliminado da Liga Europa / Derrotado na Supertaça

* * *

GUILHERME OLIVEIRA (Cova da Piedade) - 1995-04-12 (21 anos) - Guarda-Redes

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

17/12/2016 (Ledman LigaPro) - COVA DA PIEDADE 0-0 Vizela
Guilherme Oliveira foi suplente não utilizado.

21/12/2016 (Ledman LigaPro) - Desp. Aves 1-0 COVA DA PIEDADE
Guilherme Oliveira foi suplente não utilizado.

Jogos - 2

Golos Sofridos - 0

Classificação - 4º na Ledman LigaPro / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

* * *

IURI MEDEIROS (Boavista) - 1994-07-10 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 60M€

18/12/2016 (Liga NOS) - Tondela 1-1 BOAVISTA
O jovem extremo emprestado pelo Sporting ao Boavista pensa os lances antes de a bola lhe chegar aos pés. E isso faz com que esteja sempre uns segundos à frente dos adversários. A inteligência aliada à qualidade técnica inegável faz com que seja um perigo constante a construir jogo. Na segunda parte, quase marcou por duas vezes, uma das quais num chapéu que Cláudio Ramos defendeu a dois tempos. Jogou os 90 minutos.
(Record) Nota 2/5
(O Jogo) Nota 6/10
(MaisFutebol) Nota 3/5
(WhoScored) Nota 6.16/10
(GoalPoint) Nota 4.9/10
Resumo do Jogo

Jogos - 12

Minutos - 989

Golos - 1

Assistências - 3

Classificação - 14º na Liga NOS / Eliminado da Taça de Portugal / Eliminado da Taça da Liga

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

SPORTING CP 0-1 Braga: E agora?

Fora da Europa e a oito pontos do líder da Liga, que objectivos (daqueles mesmo importantes) nos restam? Não vale falar das Taças. Não há Taça que salve a época. Não salvou ao Marco Silva e muito menos salvará a Jorge Jesus.

Temos 3 derrotas na Liga, mais uma do que em todo o campeonato passado. Neste momento, só ganhando todos os jogos poderemos atingir a pontuação da época passada. Sim, temos de ser 100% vitoriosos para fazer um campeonato ao nível do da época passada. Em todas as competições já levamos 8 derrotas e estamos a uma do registo de jogos perdidos no ano passado.

 

Afinal o plantel "retocado" não parece melhor que o do ano passado. Ou então o "cérebro", o homem que pensa toda a nossa estrutura, não está a conseguir melhorá-la e muito menos extrair dos jogadores o rendimento que tiveram no ano passado.

Os reforços, todos trazidos a pedido do senhor 6 milhões, não acrescentam nada (excepção feita a Bas Dost) e temos os mesmos pontos que Marco Silva tinha à 14ª jornada, estando em posição semelhante à que nos encontrávamos nesse tempo.

 

É tempo de fazer algo que o Sporting tem tido pouca capacidade para fazer. Tempo de olhar para dentro e fazer auto-crítica. Apontar num caderninho o que está mal (como fazemos sobre o rival, normalmente no facebook) e traçar um caminho para melhorar.

Nos próximos 6 jogos para a Liga temos 4 fora e sem dúvidas o calendário mais difícil comparativamente ao dos rivais. Porto e Benfica jogarão 4 jogos em casa no mesmo período, sendo que este ciclo de 6 jogos termina com uma ida ao Dragão.

 

Tenho alguns anos disto para saber que uma nova diferença de 4 pontos fará renascer a esperança de muitos. Não vou dizer tacitamente que o campeonato acabou mas é impossível não assumir que quase precisamos de um milagre.

Jesus já provou que pode dar-nos uma qualidade como poucos mas compensarão as virtudes todos os defeitos que teima em continuar a demonstrar? É isto que terá de ser Bruno de Carvalho a decifrar. Deu a Jesus o poder que nenhum teve. Poder esse que Jesus não aceita perder. Está nas mãos do Presidente, do treinador e dos jogadores alterar o estado das coisas.

 

Os adeptos sempre têm apoiado. Estão mais nervosos, apreensivos, exigentes? É normal. Tendo em conta tudo o que se tem passado foi um milagre que os assobios só tenham vindo em força após o jogo. Estamos unidos em prol do Sporting mas não aceitamos (pelo menos eu não aceito) que sejamos nós os únicos a sofrer com isto.

Nem era para dizer nada...não vou analisar o jogo. Foi mau, dos piores da época. Há muito a melhorar e talvez opções na construção do plantel a reponderar.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Hoje joga o Sporting

Para muitos um cliché, para mim uma forma de estar: o jogo de hoje é uma final.

Não há diferenças de importância em jogos do campeonato. Quando cada um vale três pontos e sabemos que, no fim, é por um que se pode ganhar ou perder. Não podemos dar-nos ao "luxo" de ver um derby com uma importância acrescida relativamente a qualquer outro jogo.

Somos novamente verdadeiros candidatos à vitória e, como tal, o tempo em que o nosso campeonato era ganhar ao Benfica já lá vai (muitos ainda pensam assim, de ambos os lados da barricada).

Uma coisa são as rivalidades, as emoções inerentes a cada jogo, outra é a real importância de cada partida. No final, um jogo com o Tondela, Benfica ou Braga vale o mesmo. Três pontos pelos quais temos de lutar com esforço, dedicação e devoção.

Quis o destino que em vez de José Peseiro seja Abel a regressar a Alvalade. O nosso ex-lateral direito e ex-treinador dos juniores terá a tarefa de mediar a passagem de testemunho entre Peseiro e Jorge Simão e o Braga virá a Alvalade certamente com a matriz de jogo de José Peseiro, à qual se juntará a leitura do nesmo por parte de Abel. Espero um Braga forte nas transições, a tentar marcar o ritmo com a experiência e qualidade de Alan, aliada à explosividade de Ricardo Horta e Wilson Eduardo (mais um regresso) e à capacidade de finalização de Rui Fonte (outro regresso) e/ou Hassan.

Da nossa parte, o melhor onze (na minha opinião, aquele que actuou em Setúbal) e uma eficácia a condizer com a habitual qualidade do nosso jogo.

Nas bancadas, certamente um ambiente efervescente, de apoio e motivação rumo a mais três importantes pontos.

SPOOOOOOOOOORTING!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Agenda Leonina

Agenda 1.png

Agenda 2.png

Agenda 3.png

Agenda 4.png

Agenda 5.png

Agenda 6.png

Agenda 7.png

Agenda 8.png

Agenda 9.png

A Golden Cup de Judo terá transmissão em directo via streaming no canal de youtube da European Judo Union (LINK)

Os resultados dos campeonatos nacionais de clubes em natação podem ser acompanhados em directo (LINK) e, embora não confirmado, é expectável que haja transmissão via streaming no canal da FP Natação (LINK).

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Dost ao nível do melhor Slimani

Mesmo sem termos ainda encontrado o melhor parceiro para Bas Dost, facto que em muito prejudica o volume de oportunidades para o holandês finalizar com qualidade, a verdade é que o reforço leonino tem feito pela vida para mostrar serviço.

Apresenta números ligeiramente superiores a Slimani nos primeiros 17 encontros da época passada, ficando aquém do início da melhor época de Liédson (a segunda) e do início das épocas de estreia de Ricky van Wolfwinkel e Fredy Montero (as mais produtivas de ambos em número de golos), ressalvando que o colombiano não voltaria a marcar no que restou da época 2013/14.

Registo a possível injustiça de comparar a época de estreia do holandês com as melhores épocas de cada um dos antecessores mas é uma forma de manter a bitola elevada e de mostrar realmente a qualidade do gigante contratado ao Wolfsburg.

Vamos aos números, ordenados pelo item da última coluna (minutos por golo):

Comparativo avançados.png

Não incluo nesta análise Teo Gutierrez, por ter um papel diferente do típico avançado referência mas, por curiosidade, nos primeiros 17 jogos, marcou 7 golos em 1154 minutos (um golos a cada 165 minutos).

Sobretudo por saudosismo, deixo-vos os de Mário Jardel no ano do último título do Sporting. 17 jogos / 1463 minutos / 23 golos / um golo a cada 64 minutos. Impressionante! Nesta época Super Mário acabaria com 55 golos em 41 jogos (todas as competições) a apenas um do seu recorde (56, mas em 51 jogos) na última época no Porto, quando o Sporting se sagrou campeão em 1999/2000. As duas melhores épocas de Mário Jardel em termos individuais foram quando o Sporting se sagrou campeão.

Termino com uma análise interessante entre Bas Dost e Islam Slimani, o nosso termo de comparação mais recente. Bas Dost marca mais, em menos minutos e rematando menos. Ressalvo que a média de remates por jogo de Bas Dost é a registada até ao momento, enquanto que a de Slimani corresponde a toda a temporada passada, facto que não deverá alterar em muito a objectividade da análise. Sublinho também que a estatística é relativa apenas aos jogos da Liga, o que torna também a comparação mais justa. Bas Dost faz um golo a cada 2.8 remates enquanto que, na temporada passada, Slimani precisou em média de 3.6 remates para finalizar com sucesso.

Esperemos que, tal como Slimani, Bas Dost suba de rendimento ao longo da temporada. O Sporting agradecerá e nós também.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Ainda sobre a 4ª Bola de Ouro de Ronaldo (e a formação do Sporting)

O texto é de André Pipa, jornalista e cronista do jornal "A Bola". Um Sportinguista num antro de promiscuidade encarnada que teima em dizer o que tem de ser dito e outros nem ousam falar. (espero que não tenha em breve de passar a "independente" por ser isento e ao mesmo tempo uma espécie de "justiceiro da verdade")

 

"FANTÁSTICA consagração mundial de Cristiano Ronaldo no ano de ouro do futebol português e da Academia de Alcochete, que tem o seu nome umbilicalmente ligado à maior vitória de sempre do desporto nacional: a conquista do Euro 2016. Por alguma razão Aurélio Pereira foi convidado pelas televisões, rádios e jornais a comentar o enésimo sucesso do maior futebolista português de sempre, que até reuniu mais do dobro dos votos do rival Messi. Lógico: foi Aurélio quem o moldou, o formatou, e o preparou para ser lançado na equipa principal do Sporting - o que aconteceu por decisão do romeno Laszlo Bölöni, o homem que também lançou Ricardo Quaresma. Não sei se Aurélio Pereira e o Sporting têm noção do que significou a quarta Bola de Ouro de Ronaldo. Significou «apenas» isto: que a formação do Sporting igualou a Academia do Barcelona (La Masia) como o maior produtor mundial de Bolas de Ouro - vão cinco !!!, juntando-se o sumptuoso «tetra» de Cristiano (2008, 2013, 2014 e 2016) ao triunfo de Luis Figo em 2000. A cantera do Barcelona também tem cinco Bolas de Ouro, todas conquistadas por Lionel Messi, havendo depois quatro academias com três Bolas de Ouro no currículo: a do Ajax (Cruyff), a do UVV Utrecht (Marco van Basten), a do Nancy (Michel Platini) e a do River Plate (Alfredo Di Stefano e Omar Sivori). (......)

É claro que o triunfo de Cristiano tem vários progenitores, cada qual com méritos específicos em momentos diferentes da sua carreira. O Sporting será sempre o ponto de partida, o formador, e Aurélio Pereira o oleiro que moldou o barro. Pode e deve reclamar essa paternidade com mais que justificado orgulho. E devia fazê-lo com redobrada insistência, já que Alcochete continua a produzir diamantes de elevadíssimo quilate – olhem só o Gelson. Quem não faria o mesmo? (imaginem as reacções das «máquinas» propagandísticas benfiquista e portista se algum dia um futebolista formado no Seixal ou no Olival for considerado o melhor do Mundo !...). Mas é perfeitamente óbvio que Cristiano nunca se teria tornado o que se tornou se não tivesse ido parar às mãos de um ganhador compulsivo como Alex Ferguson no Manchester United; e nunca teria chegado onde chegou, em termos desportivos, mediáticos e financeiros, se não tivesse traçado - e cumprido! - o objectivo de representar o maior clube do Mundo, o Real Madrid, onde Cristiano chegou no auge das suas capacidades e se fez, definitivamente, um futebolista para a eternidade. Cristiano é, portanto, um «produto» elaborado pelo Sporting, aperfeiçoado pelo Manchester United e concluído pelo Real Madrid. E por ele próprio, com o seu inigualável e omnipresente carácter de vencedor, sua ânsia de superação, a sua férrea determinação de ganhar, de cortar a meta em primeiro. Creio que nesse particular – o CARÁCTER – Cristiano será porventura superior a Pelé e Maradona. Talvez o maior animal de competição que o futebol conheceu.

Em suma. Parabéns a Alcochete pela quinta Bola de Ouro no historial cinco meses depois de contribuir com dez jogadores - Rui Patricio, Cédric Soares, José Fonte, William Carvalho, Adrien Silva, João Mário, João Mário, Nani, Ricardo Quaresma e Cristiano Ronaldo – para a maior vitória de sempre do futebol português no Euro 2016. Alcochete é certamente umas das marcas portuguesas mais prestigiadas no estrangeiro (veja-se como Gelson já traz o selo de qualidade colado ao apelido…) e o sucesso reiterado na produção de grandes jogadores deveria funcionar não como motivo de inveja ou azia, mas como exemplo e inspiração às academias dos clubes concorrentes. Parabéns a Cristiano Ronaldo pela 4.ª Bola de Ouro da carreira– extraordinária carreira ! Parabéns ao Real Madrid de Florentino Perez (e ManuelPellegrini, José Mourinho,CarloAncelotti, eZinedineZidane...) por ter feito de Cristiano «o» futebolista total. Parabéns asirAlex Ferguson e ao ManchesterUnited por terem feito do promissor Cristiano um futebolista de classe Mundial.Lastbutnottheleast, parabéns ao mestre Aurélio Pereira, ao Sporting e aLazloBölöni por terem feito de um habilidoso magricelas Madeirense o protótipo do maior desportista Português de todos os tempos. Orgulho de um País. O nosso."

15401104_1359136030774901_8602291055809394972_n.jp

Sigam-me no facebook e no twitter.

Pág. 1/3

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal