Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Em busca da glória

A foto é do Engenheiro Gilberto Borges e mostra o autocarro da nossa equipa de hóquei a caminho de Barcelos, onde sábado e domingo disputaremos a conquista de mais uma Taça CERS.

Embora não seja a equipa mais titulada em Portugal, o Sporting tem os mesmos troféus europeus que o Benfica (6) e apenas menos um que o Porto (7).

É em busca da sétima que nos deslocamos a Barcelos, onde somos encarados como um dos favoritos à vitória na prova (o outro será o Barcelos, até por jogar em casa), quer por sermos os detentores da mesma, quer pela nossa qualidade colectiva e individual.

Voltando a alguns dados históricos, a decisão de encerrar a secção em 94/95 permitiu sobretudo ao Porto o domínio da modalidade em Portugal. Um clube que apenas tinha 8 campeonatos nacionais até então venceu 13 durante o período em que o Sporting esteve fora da modalidade.

Até 1995, o Sporting tinha 12 títulos nacionais, aos quais adicionou esta época a Supertaça, somando o total actual de 13.

Até 1995, Benfica tinha 29 títulos internos e o Porto 22, sendo que era o Benfica o grande dominador na principal competição nacional (18 títulos contra 8 do Porto e 7 do Sporting - o Paço de Arcos ainda hoje soma os 8 que já tinha em 95).

Hoje, o Porto soma 54 títulos nacionais, o Benfica 44 e o Sporting os já referidos 13.

Durante os cerca de 20 anos de ausência, permitimos que Benfica e Porto vencessem quase 50 títulos que podíamos ter disputado.

Toda esta retrospectiva serve para explicar que o Sporting que Bruno de Carvalho projecta é aquele que vemos agora renascer e que o nosso hóquei já mostrou ser uma realidade, vencendo 1 Supertaça e 1 taça CERS em menos de dois anos de regresso oficial ao Clube.

Este fim-de-semana não só tentaremos dar mais um passo para a glória como o faremos com o propósito de nos afirmarmos novamente na modalidade a nível nacional e internacional.

É na equipa técnica liderada por Nuno Lopes e nos sticks de Figueira, Tuco, Poka, Centeno, Cacau, Losna, João Pinto e Viana e nas luvas de Girão e Zé Diogo que estão postas as esperanças em mais um passo seguro rumo à nossa afirmação, numa época que se sabe, é de transição.

Muitas mudanças se prometem para a próxima temporada e poucos desejarão com tanta força quanto eu que este grupo e, sobretudo esta equipa técnica, saiam com a merecida glória.

Este sábado podemos dar mais um passo para disputar o 5º título em menos de duas temporadas (perdemos taça de Portugal 14/15 e Taça Continental em 15/16 e vencemos a Taça CERS 14/15 e a Supertaça 15/16) e, no domingo, podemos desempatar e somar o 3º título em 5 finais disputadas.

Ficará a faltar disputar o título nacional e teremos de deixar isso para a próxima época, onde se prevê o regresso à Liga Europeia, a Champions do hóquei em patins.

Eu quero mais uma CERS no Museu Mundo Sporting!

 

Sigam o GAG no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal