Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

É para ganhar e jogar mais uma final

ABC 34-33 SPORTING CP (Campeonato)

SPORTING CP 31-32 ABC (Campeonato)

SPORTING CP 38-24 ABC (Taça Portugal)

ABC 31-32 SPORTING CP (Playoff)

SPORTING CP 29-32 ABC (Playoff)

ABC 25-30 SPORTING CP (Playoff)

Este é o histórico de confrontos desta época com os bracarenses do ABC. 3 vitórias e 3 derrotas e uma tendência de ambas equipas em vencer no campo do adversário.

Também por isto é importante reverter esta tendência e fechar já o apuramento para a final do playoff.

Zupo disse que o segredo estará na defesa e o nosso histórico em casa comprova-o. Só por uma vez sofremos menos de 30 golos nos embates em casa e foi essa a nossa única vitória em 3 jogos.

Defender com a mesma agressividade e eficácia verificada do último jogo será fulcral para carimbar o passaporte para a 2ª final consecutiva, depois de em 2013/14 termos ficado a um ponto do título, numa época onde ainda não se disputava o título recorrendo a playoff mas sim numa 2ª fase regular.

Será a nossa agressividade a defender que condicionará o ABC a atacar com menos eficácia e a tomar as piores decisões possíveis. 

Uma meia-distância mais forte que o habitual e a já natural eficácia no contra-ataque serão garantia de mais uma vitória.

Eu acredito que esta equipa, embora tenha feito uma época titubeante, pode vencer o título.

 

Ponto da situação da Onda Verde

A quatro jornadas do final, parece-me pertinente fazer um ponto de situação da Onda Verde, comparando-a com a dos rivais.

Onda Verde.png

Tal como no último update, mantemo-nos líderes em percentagem de ocupação no próprio estádio, embora os adeptos benfiquistas tenham começado nas últimas semanas a subir este percentil.O Porto encontra-se em queda livre, tanto nos jogos em casa, como nos jogos fora. Fora, tanto Sporting como Benfica viram a percentagens de ocupação subir, mantendo essa tendência.

Onda Verde 1.png

Em casa, há três jogos consecutivos que Sporting e Benfica vêm as suas médias subir. Em contraponto, a média de assistência do Porto desce há 10 jogos consecutivos, situação que sofrerá inversão dentro em breve, assim que o Sporting visite o Estádio do Dragão. O Benfica lidera sem surpresa neste parâmetro.

Onda Verde 2.png

As médias decrescem em 2 mil espectadores se excluirmos da contagem os jogos grandes. Há 7 jogos consecutivos que a média cresce em Alvalade. Na Luz, há 5 jogos que a tendência é crescente. No Dragão, há 11 jogos consecutivos que a média cai.

Onda Verde 3.png

Depois de na 1ª metade da época o Porto ter sido o clube que mais encheu o seu estádio, o Sporting assumiu a liderança deste dado estatístico, que mantêm há 7 jogos em sua casa. O Benfica nunca teve uma percentagem de ocupação do seu estádio superior aos dois rivais em toda a temporada.

Onda Verde 4.png

Mesmo excluído os jogos grandes da equação, a tendência mantêm-se. O Porto foi 'rei' na 1ª metade da temporada, para depois passar o 'trono' ao Sporting.

Onda Verde 5.png

Sporting e Benfica têm-se mantido a uma distância mais ou menos constante na ocupação dos estádios dos adversários. O Porto vem-se afastando dos rivais. Neste ponto, de realçar apenas que o Benfica não foi a Arouca, tendo sido deslocado o jogo para Aveiro (o que não significa que não preenchesse 78% do Estádio Municipal de Arouca, como fez em Aveiro).

Onda Verde 6.png

Excluído as deslocações ao campo dos outros grandes, o Benfica perde 3 pontos percentuais, o Sporting 2 e o Porto 6, facto que mostra que são os Sportinguistas quem menos oscila na sua falange de apoio.

 

Já pouco se alterará até final da temporada. Espera-se que Sporting, Benfica e Porto acabem por subir as suas médias em casa. Os dois primeiros pela disputa pelo título, o Porto porque recebe o Sporting. Fora, parece que a Onda Vermelha vai bater a verde em todos os aspectos, excepto no qualitativo.

 

Sigam o GAG no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal