Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Por cada leão que cair...

Foi quase acidentalmente que há pouco mais de um mês o recordei (LINK)...

Fernando Mendes faleceu hoje.

Mais do que um verdadeiro líder em campo, que em Antuérpia festejou o único título europeu do nosso futebol, Fernando Mendes era, dizem, um excelente condutor de homens.

Foi graças a essa capacidade de liderança que se tornou num dos poucos a festejar um título nacional enquanto treinador e jogador.

Foi enquanto treinador que o relembrei, quando em 79/80 guiou a equipa à conquista do campeonato numa das melhores épocas de sempre, onde o aproveitamento de quase 85% dos pontos faz com que tenha o melhor registo desde 1970.

Será sempre relembrado pelos feitos mas sobretudo pela grande pessoa, que Bruno de Carvalho fez questão de relembrar na sua página de facebook.

Até sempre!

Fernando Mendes.png

«Iuri Medeiros vai ter o mesmo destino de João Mário»

Rafael Martins é o goleador-mor do Moreirense e cliente habitual do pé esquerdo de Iuri Medeiros. Os dois jogadores são responsáveis por grande parte da produção ofensiva da equipa minhota.

Desafiado pelo Maisfutebol a descrever o jovem que atua a seu lado por empréstimo do Sporting, Rafael Martins não faz por menos e atira, sem que a questão tinha sido colocada dessa forma, com outro nome para cima da mesa: João Mário.

O ponta-de-lança brasileiro jogou com João Mário na época 2013/14, no Vitória de Setúbal, e percebeu desde cedo que estava perante um talento de qualidade superior. Aliás, traçou-lhe o destino rapidamente.

«Quando estávamos os dois no Vitória, eu via a enorme qualidade do João Mário e dizia-lhe que seria uma questão de tempo até estar no onze do Sporting. Agora, acredito que o Iuri Medeiros vai ter o mesmo destino.»

Iuri Medeiros destacou-se nos meses de empréstimo ao Arouca e tem subiu de produção camisola do Moreirense. 9 golos na temporada 2015/16, acompanhados por várias assistências.

O jogador nascido nos Açores, há 21 anos, vai fazer a pré-época com o plantel do Sporting e tem boas possibilidades de ficar no plantel às ordens de Jorge Jesus.

Rafael Martins diz que Iuri Medeiros tem caraterísticas únicas, que podem ser extremamente úteis ao Sporting.

«O Iuri é um grande jogador, que em espaços curtos te pode colocar na cara do guarda-redes contrário. Tem um pé esquerdo fabuloso. Acho que o Sporting tem de aproveitar essas caraterísticas rapidamente.»

O máximo goleador do Moreirense salienta a capacidade que o jovem dos quadros leoninos tem para decidir jogos num abrir e fechar de olhos.

«Por vezes parece que está desaparecido no relvado mas é daqueles talentos que em dez minutos resolve um jogo. Penso que ele mudou um pouco a sua forma de estar em campo e nos últimos jogos têm feito ainda melhores exibições.»

 

Palhinha: o touro do meio-campo que é mão de vaca

Iuri Medeiros tem maior protagonismo que o outro jogador cedido pelo Sporting ao Moreirense. De qualquer forma, Jorge Jesus parece ser um grande apreciador de João Palhinha e Miguel Leal aprecia a sua qualidade para ditar leis no setor intermediário.

Não se deixem enganar: o nome Palhinha pode levar os menos atentos a imaginar um jogador diminuto, sem expressão física. Pelo contrário. Com 189 centímetros e 82 quilos, o médio defensivo é sinónimo de força e capacidade de choque.

«O João Palhinha é um jogador alto e muito forte fisicamente. É uma torre, um touro! Tem sido muito importante para nós.»

Mais novo que Iuri Medeiros e a cumprir a primeira época no escalão principal, o jogador de 20 anos pode ver a sua integração no plantel leonino adiada. A pré-época será importante nesse aspeto. E Rafael Martins acredita que tudo não passa de uma questão de tempo.

«O Iuri Medeiros está mais maduro, já vai no segundo empréstimo e penso que está completamente preparado para entrar no plantel do Sporting. Para o João Palhinha é o primeiro empréstimo, não sei o que os responsáveis do clube pretendem, mas tem sido dos mais utilizados aqui e, se não for este ano, acredito que passará por outro empréstimo e irá voltar ao Sporting na época seguinte. Mas para mim a qualidade é clara.»

João Palhinha fez 23 jogos na Liga Portuguesa e adaptou-se com naturalidade ao Moreirense. Aliás, percebe-se que gera empatia no balneário do clube minhoto. Em diálogo com o Maisfutebol, o seu companheiro de equipa revela uma particularidade extremamente curiosa.

«Costumámos brincar com o Palhinha porque ele é muito mão de vaca, como se diz no Brasil. Diz-se forreta aqui, não é? É isso. Se lhe disseres para ir lanchar contigo, ele diz que está com dores de cabeça e que vai direto para casa. É mesmo mão de vaca. Com o Iuri Medeiros não brincámos tanto, ele é mais quieto, fica no seu canto. Mas são dois grandes jogadores.»

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal