Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

Aquele momento em que a análise mais imparcial vem no Jornal de um Clube

Liga da Verdade.png

 

(clica na imagem para aumentar)

 

A análise parece-me até bastante benevolente e transpira uma isenção de fazer inveja a qualquer órgão de comunicação social nacional.

Não concordo que o golo da União da Madeira surja de um erro grosseiro. O fora-de-jogo, a existir, é milimétrico e, por isso, aceito perfeitamente a decisão da equipa de arbitragem.

Em tudo o resto, do que vi, concordo em absoluto e, como já disse, acho a análise objectiva, o que até beneficia a equipa mais ajudada pelas equipas de arbitragem.

Numa semana tão importante, há que acautelar o futuro

Vítor Pereira não se demitiu e todos sabemos porquê...

Há trabalho a acabar e numa semana tão importante, em que Soares Dias apitou 'bem' em Alvalade e o Benfica se deslocou à Rússia a meio da semana, não se pode facilitar.

Para este fim-de-semana, o Vitó guardou dois dos seus melhores avançados (daqueles que o Vieira diz essenciais) para os jogos dos dois principais candidatos ao título.

Manuel Mota no Estoril - Sporting e Luís Ferreira no Benfica - Tondela.

Nada mais, nada menos que dois indefectíveis lampiões, daqueles que nem de vouchers precisam para fazer aquilo ao que vão.

Atente-se ao histórico...

 

Manuel Mota dispensa apresentações. Um Benfica 100% vitorioso nos jogos que arbitra e nos dois jogos em que arbitrou o Sporting anulou um golo limpo a Slimani num jogo em casa com o Nacional (2013/14) que isolava o Sporting na liderança do campeonato.
Para além disso, este ano já teve decisões erradas que favoreceram o Benfica nos jogos com Setúbal e Arouca, todos cometidos com o resultado em aberto.

 

Luís Ferreira é um dos melhores clientes dos vouchers, sobretudo no Seixal. Em 7 jogos em que arbitrou Benfica e Benfica B, 5 foram em casa e 6 acabaram em vitória (a derrota foi num jogo da equipa B na Madeira, frente ao Marítimo B). Histórico limpinho e 100% vitorioso em jogos da equipa principal do seu SLB.
Para além disto, expulsou 6 jogadores do Sporting em 8 jogos (entre equipa principal e B e a maior parte injustamente) e foi celebrizado no derby em Rio Maior em que o Sporting, depois de se colocar em vantagem no marcador, vê dois jogadores expulsos ainda na 1ª parte, antes da reviravolta no marcador. Este foi o derby que apresentou o futebol português a Bruno de Carvalho e eu estive na bancada. Uma vergonha. O derby da passarada. Este ano, já mostrou serviço no Sporting - Tondela.

 

Por isto, não é semana para esperar escorregadelas do adversário mais directo. Se ganharmos o nosso jogo, já é bem bom.

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal