Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Grande Artista e Goleador

O que andam eles a fazer?

JEFFERSON (Sp. Braga) - 1988-07-05 (29 anos) - Defesa Esquerdo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

12/07/2017 (Amigável) - SP. BRAGA 1-2 Belenenses
Jefferson actuou apenas nos segundos 45 minutos. Bela jogada e grande golo de cabeça de Filipe Chaby.
Jogo Completo

14/07/2017 (Amigável) - SP. BRAGA 2-0 Nacional
Jefferson não foi utilizado.
Jogo Completo

14/07/2017 (Amigável) - SP. BRAGA 2-1 Marítimo
Jefferson foi titular na lateral esquerda e jogou os 90 minutos. Esgaio assistiu para o primeiro do Braga.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

MAMA BALDÉ (Desp. Aves) - 1995-11-06 (21 anos) - Defesa Direito

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

15/07/2017 (Amigável) - Sp. Covilhã 0-0 DESP. AVES
Acabado de chegar, Mama Baldé ainda não foi opção para Ricardo Soares.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

DOMINGOS DUARTE (Desp. Chaves) - 1995-03-10 (22 anos) - Defesa Central

Contrato (Junho 2022) Cl. Rescisão 45M€

Domingos Duarte efectuou ontem o seu primeiro treino junto dos novos companheiros. Amanhã há jogo de treino com o Marítimo.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

FÁBIO MARTINS (Sp. Covilhã) - 1996-02-10 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

15/07/2017 (Amigável) - SP. COVILHà0-0 Desp. Aves
Fábio Martins escolheu o nº 6 para encarar esta nova etapa na sua carreira. Todos os jogadores foram utilizados no jogo de apresentação aos sócios, frente ao primo-divisionário Desportivo das Aves.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

PEDRO EMPIS (Académica) - 1997-02-01 (20 anos) - Defesa Esquerdo / Direito

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

15/07/2017 (Amigável) - P. Ferreira 0-0 (1-3 g.p) ACADÉMICA
Pedro Empis não foi utilizado.

15/07/2017 (Amigável) - FC Porto B 2-2 ACADÉMICA
Pedro Empis não foi utilizado.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

RICARDO GUIMARÃES "GUIMA" (Académica) - 1995-11-14 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019)

15/07/2017 (Amigável) - P. Ferreira 0-0 (1-3 g.p) ACADÉMICA
Guima foi titular no meio-campo.

15/07/2017 (Amigável) - FC Porto B 2-2 ACADÉMICA
Guima voltou a ser titular no meio-campo (os jogos foram de 45 minutos, cada).

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

LUÍS ELÓI (Sintrense) - 1996-03-10 (21 anos) - Extremo Esquerdo / Direito

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

18/07/2017 (Amigável) - Benfica B 10-2 Sintrense
Sem informação disponível.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

LUKAS SPALVIS (Kaiserslautern) - 1994-07-27 (22 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2018 + 3 épocas opção) Cl. Rescisão 60M€

12/07/2017 (Amigável) - Augsburg 2-0 Kaiserslautern
Spalvis estreou-se pelo Kaiserslautern e alinhou como titular, jogando os primeiros 45 minutos. Hoje há novo teste.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

CARLOS MANÉ (Estugarda) - 1994-03-11 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

12/07/2017 (Amigável) - ESTUGARDA 1-2 Dresden
Mané continua a recuperar de lesão.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

BRUNO PAULISTA (Vasco da Gama) - 1995-08-21 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021)

13/07/2017 (Brasileirão) - Vitória 1-4 VASCO DA GAMA
Bruno Paulista ficou de fora da convocatória, por motivos físicos.
Resumo do Jogo

16/07/2017 (Brasileirão) - VASCO DA GAMA 0-0 Santos
Afinal Bruno Paulista tinha apenas sentido um incómodo na coxa e a lesão não se confirmou. O brasileiro regressou assim à convocatória e foi opção a partir do banco, num jogo à porta fechada, por castigo aos adeptos do clube da casa. Entrou aos 66 minutos, para o lugar de segundo volante ( a nossa posição 8) e deu aquilo que a equipq precisava e, até então, não tinha tido. Rematou duas vezes de mais distância, uma das quais muito perto do alvo.
(WhoScored) Nota 6.33/10
(FutAnalysis) Nota 5.50/10
Resumo do Jogo

Jogos - 2

Minutos - 65

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 9º lugar no Brasileirão / Semi-Finalista do Campeonato Carioca / Eliminado da Copa do Brasil

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

O que andam eles a fazer?

JEFFERSON (Sp. Braga) - 1988-07-05 (29 anos) - Defesa Esquerdo

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

05/07/2017 (Amigável) - Varzim 1-0 SP. BRAGA
Jefferson alinhou apenas nos primeiros 45 minutos, o melhor período do Braga na partida. Ao intervalo, o resultado era um nulo para ambas as equipas. Na segunda parte, Mário Sérgio (esse mesmo) resolveu a partida na marcação de um livre directo.
Jogo Completo

08/07/2017 (Amigável) - Penafiel 1-2 SP. BRAGA
Jefferson não foi utilizado.
Resumo do Jogo

08/07/2017 (Amigável) - SP. BRAGA 3-0 Desp. Aves
Jefferson foi titular na lateral esquerda, teve interferência directa no 2-0 e saiu aos 82 minutos.
Jogo Completo

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

FÁBIO MARTINS (Sp. Covilhã) - 1996-02-10 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

01/07/2017 (Amigável) - SP. COVILHÃ 3-0 Selecção Distrital Castelo Branco
Fábio Martins marcou um dos golos do encontro.

08/07/2017 (Amigável) - SP. COVILHà1-2 Santa Clara
Informação não disponível. Bilel (ex-Sporting B) marcou o único golo dos serranos.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

PEDRO EMPIS (Académica) - 1997-02-01 (20 anos) - Defesa Esquerdo / Direito

Contrato (Junho 2019) Cl. Rescisão 45M€

06/07/2017 (Amigável) - ACADÉMICA 1-1 Ac. Viseu
Pedro Empis foi titular e jogou os primeiros 45 minutos como lateral esquerdo.
Golo Académica

08/07/2017 (Amigável) - FC Porto 2-2 ACADÉMICA
Informação não disponível.

11/07/2017 (Amigável) - ACADÉMICA 0-1 Oliveirense
Pedro Empis foi titular na lateral esquerda.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

RICARDO GUIMARÃES "GUIMA" (Académica) - 1995-11-14 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2019)

06/07/2017 (Amigável) - ACADÉMICA 1-1 Ac. Viseu
Guima entrou para jogar na segunda parte da partida.
Golo Académica

08/07/2017 (Amigável) - FC Porto 2-2 ACADÉMICA
Informação não disponível.

11/07/2017 (Amigável) - ACADÉMICA 0-1 Oliveirense
Guima foi titular no meio-campo.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

LUÍS ELÓI (Sintrense) - 1996-03-10 (21 anos) - Extremo Esquerdo / Direito

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 45M€

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

LUKAS SPALVIS (Kaiserslautern) - 1994-07-27 (22 anos) - Ponta-de-Lança

Contrato (Junho 2018 + 3 épocas opção) Cl. Rescisão 60M€

Semana intensa de treinos na Áustria, com 6 dias consecutivos de treinos bi-diários. Há a expectativa para ver se Splavis alinha amanhã, no primeiro jogo de treino em terras austríacas.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

CARLOS MANÉ (Estugarda) - 1994-03-11 (22 anos) - Extremo / Avançado

Contrato (Junho 2020) Cl. Rescisão 60M€

09/07/2017 (Amigável) - Estugarda 1-1 Estugarda Kickers
Mané segue o seu plano de recuperação da grave lesão sofrida na temporada passada.

Jogos - 0

Minutos - 0

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - -

* * *

BRUNO PAULISTA (Vasco da Gama) - 1995-08-21 (21 anos) - Médio Centro

Contrato (Junho 2021)

08/07/2017 (Brasileirão) - VASCO DA GAMA 0-1 Flamengo
Estreia agridoce de Bruno Paulista pelo Vasco. Foi titular, jogando como médio mais defensivo e mostrou poder dar algumas coisas interessantes à equipa. Estatura, vontade, qualidade de passe (embora tenha revelado pouco acerto, fez um passe para ocasião e outro para uma jogada de perigo)... Talvez tenha mesmo sido a vontade de mostrar que o traiu. Esticou demais e rasgou, tendo sido substituído aos 41 minutos, após uma boa exibição. O tempo previsto de paragem é entre 2 e 4 semanas.
(WhoScored) Nota 6.51/10
(FutAnalysis) Nota 5.24/10

Jogos - 1

Minutos - 41

Golos - 0

Assistências - 0

Classificação - 10º lugar no Brasileirão / Semi-Finalista do Campeonato Carioca / Eliminado da Copa do Brasil

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

The Academy Series | 10 best Sporting Clube de Portugal products

O Sporting Clube de Portugal sempre foi considerado um dos melhores clubes da Europa produzir jovens talentos. Com um departamento de formação liderado pelo honorável olheiro Aurélio Pereira - o homem por trás da descoberta de jogadores como Figo, Futre ou Ronaldo - e com centenas de outros olheiros trabalhando por todo o país para trazer apenas os melhores jovens para Alvalade. A equipa de Lisboa sempre valorizou os jogadores da sua formação, o que levou à inauguração da Academia Sporting, em Alcochete, em 2002 - um local com infra-estruturas de qualidade onde os jovens podem viver e treinar, sempre acompanhados por um conjunto de pessoas, desde treinadores a psicólogos ou nutricionistas, com o objectivo de os criar enquanto pessoas e atletas.

Os métodos de treino nesta renomeada Academia são focados no desenvolvimento individual com os treinadores a incentivar os jovens talentos a jogar com bola, incentivando-os a driblar, ultrapassar adversários e assumir riscos. Deixar os jovens desfrutar do seu jogo desta forma é definitivamente uma das razões pelas quais tantos extremos talentosos saem da Academia época após época.

No início da temporada 2012/13, equipas B de alguns dos maiores clubes do país foram reintroduzidas em Portugal. A equipa B do Sporting joga na 2ª divisão nacional, dando aos jogadores que fazem a transição para o futebol sénior a possibilidade de mostrar o seu valor. Este é outros dos factores que o clube tem a seu favor no que diz respeito ao desenvolvimento de jovens jogadores.

Outro projecto que tem dado suporte à principal Academia do clube é o conjunto de 29 "Escolas Academia Sporting" espalhadas pelo país - outras pequenas academias que, usando o nome e os métodos do Sporting têm ligação directa à de Alcochete.

OS 10 MELHORES PRODUTOS

DANIEL CARRIÇO // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2007

Um jogador que muito provavelmente a maioria das pessoas não esperava ver nesta lista, Carriço passou 13 anos no Sporting - 8 deles nas camadas jovens e 5 na equipa principal. Jogando como defesa central ou médio defensivo, Daniel chegou a capitão da equipa principal do Sporting, pela qual actuou 91 vezes. Depois de uma infrutífera transferência para o Reading, Carriço é hoje peça chave do Sevilha de Unai Emery, onde venceu dois títulos da Liga Europa, tendo jogado mais de 50 vezes pelo clube de Sevilha nas últimas duas épocas. Apesar de ter apenas uma internacionalização pela selecção nacional (este ano), é detentor do recorde para o jogador com mais jogos realizados em partidas da Liga Europa.

JOSÉ FONTE // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2007

O único jogador desta lista que não tem qualquer jogo pela equipa principal do Sporting, apesar de ser mais conhecido que alguns dos outros, sobretudo no Reino Unido. Depois de 8 anos percorridos pelos escalões de formação, enquanto sénior, Fonte apenas jogou pela equipa B do clube - mantendo-se ligado ao Sporting por mais dois anos. Depois de passagens por clubes portugueses de menor dimensão, José fez por merecer uma mudança para Inglaterra. Prestações continuamente sólidas, sempre deixando tudo em campo, tanto pelo Crystal Palace como pelo Southampton, levaram-no a um lugar na Equipa do Ano da League One na temporada de 2011 e a três grandes temporadas na Premier League pelos Saints. O actual capitão de equipa assinou a renovação que o mantêm no St. Mary's até 2018 e tem sido chamado com regularidade à sua selecção nacional.

LUÍS BOA MORTE // ESTREIA COMO SÉNIOR: 1996

Tal como Fonte, Boa Morte é alguém que passou os melhores anos da sua carreira em Inglaterra mas ao contrário da maioria dos jogadores desta lista, Luís não ingressou no Sporting antes dos 17 anos - uma idade que pode ser considerada tardia para o mundo do futebol de hoje. A juntar a isso, não ficou muito tempo: após quatro anos no Sporting (um deles emprestado ao Lourinhanense), o Arsenal contratou-o e a sua aventura no Reino Unido começou. Tendo passado por clubes como o Arsenal, Southampton e mais tarde no Chesterfield, o médio é reconhecido pelas épocas no Fulham e West Ham United. Caracterizado por um estilo de jogo agressivo, Luís foi idolatrado por adeptos de Fulham e West Ham ao longo da sua carreira e esteve presente na Alemanha com a Selecção Portuguesa no Mundial de 2006. Boa Morte está neste momento numa fase inicial da sua carreira de treinador nas camadas jovens do Sporting.

LUÍS FIGO // ESTREIA COMO SÉNIOR: 1989

Chegado ao Sporting com 11 anos, Luís Figo é um dos dois produtos da formação do Sporting vencedores da Bola de Ouro e um dos poucos jogadores no planeta a poder dizer que jogou nos rivais Real Madrid e Barcelona. Também pela selecção nacional Figo é um recordista, sendo o jogador com mais internacionalizações (127). Parte da "Geração de Ouro" portuguesa, teve várias grandes performances em competições jovens internacionais e é unanimemente reconhecido como um dos melhores jogadores portugueses de sempre.

JOÃO MOUTINHO // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2003

Muitas vezes reconhecido como um dos melhores médios box-to-box do planeta, João tem feito épocas de qualidade ano após ano. Consistência e dinamismo sempre foram os adjectivos que melhor definiram este jogador que se juntou à Academia com 13 anos. Após se estabelecer não apenas enquanto titular mas também como capitão de equipa, João Moutinho mudou-se para o FC Porto, de forma controversa, ao estilo de Futre. Após vencer vários troféus em Portugal, João mudou-se para França onde lidera neste momento o meio-campo do Mónaco. A juntar ao que atingiu pelos clubes, tem sido parte crucial do meio-campo da selecção nacional há vários anos, apesar das mudanças ocorridas na equipa.

NANI // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2005

Considerado como o novo Cristiano Ronaldo, Luís Almeida apenas chegou à Academia Sporting com 16 anos - jogando apenas dois anos nas camadas jovens. Para compensar, passou mais tempo na equipa sénior do que jogadores como Ronaldo. Nani fez duas épocas completas em Alvalade, obtendo 58 presenças e ganhando a Taça de Portugal em 2007. Seguindo os passos de Cristiano, o futebolista nascido em Cabo Verde também se transferiu para o Manchester United, onde venceu 4 Premier League's e uma Liga dos Campeões em 2008 (fazendo dele um dos cinco jogadores da Academia a vencer o troféu). A nível individual, as épocas em Inglaterra foram algo erráticas, com o extremo a ser inconstante de umas para as outras. No entanto, Nani alcançou um lugar na equipa do ano em 2011, na mesma época em que foi considerado pelo clube como Jogador do Ano. Após uma quebra de forma, o 5º mais internacional de sempre da história da selecção portuguesa voltou a elevar as suas performances num regresso de uma época ao Sporting (vencendo mais uma Taça) e exibe agora as sua capacidades na Turquia.

CRISTIANO RONALDO // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2002

O que dizer dele que ainda não tenha sido dito? Um atleta extraordinário, Cristiano é a nata da cultura de Academia do Sporting. Três Bolas de Ouro, recordes ultrapassados semana após semana e estatuto de lenda em dois dos maiores clubes do planeta: Manchester United e Real Madrid. Desde a juventude, todos haviam previsto que o miúdo seria uma futura estrela. Estabelecendo recordes desde tenra idade, Cristiano mudou-se para a Academia com 11 anos (na altura, apenas com 15 anos podiam fazê-lo) depois do clube ter pago por ele a exorbitante quantia de 25000€. Como poderia qualquer clube do planeta justificar um investimento de 25000€ num miúdo de 11 anos? Ele tinha de ser algo verdadeiramente especial e como se provou...é-o.

SIMÃO SABROSA // ESTREIA COMO SÉNIOR: 1997

Mais um extremo de qualidade produzido pela formação do Sporting e mais um que acabou como estrela numa das equipas rivais. Após evoluir nos escalões de formação durante 5 anos, o extremo completou duas épocas de qualidade pela equipa principal do Sporting. Depois de ter passado duas temporadas um pouco desapontantes no Barcelona, Simão assinou pelo outro grande de Lisboa: o Benfica. Pelas águias, tornou-se estrela numa estadia de seis temporadas, sendo capitão na maior parte delas. Seguiram-se três boas temporadas pelo Atlético de Madrid, ao mesmo tempo que acumulou um total de 85 internacionalizações - sendo regularmente chamado para os grandes torneios. Com os anos a levarem o melhor dele, o ídolo do Benfica joga neste momento na índia tal como muitos outros reconhecidos futebolistas.

MIGUEL VELOSO // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2005

Da mesma geração de João Moutinho e Nani, Veloso é outro jogador que beneficiou da subida de Paulo Bento à equipa principal do Sporting. Filho do antigo capitão do Benfica, António Veloso, Miguel esteve no Sporting 10 anos, cinco deles na equipa principal, onde atingiu o ponto mais alto da carreira. O agora quase 'trintão' teve uma passagem infrutífera pelo Génova, antes de chegar ao Dínamo de Kiev, onde o internacional português joga até hoje. Apesar de não ser hoje um habitual titular da selecção nacional como foi no passado, Miguel já ultrapassou a marca das 50 internacionalizações e esteve presente em dois Mundiais e dois Euros.

RICARDO QUARESMA // ESTREIA COMO SÉNIOR: 2001

Para acabar a lista temos ainda outro talentoso e irreverente extremo que passou os melhores anos da carreira jogado por um dos rivais do Sporting: o FC Porto. Quaresma jogou nas equipas jovens do Sporting desde os 14 anos, chegando à equipa principal, onde passou apenas dois anos da sua carreira. Depois de uma sequência de lesões pelos gigantes do Barcelona, Ricardo voltou a Portugal, desta vez para jogar no Porto. Aqui, tornou-se num jogador essencial para a equipa, ganhando vários títulos e alcançando o estrelato. Com uma carreira recheda de golos bonitos, desentendimentos com treinadores, truques incríveis pelas alas e estadias desapontantes em gigantes europeus, o rei da "trivela" teve uma vida futebolística de altos e baixos desde que deixou o seu clube de juventude. No entanto, o "Mustang" foi parte integrante da selecção nacional nos Euro 2008 e 2012.

O FUTURO

Neste momento podemos ver muitos jovens talentos jogando tanto na equipa B como nas equipas jovens do Sporting. Na segunda equipa , temos alguns dos mais promissores jovens jogadores portugueses, tais como o defesa central Domingos Duarte, os médios ofensivos Francisco Geraldes e Rafael Barbosa e os avançados Ponde, Podence e Luís Elói.

Dos jogadores que estão nas equipas jovens, um dos mais promissores é Bubacar Djaló, um médio que já é seguido por equipas como a Roma ou o Tottenham. Muitas vezes comparado a Paul Pogba devido à sua combinação de presença física e qualidade técnica, Bubacar assinou recentemente a renovação de contrato que supostamente o manterá em Alvalade até 2020.

Alguns dos mais talentosos 'graduados' da Academia já foram integrados na equipa sénior. Jogadores como os extremos Gelson Martins (que está na primeira equipa desde o início da época) e Matheus (um extremo nascido no Brasil) têm ambos tido oportunidades por parte de Jorge Jesus. A acrescentar a estes talentos, outros jovens jogadores estrangeiros foram trazidos para o clube, como Bruno Paulista (comprado ao Bahia este verão) e Ryan Gauld (transferido do Dundee United na pré-época de 2014/2015), têm evoluído na equipa B e podemos ver a influência do Sporting no seu crescimento, sobretudo em Gauld, visto que o Escocês chegou a Portugal à mais tempo.


Volto a destacar um artigo de Tiago Estêvão, publicado no site Outside Of The Boot.
Porque independentemente das escolhas do autor ou de uma ou outra imprecisão, prestigiam a nossa Academia além fronteiras e dão-lhe ainda mais visibilidade, mas sobretudo porque presta uma justa homenagem à nossa formação, reconhecidamente uma das melhores a nível mundial. 
O facto do artigo se destinar ao Reino Unido explica algumas das escolhas e destaques mas nem por isso deixa de destacar bons exemplos da nossa Academia.

Rescaldo do #DiaDeSporting

Pode um dia onde se ganhou 7 jogos e perdeu 3 ser negativo?

Pode.

Alguma das nossas equipas falhou no compromisso e responsabilidades de representar o Sporting?

Não.

Fiquei triste pela derrota com o Benfica, pela Taça Continental deixada em Barcelona e pela eliminação da Taça EHF?

Muito.

Porque merecíamos ganhar no futsal, porque podíamos ter dado mais luta ao Barça e porque a passagem era perfeitamente possível, frente aos dinamarqueses.

Assim, perdemos um título ao qual não éramos favoritos à vitória e onde fomos briosos e abandonámos as competições europeias de andebol na 1ª eliminatória em que participámos (com uma boa equipa, mas que se revelou ao nosso alcance).

Nada disto me faz duvidar de nenhuma das nossas equipas mas...haverá alguém satisfeito com objectivos falhados?!

Claro que não! E, sobretudo no caso do andebol, falhámos numa prova onde já tínhamos falhado, com os mesmos contornos dramáticos, na época passada, exactamente na mesma fase.

Vou apenas falar do que vi.

O futsal tem tido um problema claro nos jogos com o Benfica de Joel Rocha: a finalização. Só ganhámos um jogo em nove e fomos mais fortes e dominantes em sete mas...marcámos quase sempre menos golos e, quem marca menos, perde.
Tem sido difícil contornar o jogo extremamente calculista e defensivo do treinador do Benfica que, com a estratégia adoptada, assume a nossa superioridade mas parece saber como a contrariar. Claro que a nossa ineficácia esbarra também na eficácia defensiva do adversário, sobretudo no corpo de Juanjo, que foi mais uma vez decisivo na vitória do Benfica.
A verdade é que é sempre frustrante perder com um rival mas é-o ainda mais quando fomos superiores, quando rematámos mais, quando tivemos mais oportunidades claras de golo e não conseguimos materializar.
Nuno Dias voltou a montar bem a equipa mas voltámos a esbarrar na ineficácia dos nossos jogadores. O jogo nada decide, nada define mas dá ao Benfica a vantagem moral de ficar isolado na frente e com vantagem no confronto directo, bem como agudiza o nosso trauma relativamente aos últimos encontros entre ambos. 
Espero que a sorte mude.

É difícil criticar os nossos rapazes do hóquei. A tarefa era difícil, mesmo com a vantagem conseguida no Livramento, mas a ilusão de que era possível dificilmente não deixaria no ar alguma desilusão, sobretudo porque pareceu que entrámos algo amedrontados, sem qualquer motivo para isso. As bancadas estavam muito despidas e quase só se ouviram os nossos durante os 50 minutos. Motivos de sobra para motivar e nada que nos pudesse amedrontar. Mas a verdade é que faltou um 'pinguinho' de 'desrespeito' pelo adversário, sobretudo após a eliminatória voltar a estar empatada e alguma eficácia nos lances de bola parada.
Claro que não ignoro (nem o podia fazer) o facto de estarmos perante o campeão europeu e o dominador claro da modalidade no nosso continente. Claro que o Barcelona continuava a ser favorito mesmo depois de ter perdido em Portugal. Mas nós tínhamos mais hipóteses do que aquelas em que acreditámos após os primeiros minutos de jogo.
Bola para a frente! Se a Supertaça era um objectivo claro (e foi alcançado com total mérito), a Taça Continental, sendo-o também, previa uma melhor aceitação do insucesso. 
Assim foi. Fiquei triste, acho que podíamos ter feito mais mas continuo orgulhoso de tudo o que esta equipa nos tem proporcionado.
Vitórias na Taça de Portugal e na Taça CERS farão desta época inesquecível. Se pudermos juntar o campeonato nacional (objectivo que considero mais difícil), será apoteótico.

Apenas algumas notas para o futebol.
A formação continua a mostrar que as notícias da sua morte foram claramente um exagero. Vitórias nos juniores (2-1 em casa do Belenenses, o 2º classificado) e nos juvenis (por 11-0, frente ao CADE) voltaram a mostrar que estamos vivos e de saúde.
Nos seniores, o objectivo foi cumprido. Vitória tranquila de uma equipa que soube encarar o jogo com profissionalismo e seriedade e onde foram os 'miúdos' a dar nas vistas. Matheus estreou-se a marcar (e fê-lo por duas vezes), Paulista estreou-se e marcou e Gelson estreou-se também a marcar pela equipa principal e afinal, parece que Jesus não veio 'ignorar' a nossa formação.
Do que me foi possível perceber pela análise de Costinha, durante o relato na Antena 1, foram estes os destaques, aos quais junto Jonathan Silva e Tanaka que, nas palavras do ex-dirigente leonino, entrou muito bem e fez uma boa exibição, mostrando que está disponível para ajudar sempre que for chamado a intervir.

Não posso deixar de dar os parabéns à nossa equipa de ténis de mesa, que não vacilou e venceu o primeiro título da época, a Supertaça, diante do campeão nacional e vencedor da Taça de Portugal, o Toledos. Espera-se uma grande época por parte de Diogo Chen, João Sedúvem (ambos da nossa formação), Bode Abiodun e Aruna Quadri e o regresso do título nacional a Alvalade parece este ano mais provável.

Apenas frisar que a tal mentalidade ganhadora parece estar a demorar mais tempo a entrar no andebol. A derrota com o Porto e a eliminatória com o Holstebro são indicadores disso mesmo e mostram que Zupo ainda tem trabalho a fazer com estes jogadores que, espero e acredito, nos darão alegrias esta época. Sem competições europeias, a pressão dos resultados aumenta e não podemos negá-lo. É encarar o touro pelos cornos, sem receios e com ambição.

Um obrigado especial aos adeptos que estiveram em Barcelona a acompanhar o hóquei. Foram mais notados do que se esperava e mereceram menção honrosa por parte dos comentadores espanhóis, espantados com tamanho entusiasmo e fidelidade.

Somos enormes!

Hoje há mais e estes são os destaques.

Destaques domingo.png

Agenda completa AQUI

 

Bruno Paulista é o 8º reforço

Tal como a maioria dos Sportinguistas, não conheço Bruno Paulista.

Os valores impõem respeito para um perfeito desconhecido. Parece um dos jogadores prospectos por Jorge Jesus num país e numa liga que conhece muito bem.

Valem o que valem mas os vídeos no youtube impressionam. Tem semelhanças com William Carvalho e é mais rodado que João Palhinha.

Não há, para já, motivos para não confiar na ‘estrutura’. Se Bruno de Carvalho satisfez o primeiro ‘capricho’ de JJ é porque certamente viu, também ele, algo no jogador.

Certo é que, neste momento, o saldo é já negativo. Gastámos mais do que arrecadámos e pode esperar-se o início do arrumar da casa, depois das saídas de Cédric, Sarr e Enoh em definitivo e André Geraldes, Heldon e Miguel Lopes por empréstimo.

É tempo de fazer dinheiro e lucro. Espero não perder peças fundamentais e que se faça esse dinheiro com os excedentários.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal