Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Grande Artista e Goleador

Hoje joga o Sporting

O Sporting ainda não venceu dois jogos consecutivos em 2017 e desde 8 de janeiro que não completa uma série de 2 jogos consecutivos a vencer para o campeonato. Mesmo assim, em casa, temos 8 vitórias em 10 jogos e é onde temos sido mais consistentes (o registo fora de casa é vergonhoso, mas não vou falar dele hoje).

 

O adversário de hoje é o Rio Ave que, em sua casa nos infligiu a maior derrota desta época e a única que ultrapassou a vantagem tangencial.

São, como disse Jesus ontem, uma boa equipa, com uma boa organização defensiva e boas movimentações ofensivas. Virão a Alvalade desfalcados de Heldon (já recuperado da lesão mas emprestado pelo Sporting), Petrovic (que se tem imposto como titular mas está também por empréstimo nos vila-condenses) e também de Yazalde (lesionado).

Em foco tentarão estar Gil Dias, Rúben Ribeiro, Gonçalo Paciência e Rafa Soares, aqueles que, a meu ver, mais podem criar perigo, em conjunto com Tarantini, Marcelo e Roderick, perigosos nas bolas paradas.

No entanto, os vila-condenses não têm sido felizes nos jogos fora e não vencem fora de portas para o campeonato desde 29 de dezembro, quando venceram em Braga. Daí para cá, quatro derrotas em outros tantos jogos, apesar de terem marcado em quase todos os jogos fora de portas (apenas em 2 dos 10 não fizeram golos).

 

O Sporting apresentar-se-á na máxima força e com todo o plantel disponível para Jorge Jesus que, acredito, elegerá um onze diferente daquele que jogou em Moreira de Cónegos.

A primeira parte voltou a ser fraca e houve jogadores a dar novamente um sinal claro de falta de forma. Acredito que Jesus não ignorará isso e fará alinhar os mais preparados.

Espero ver Podence no onze e acho que está na altura de Semedo dar o lugar a Paulo Oliveira. Principalmente estes, merecem jogar de início, ainda que me apetecesse mexer na laterais, onde as alternativas escasseiam.

 

Que voltemos a vencer e saiamos no encalce da melhor série de vitórias da época (4, entre 13 de agosto e 10 de setembro, precisamente no arranque da Liga), melhorando esse registo até às 14, o único número que nos permitirá sonhar com uma classificação melhor do que a que ocupamos neste momento.

 

Uma nota importante: que Rui Patrício não sofra golos no dia em que completará 400 jogos oficiais pelo Sporting e...na, na, na, na, na, na, na, na, BAS DOST!

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal