Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

Começa hoje o ciclo infernal que nos pode dar três títulos

Serão sete (que se espera que sejam oito) jogos em pouco mais de três semanas.

 

10.05 Águas Santas (f) 
13.05 Porto (c)
17.05 Madeira (f)
21.05 Turda (c) Final da Taça Challenge
27.05 Turda (f) Final da Taça Challenge
31.05 Benfica (c)
3-4.06 Final-Four Taça Portugal

 

Tudo jogos de exigência máxima, até à meia-final da Taça de Portugal, com o Avanca, o menos credenciado de todos os adversários.

Para o campeonato, são históricas as dificuldades das idas a Águas Santas e à Madeira. Teremos de estar ao melhor nível já hoje, para poder passar para a frente do campeonato no fim-de-semana, onde teremos de vencer o Porto por mais de dois golos de diferença (vencer por dois atira o desempate para a diferença de golos total onde, neste momento, temos desvantagem de sete golos).

Sobre as recepções a Porto e Benfica, nem é preciso falar. São clássicos e embora tenhamos sempre revelado facilidades perante o Benfica, não será fácil jogar com eles um jogo que poderá dar o título e onde viremos de um grande desgaste acumulado. Mas, até lá, muita água terá de correr por baixo do moinho.

Hoje, a norte, num pavilhão pequeno onde o público costuma ser fervoroso e o ambiente adverso para quem o visita, teremos de fazer das fraquezas forças e mostrar já no inicio deste ciclo que estamos fortes para vencer tudo.

Um resultado que não seja a vitória acaba praticamente com as nossas aspirações ao título e, por isso, todo o apoio é pouco. Os Sportinguistas do norte têm uma força especial e acredito que os que forem a Águas Santas empurrarão a equipa para a vitória.

 

Num dia em que parecem ter terminado os rumores sobre a contratação de Carlos Resende, visto que foi noticiado um eventual acordo do treinador português com o Benfica, vejo esta notícia como um um ponto estabilizador.

O Sporting tem treinador. Hugo Canela tem feito, a meu ver, um bom trabalho e, conquistando o título nacional ou até mesmo dois dos três títulos em disputa, terá a porta aberta à continuidade (esperando naturalmente que possamos manter a maioria dos jogadores do plantel, que são de grande qualidade).

 

Tempo de reunir, lutar e vencer. A seca pode acabar este ano.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal