Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Grande Artista e Goleador

BAS DOST 2-0 Nacional: Frieza e ambição holandesa

O golo de Bas Dost antes do quarto de hora fez parecer ao Nacional que o que aconteceu no Dragão podia repetir-se. Com a "sede" que anda o holandês, era uma questão de tempo até o resultado se avolumar.

O segundo golo chegou pouco depois da meia hora e, sem uma exibição que convencesse por aí além, parecia que poderíamos replicar a goleada de Tondela.

 

Só que não...

 

Os jogadores conformaram-se. Os do Sporting porque perceberam que os no Nacional até se "borravam" todos sempre que passavam o meio-campo. Os do Nacional porque sabiam que se esticassem demais o jogo, iam destapar buracos na defesa.

Era o jogo perfeito para "bater recordes". Podíamos e devíamos ter feito mais, embora tenhamos demonstrado bons momentos, sobretudo nos primeiros 45 minutos.

 

Acabámos o jogo a ouvir uns assobios tímidos vindos da bancada, que eu percebo, dado que faltavam 10 minutos para terminar o jogo e pareciam ser os jogadores a querer sair mais cedo, para fugir ao trânsito.

Apesar de tudo, mais três pontos que, depois da escorregadela do Benfica, nos aproximam do primeiro lugar.

 

Sigam-me no facebook e no twitter.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Blogs Portugal